quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Dilma Poste é a nossa nova presidente

Texto original em português (sem fotos e vídeos de putaria, no A Vez das Mulheres de Verdade): Dilma Poste é a nossa nova presidente, http://avezdasmulheres.wordpress.com/2011/01/05/dilma-poste-nossa-nova-presidente/

Abigail Pereira Aranha

As feministas estão comemorando a posse da Dilma Rousseff, a primeira mulher na presidência da República, a vitória sobre o machismo, aquela coisa toda.

Mas pra começar, eu já discuti uma vez e vou repetir: Se era pra eleger uma presidente mulher, por que só agora, e justo o Poste?

Com 20% de evangélicos, os candidatos vão pedir apoio pra pastor e têm que provar que não vão perseguir as igrejinhas de galpão abandonado nem legalizar o aborto. Por que as mulheres são 52% do eleitorado e a melhor votação para uma mulher candidata à presidência da República antes dessa eleição foi quase 7% para a Heloísa Helena em 2006? Por que nessa eleição mesmo, as mulheres deputadas federais são só 6 dos 70 de São Paulo, 1 dos 16 de Santa Catarina, 2 dos 31 do Rio Grande do Sul, e por aí vai (a lista está cá em baixo)? As lesbo-feminazistas vão falar só dos homens, como sempre?

Que a Dilma / Estela tenha participado da luta armada contra a ditadura, tudo bem, isso conta pontos até. Dizem os direitistas que a luta armada não queria trazer a democracia, queria trazer um governo tipo Cuba pro Brasil. Realmente existe gente inescrupulosa nas boas causas, mas caramba, ditadura eles já tinham e eles não estavam se sacrificando por outra conscientemente. Mas vamos traçar um perfil da nossa nova presidenta:


  1. Nunca disputou uma eleição.


  2. Dizia que era doutoranda pela Unicamp, mas nunca entregou a tese do mestrado e a matrícula do doutorado foi cancelada (veja "As mentiras de Dilma Rousseff", fórum Realidade)


  3. Sua grande experiência depois de entrar pro serviço público foi uma loja de produtos importados que durou menos de um ano e meio. ("Dilma 1,99 Rousseff", Diogo Mainardi, Veja de 04/09/2010)


  4. Foi candidata por falta de opção. Veja o artigo "Dilma redesenhada", da Eliane Cantanhêde, no final.


  5. Em uma pesquisa de setembro de 2008, entre Aécio Neves, Heloísa Helena e Dilma Rousseff, Dilma era a última com 12,3%.


  6. Quatro multas para o Lula por campanha antecipada só até o fim de maio.


  7. Ela teve maior votação nas regiões com maiores índices de analfabetismo.


  8. Pode não ser brasileira nata, como exigido pela Constituição (art. 12 § 3º I). Eu já contei essa aqui.


  9. Eleita, Dilma terá que agradecer a Lula, o mais propular presidente do Brasil desta geração, por transformar uma sensata burocrata e ex-estudante militar sem experiência em cargos eletivos em sua sucessora. E quem diz isso não sou eu, é o New York Times ("Imprensa internacional repercute vitória de Dilma e fala em desafios do governo", Folha.com.br, 31/10/2010)

O grande significado da vitória de Dilma Poste é que governar pra gentalha dá certo. Não é gentalha no sentido de pobre de dinheiro, é no sentido de pobre de cabeça, de caráter. Primeiro, Dilma foi a candidata que subiu na política com o nome de Lula. Lula foi reeleito com o Bolsa Família e o Prouni. A corrupção, a educação, a saúde tudo ruim e cada vez pior não interessam. Se a mãe solteira com três filhos cada um de um pai pode por o ex na cadeia se ele não pagar a pensão, se o aposentado pelo INSS pode fazer um empréstimo com desconto na aposentadoria, se uma favelada de 15 anos pode ter um celular pra conversar com a amiguinha fútil, se o estudante medíocre e imaturo sabe que vai passar de qualquer jeito e ainda pode escolher em qual universidade pública vai entrar usando a pobreza e a cor negra, se a próxima Copa do Mundo vai ser no Brasil, é PT na cabeça.

A única coisa boa do mandato da Dilma Rousseff que está começando é que ele vai significar pro feminazismo o que o mandato do Lula significou para o PT: a vergonha completa. Aproveitando uma frase de Ignazio Silone sobre o comunismo, a batalha de gênero final não vai ser entre mulheres feministas e homens machistas, mas entre mulheres feministas e homens ex-feministas. Já é questão de poucas décadas: o grande desafio do feminismo não vai ser mostrar por que a mulher deve ganhar espaços, mas mostrar por que deve tê-los de volta.

ELIANE CANTANHÊDE: Dilma redesenhada

BRASÍLIA - Lula aproveitou o congresso do PT para desenhar, linha por linha, o perfil da candidata Dilma Rousseff. Potencializou suas qualidades, transformou eventuais desvantagens em virtudes e voltou para o Alvorada sabendo que a militância iria decorar a lição para a campanha.

Se a direita, principalmente a direita militar, não cansa de chamar Dilma pela internet de "guerrilheira", Lula foi carinhoso ao falar da "menina que arriscou a própria vida" em defesa da democracia.

Se prevalece a percepção de que Dilma não foi uma opção, mas escolhida por exclusão (depois da queda da cúpula e dos presidenciáveis naturais do PT), Lula tratou de dizer que estava de olho nela havia muito tempo, desde quando discutia a questão energética e via aquela mulher ali, aplicada, competente, agarrada ao seu laptop.

Se a oposição, tucanos e democratas à frente, não cansam de bater na tecla de que ela mente, citando os casos da ex-secretária da Receita, do dossiê contra FHC e do diploma inflado, Lula tratou de corrigir: ela é um poço de sinceridade.

E se os próprios governistas consideram, por baixo e às vezes por cima dos panos, que Dilma é arrogante e mandona, a ponto de gritar com ministros, presidentes de estatais e assessores em reuniões, Lula transformou esse, digamos, probleminha, numa grande qualidade: é que ela é perfeccionista em tudo o que faz, aprende tudo em uma semana e exige dos outros o que exige dela mesma para bons resultados.

Desenhada a candidata, Lula pôs-se a ditar também a política de alianças. Com ele ali, do alto de sua imensa liderança e popularidade, quem iria vaiar o PMDB, representado por Michel Temer, Edison Lobão e Hélio Costa?

Sarney e Henrique Meirelles, porém, não foram. É que a turma petista digeriu bem a nova Dilma e tinha de engolir o PMDB, mas pedir para não vaiar Sarney e o BC seria um pouco demais, não é?

Folha de S. Paulo, 23 de fevereiro de 2010

Agradecimentos ao Napocalipse (http://napocalipse.blogspot.com/2010/02/eliane-cantanhede-dilma-redesenhada.html)

Candidatos a deputado federal

Estatísticas de Resultados - Quadro cargo/sexo

Fonte: http://tse.jus.br/internet/eleicoes/estatistica2010/Est_resultados/quadro_cargo_sexo.html

UF Cargo Sexo Qt Candidatos Qt Eleito / 2º Turno QT Não Eleito
AC DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 27 6 21
AC DEPUTADO FEDERAL FEMININO 8 2 6
AL DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 52 7 45
AL DEPUTADO FEDERAL FEMININO 12 2 10
AM DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 39 7 32
AM DEPUTADO FEDERAL FEMININO 13 1 12
AP DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 52 5 47
AP DEPUTADO FEDERAL FEMININO 20 3 17
BA DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 214 38 176
BA DEPUTADO FEDERAL FEMININO 29 1 28
CE DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 89 21 68
CE DEPUTADO FEDERAL FEMININO 24 1 23
DF DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 74 6 68
DF DEPUTADO FEDERAL FEMININO 20 2 18
ES DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 60 6 54
ES DEPUTADO FEDERAL FEMININO 12 4 8
GO DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 107 15 92
GO DEPUTADO FEDERAL FEMININO 10 2 8
MA DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 132 17 115
MA DEPUTADO FEDERAL FEMININO 19 1 18
MG DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 454 52 402
MG DEPUTADO FEDERAL FEMININO 68 1 67
MS DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 45 8 37
MS DEPUTADO FEDERAL FEMININO 22 0 22
MT DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 49 8 41
MT DEPUTADO FEDERAL FEMININO 18 0 18
PA DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 96 16 80
PA DEPUTADO FEDERAL FEMININO 22 1 21
PB DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 64 11 53
PB DEPUTADO FEDERAL FEMININO 13 1 12
PE DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 162 23 139
PE DEPUTADO FEDERAL FEMININO 14 2 12
PI DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 64 9 55
PI DEPUTADO FEDERAL FEMININO 23 1 22
PR DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 212 28 184
PR DEPUTADO FEDERAL FEMININO 50 2 48
RJ DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 568 42 526
RJ DEPUTADO FEDERAL FEMININO 182 4 178
RN DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 50 6 44
RN DEPUTADO FEDERAL FEMININO 10 2 8
RO DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 54 7 47
RO DEPUTADO FEDERAL FEMININO 16 1 15
RR DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 47 7 40
RR DEPUTADO FEDERAL FEMININO 15 1 14
RS DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 208 29 179
RS DEPUTADO FEDERAL FEMININO 63 2 61
SC DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 109 15 94
SC DEPUTADO FEDERAL FEMININO 37 1 36
SE DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 47 8 39
SE DEPUTADO FEDERAL FEMININO 7 0 7
SP DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 834 64 770
SP DEPUTADO FEDERAL FEMININO 193 6 187
TO DEPUTADO FEDERAL MASCULINO 30 7 23
TO DEPUTADO FEDERAL FEMININO 10 1 9
Indicação de hoje
sexo, putaria, safadeza, pornografia, mulher pelada, filme pornô
Só pra relaxar mesmo, que esse assunto é um porre.
Fat Titty Carmella Bing Anal Sting
Peituda, morena, anal
Fat Titty Carmella Bing Anal Sting brought to you by ExtremeTube.com
A German With Three Guys
(Uma alemã com três caras) Coroa loura razoável com três de uma vez. Coroa também mete.
A German With Three Guys brought to you by PornHub
Taylor Stevens Does Not Need Drifter
Peituda, morena, anal

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Página no Facebook