domingo, 3 de agosto de 2014

(Erros de) Lógica feminista seleção 2 ou O Puritano-Feminismo episódio 16: caso Yasmin Ferreira contra o porteiro, rapaz não vê problemas nos elogios do porteiro e feministas pedem pra ele passar a mãe na frente de uma obra

O dia em que uma estudante cansou de ser assediada (alguns comentários em Pragmatismo Político)

Cansada de ser assediada pelo mesmo porteiro a caminho da faculdade, em Copacabana, a estudante Yasmin Ferreira resolveu reagir nesta terça-feira. O funcionário de um prédio na Rua Raul Pompeia, que aparece de camisa branca, sai de cena quando vê que está sendo filmado.

Lucas

postado em 03/jun/2014 às 23:19

Paradoxal... Explico; Mulher n gosta de ser elogiada? não vejo razão nenhuma para um estardalhaço deste tamanho. Todas sabem que isso é a coisa mais normal do mundo, ainda mais aquelas q a natureza dotou de certos atributos. Elogio é uma coisa que faz bem à auto-estima. A mulher gosta de saber que é gostosa...Ou não? Então pq a hipocrisia? O sujeito foi apenas 'sincero como não se pode ser'... O que é um pecado nos dias de hoje.

Eliane

postado em 04/jun/2014 às 17:05

Concordo contigo Eva,manda a mãe dele e se tiver irmã passar na frente do referido porteiro.

Eliane

postado em 04/jun/2014 às 17:09

Se for com a sua mãe tudo bem né?Deve estar acostumada.

Lucas

postado em 04/jun/2014 às 22:59

Os feministas de plantão estão cheios de ódio no coração... é incrivel que não se possa nem ao menos ter uma opinião. Vocês são os suprassumos da intolerância e agora a culpada é da minha falecida mãe... Por favor muchachos...Deveriam vocês condenar a mim pela opinião e o porteiro à pena de morte pela expressão? que tal? Qual seria a solução? Cuidado para não cairem no outro extremo do ódio e da intolerancia... Em tempo, para alguns trouxas aí; 'homem' feminista é uma coisa horrorosa... realmente nauseante.

Lucas Gordo bobo

postado em 03/jun/2014 às 23:24

Lucas, manda sua mãe/mulher/filha passar aqui na frente de casa e todo dia eu chamar elas de gostosas, tesão, peitudas, bundudas... Vamos ver se vai continuar achando hipocrisia!

Marcela

postado em 03/jun/2014 às 23:25

Você é apenas um idiota :) Se chamarem sua mãe, irmã, esposa, namorada, sei lá o que de gostosa, dizer que o peito delas é uma delícia, aí não pode né? Babaca!

Aragão

postado em 03/jun/2014 às 23:27

Então, no próximo dia das mães, de de presente uma tanga para a sua mãe e uma corrida de taxi para a frente de uma construção para os peões ficarem elogiando ela. Afinal, sua mãe é mulher e toda mulher gosta de elogios.

Eduardo S. de Carvalho

postado em 03/jun/2014 às 23:30

Lucas, nós, homens, geralmente pensamos assim. Mas se a moça tá na dela, não tem problemas com auto-estima, não, esses "elogios" não são "a coisa mais normal do mundo". Você se sentiria à vontade se uma mulher olhasse pra sua calça e elogiasse em público o volume entre suas pernas? Eu me sentiria constrangido.

http://www.pragmatismopolitico.com.br/2014/06/o-dia-em-que-uma-estudante-cansou-de-ser-assediada.html

Exercício de Raciocínio Lógico: sexo hétero é desrespeito à mulher ou refúgio das mulheres tolas?

Boa tarde, meus amigos e minh@s inimig@s! Vamos tentar descobrir o pensamento lesbonazista nesse apanhado. Primeiro, vamos às premissas:

I) A feminazista Valerie Solanas disse que "Sexo é o refúgio dos tolos. E quanto mais tola é a mulher, quanto mais profundamente ela é encaixada na 'cultura' masculina, em resumo, quanto mais amável ela é, mais sexual ela é";

II) Valerie Solanas estava errada;

III) A feminazista Andrea Dworkin disse que "Coito heterosexual é a pura, formalizada expressão de desprezo pelo corpo das mulheres";

IV) Andrea Dworkin estava errada;

V) A feminazista Marilyn French disse que os homens estupram as mulheres com seus olhares;

VI) Marilyn French estava errada;

VII) I, III e V representam o Feminismo e aceitar I, III ou V é ser feminista;

VIII) ser machista é acreditar que todas as mulheres são propriedade de algum homem;

IX) ser feminista é defender a liberdade sexual da mulher;

X) (do Lucas, de II, IV e VI) todas as mulheres gostam de ser elogiadas por homens heterossexuais;

XI) (do Lucas, de II, IV e VI) todas as mulheres gostam de ser sexualmente atraentes;

XII) (do Lucas, de VI) todos os homens heterossexuais podem se agradar de qualquer mulher por ser bonita ou gostosa e quando mostram que se agradam de mulheres fisicamente agradáveis são apenas "sinceros como não se pode ser";

XIII) (do Lucas, de X, XI e XII) todas as mulheres podem ser elogiadas por serem fisicamente atraentes;

XIV) (do Lucas, de XIII) todas as mulheres que se mostram atraentes e rejeitam elogios de homens heterossexuais (não cantadas vulgares, o que já é um problema) são hipócritas ou contraditórias;

XV) (conclusão, do Lucas e nossa) nenhum homem e nenhuma mulher deveria ver algo de errado nisso tudo.

Agora, vamos às respostas feministas:

Caso 1 - você homem heterossexual NÃO GOSTARIA que sua irmã ou sua mãe fosse elogiada por ser gostosa. Portanto, não XV (um homem vê algo de errado nisso tudo). Portanto, não XIII (nem todas as mulheres podem ser elogiadas por serem fisicamente atraentes). Portanto, não XII (existem mulheres que os homens heterossexuais não podem mostrar que se agradam delas por serem bonitas ou gostosas). Portanto, não VI (Marilyn French estava certa). Por VIII, Lucas é machista. Por VII, Lucas é feminista. Por VIII, quem disse que a mãe ou a irmã dele deveria passar seminua na frente de um monte de homens para receber cantadas defende o machismo.

Caso 2 - você homem heterossexual GOSTARIA que sua irmã ou sua mãe fosse elogiada por ser gostosa e ela daria uma de Yasmin Ferreira. Portanto, XIII, XIV e XV. Vamos chamar de M a irmã ou a mãe do Lucas. Por XIV, M é hipócrita ou contraditória. Se M não pode ser elogiada por ser fisicamente atraente, não XIII (existem mulheres que não podem ser elogiadas por serem fisicamente atraentes). Portanto, não X e não XII. Portanto, não II, não IV ou não VI. Portanto, I (Valerie Solanas estava certa), III (Andrea Dworkin estava certa) ou V (Marilyn French estava certa). Por VII, M é feminista. Por VII, Lucas não é machista (ele não acredita que M é propriedade de alguém). Por IX, Lucas é feminista. Por VIII, quem disse que M deveria passar seminua na frente de um monte de homens para receber cantadas defende o machismo.

Caso 3 - você homem heterossexual GOSTARIA que sua irmã ou sua mãe fosse elogiada por ser gostosa e ela ACEITARIA os elogios. Portanto, XIII, XIV e XV. Vamos chamar de M a irmã ou a mãe do Lucas. Por VIII, quem disse que M deveria passar seminua na frente de um monte de homens para receber cantadas defende o machismo; por I, M é tola. Por VII, Lucas não é machista (ele não acredita que M é propriedade de alguém). Por IX, Lucas é feminista (ele defende a liberdade sexual da mulher).

Caso 4 - você homem heterossexual GOSTARIA que sua irmã ou sua mãe fosse elogiada por ser gostosa e ela ACEITARIA os elogios e algumas propostas de sexo. Portanto, XIII, XIV e XV. Por IX, M é feminista. Por VIII, quem disse que M deveria passar seminua na frente de um monte de homens para receber cantadas defende o machismo; por I, M é tola; por III, M é desrespeitada. Por VII, Lucas não é machista (ele não acredita que M é propriedade de alguém). Por IX, Lucas é feminista (ele defende a liberdade sexual da mulher).

Ah, e eu fiz questão de destacar o último comentário, do rapaz que ia ficar com vergonha se uma mulher olhasse pro "volume" dele. Eu não duvido da sua heterossexualidade, sei como é, eu já dei umas olhadas de Lobo Mau pra Chapeuzinho Vermelho pra alguns pacotes na rua e no ônibus sem querer e alguns ficaram com vergonha. Mas pelo menos você não fez igual as moças feministas que comparam assédio de dois homens a uma mulher com assédio de dois gays a um homem hétero.

Conclusões: um homem heterossexual que não vê problemas em uma mulher ser elogiada ou cantada por um porteiro na rua por ser boazuda é feminista, mesmo que a mulher seja a mãe dele; se a irmã ou a mãe desse homem heterossexual receber o elogio ou a cantada e não gostar, ela é feminista; se ela gostar, também é feminista; uma mulher que vê problemas nisso tudo também é feminista e também machista. O único jeito de um homem ser machista sem ser feminista é incentivar a irmã ou a filha a servir sexualmente o patriarcado e oferecer a moça para os chegados da firma. Quiá, quiá, quiá, quiá, quiá!

Abigail Pereira Aranha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Página no Facebook