domingo, 19 de novembro de 2017

Por que uma mulher não pode ser uma lembrança doce nas memórias dos homens por quem passa?

Não precisamos ser ou nos sentir mulheres maravilhosas onde estivermos, precisamos fazer as pessoas se sentirem melhor porque estamos perto.

Que um homem amigo, conhecido ou desconhecido que não vemos mais se lembre do nosso sorriso e se sinta reanimado.

Que um homem desconhecido que recebeu um sorriso nosso na rua fique encantado. Que ele fique animado porque não trocamos a amabilidade pelo medo de parecer uma mulher fácil.

Que o nosso bem traga também o bem do próximo. Que cada homem que nos faça bem receba algo de bom de nós. E que o bem e o prazer que ele recebeu o anime a desenvolver e praticar o que ele tem de bom.

Que ele se lembre com prazer do sexo que teve conosco. Ou, se nós tivermos, que ele se lembre dos nossos seios fartos ou na nossa bunda apetitosa, e que nós nunca vamos nos sentir ofendidas ou humilhadas por isso.

Que as piadas sem vergonha dos nossos amigos e conhecidos homens não tirem a nossa alegria. E que as nossas piadas sem vergonha façam a alegria deles.

Que nós mulheres estejamos presentes em memórias alheias como uma lembrança doce, uma coisa boa no coração de cada um que passou por nós.

Abigail Pereira Aranha

19 de novembro é o Dia Internacional do Homem


Questo testo in italiano senza vignetta di dissolutezza in Men of Worth Newspaper: "Perché una donna non può essere un dolce ricordo nei ricordi degli uomini che lei passa?", http://avezdasmulheres2.blogspot.com/2017/11/perche-una-donna-non-puo-essere-un.html.
Questo testo in italiano con vignetta di dissolutezza in Periódico de Los Hombres de Valía: "Perché una donna non può essere un dolce ricordo nei ricordi degli uomini che lei passa?", https://avezdoshomens2.blogspot.com/2017/11/perche-una-donna-non-puo-essere-un.html.
Ce texte en français sans dessin humoristique de libertinage au Men of Worth Newspaper: "Pourquoi une femme ne peut-elle pas être un doux souvenir dans les souvenirs des hommes qu'elle passe?", http://avezdasmulheres2.blogspot.com/2017/11/pourquoi-une-femme-ne-peut-elle-pas.html.
Ce texte en français avec dessin humoristique de libertinage au Periódico de Los Hombres de Valía: "Pourquoi une femme ne peut-elle pas être un doux souvenir dans les souvenirs des hommes qu'elle passe?", https://avezdoshomens2.blogspot.com2017/11/pourquoi-une-femme-ne-peut-elle-pas.html.
Eso texto en español sin viñeta de putaría en Men of Worth Newspaper: "¿Por qué una mujer no puede ser un dulce recuerdo en los recuerdos de los hombres a los que pasa al lado?", http://avezdasmulheres2.blogspot.com/2017/11/por-que-una-mujer-no-puede-ser-un-dulce.html.
Eso texto en español con viñeta de putaría en Periódico de Los Hombres de Valía: "¿Por qué una mujer no puede ser un dulce recuerdo en los recuerdos de los hombres a los que pasa al lado?", https://avezdoshomens2.blogspot.com/2017/11/por-que-una-mujer-no-puede-ser-un-dulce.html.
This text in English without licentiousness cartoon at Men of Worth Newspaper: "Why can not a woman be a sweet memory in the memories of men whom she passes?", http://avezdasmulheres2.blogspot.com/2017/11/why-can-not-woman-be-sweet-memory-in.html.
This text in English with licentiousness cartoon at Periódico de Los Hombres de Valía: "Why can not a woman be a sweet memory in the memories of men whom she passes?", https://avezdoshomens2.blogspot.com/2017/11/why-can-not-woman-be-sweet-memory-in.html.
Texto original em português sem cartum de putaria no A Vez das Mulheres de Verdade: "Por que uma mulher não pode ser uma lembrança doce nas memórias dos homens por quem passa?", https://avezdasmulheres.blogspot.com/2017/11/por-que-uma-mulher-nao-pode-ser-uma.html.
Texto original em português com cartum de putaria no A Vez dos Homens que Prestam: "Por que uma mulher não pode ser uma lembrança doce nas memórias dos homens por quem passa?", https://avezdoshomens.blogspot.com/2017/11/por-que-uma-mulher-nao-pode-ser-uma.html.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Página no Facebook