terça-feira, 30 de julho de 2013

O que é ser macho de verdade (texto de um amigo)

Muitos masculinistas usam fake, são revoltadinhos, ensinam tecnas puas. Mas esquecem o principal. O que é ser macho de verdade, quais as atitudes para devolver o instinto. Tento ajudar alguns amigos, mas me parece que eles não entendem.

O que é este instinto? Oras, já pulei em 1984 num esgosto no Capão Redondo (S. P.) para salvar uma senhora que lá caiu, se me perguntasse se eu faria isto a resposta seria igual: cê tá louco, claro que não, que nojo. Mas fiz, nem pensei nisto na hora (instinto). Cachorros, crianças e mulheres, até algumas feministas, kkkkk, quando estão assustadas ou com medo de algo. Se eu estiver perto se aproximam de mim (instinto).

Agora, voltando ao assunto. Nestes blogues por aí. Ensinam como catar, pegar mulher, se defender de joguinhos, etc..., mas isto não tem nada a ver com instinto. Pois conheço caras que so tiveram no máximo 3 mulheres na vida, e são seguros e protetores e são muito felizes nos seus relacionamentos e, pasmem, não são dominados. Pois ainda preservam seus instintos.

Conheço caras machões que já saíram com inúmeras, 50, 60, 200 ou mais mulheres, mais chega uma (especial, kkk) e eles já viram capachos lambedores.

Pô, os caras tem que entender o seguinte, tem caras iguais a mim e outros que saíram de casa cedo, 15 anos, arrumaram seu próprio canto de morar e tiveram mais oportunidades de sexo com mulheres, ninguém é pegador ou mais macho que ninguém pô. Só saímos do seio familiar mais cedo (instinto, o macho procura um novo território seu), atraindo as fêmeas que vão por instinto. Tem nada a ver com alfa, beta, teta etc.

Caramba, meu, é tao difícil de entender? Se você tem seu próprio território, qualquer um que chegar vai ser submisso (amigos, mulheres, homens, até a polícia). O território é seu.

Quer ser alfa? Sai debaixo da saia da mamãe, enquanto não acha a mulher certa, para de pagar balada, festas, presentes e etc pra vagaba moderna. Tá carente? Vai no puteiro, pô.

Quando tiver seu território, nem de dinheiro vai precisar. Sempre vai ter uma garota que vai querer dar uma passadinha por lá.

Nos blogs por aí dizem que é a mulher que escolhe o homem (isto e parcialmente verdade).

Elas escolhem na balada, no serviço, etc mas se você estiver no seu canto, automaticamente elas vão pra lá, então a escolha acaba sendo sua (pegada, namoro, casamento, e se quiser, nenhuma das opções). (Lembre-se, nunca perdoe uma traição no seu território, nunca!)

Se você tiver seu território, tanto seus instintos masculinos quanto os instintos femininos dela acabam aparecendo. Obrigado.

P. S.: se vocês já tiverem uma vida pronta igual a mim, poste alguns relatos da sua vida, vamos ajudar nossos filhos e filhas e conhecidos. Estes jovens sem direção acabarão cometendo crimes passionais, usando drogas ou se suicidando.

Magno André

Comentários de A Vez dos Homens que Prestam / A Vez das Mulheres de Verdade

Ficou meio estranho esse negócio de instinto. Até na natureza seguir um instinto pode ser fatal. E eu já vi também mulheres que não têm muita proximidade com um homem exatamente porque ele mora sozinho. Mas de fato, alguns fóruns e blogues ditos masculinistas estão cheirando a mesa de boteco tentando ser PUA. Nós mesmas já descemos o pau uma vez ("O protocolo M$ol: a Real andando pra trás", sem putaria e com putaria).

E eu diria até que o melhor pro rapaz que está carente é ficar no cantinho dele e ver umas putarias. Ir carente pro puteiro não presta, só não é pior que ir carente atrás de uma mulher "de família". O homem precisa pelo menos acreditar no próprio valor e na vida antes de ir atrás de qualquer mulher.

E isso também não é ser macho. E as mocinhas que saem de casa cedo, têm o território delas e sempre têm uns garotos dando uma passadinha lá são o quê? Quiá, quiá, quiá, quiá, quiá!

Abigail Pereira Aranha

quarta-feira, 24 de julho de 2013

Feliz Dia do Homem ou da hipocrisia feminazista?

Feliz Dia dos Homens.... (Hamanndah)

......para os homens normais, com qualidades e com alguns defeitos que nós, mulheres, podemos conviver, exceto, é claro, agressividade, violência e machismo.

Para estes garotos : BEIJOS.......

Eu sou a favor de:

1) Fim da obrigatoriedade do serviço militar para homens. Deve ser voluntário, para quem quiser, ambos os sexos

2) Aposentadoria de homens e mulheres aos 30 anos de serviço; trabalhar 35 anos é ruim para todos(as)

3) Pílula Masculina(essa é ótima para mulheres, para não serem sempre as que se entopem de pílula, diu, essa chateação toda;

4) Não obrigatoriedade de ir para Guerra( Homens e Mulheres);Guerra é ruim para homens e mulheres; uns morrem, outros são estuprados e vivem com medo de perder seus entes queridos, todos passam fome e medo. Guerra não é bom para ninguém. Se algo é ruim para um gênero, é ruim para o outro também.

5) Guarda Compartilhada( E, também, limpeza do cocô e xixi compartilhada - Lei "Ogun Edé"(o apelido é invenção minha Logun Edé é um Orixá filho de Oxum e Oxóssi que passa 6 meses com cada um dos pais);

6) Licença-paternidade de 6 meses para homens e mulheres( E cuidados com o bebê compartilhado, também). A licença é interesse da criança, para ser cuidada pelos pais, não para ser alvo de disputa

7) Pensão Alimentícia dividida entre o pai e a mãe, sem sobrecarregar a ninguém

8) Lei Maria da Penha mista, para homens e mulheres agredidos. A Lei deveria proteger homens e mulheres alvos de violência

9) Se homens e mulheres são policiais, salário maior para quem sai para a rua armado atrás de bandido;(Obs: tem mulher que sai a rua, armada, leva tiro, também, fiquem sabendo)

10) Se homens e mulheres são bombeiros, salário maior para a pessoa( homem e mulher) que se arrisca no fogo

11) Em caso de catástrofe, prioridade de salvamento a quem é mais frágil, as crianças e os(as) idosos(as) e doentes; depois, a prioridade deve ir para quem esteja passando mais mal, independente de seu sexo.

12)Sou do tipo que divide dinheiro com motel, bar, restaurante. Uma criatura com quem saí não gostava nenhum pouco disso, ele dizia que se sentia "menos macho" quando eu insistia em dividir a conta. Uma homem que se sente menos ajuda em dividir os fardos do casal com uma mulher não se sente, na verdade, muito macho.

13) Liberdade para dizer "não, não estou a fim de transar com você", sem ser agredido(a) física e verbalmente( vadia, bicha, etc..)

PS: LÁ EM CIMA, VOCÊS ENCONTRARÃO UMA PAGINA QUE VAI DAR ACESSO AO SITE WWW.PAILEGAL.COM.BR QUE AJUDA E ORIENTA OS PAIS( A GRANDE MAIORIA) CUJAS EX-ESPOSAS NAO DEIXAM VER OS FILHOS. TAMBÉM ACHARÃO UM LINK QUE AJUDA MULHERES QUE VIVEM EM SITUAÇÃO DE VIOLÊNCIA FÍSICA E SÃO POBRES(VULNERÁVEIS) A CONSEGUIR AJUDA A SE LIBERTAR DE SEUS MARIDOS E PARCEIROS VIOLENTOS. DEVEM EXISTIR ENDEREÇOS DE CASAS DE APOIO A MARIDOS E PARCEIROS AGREDIDOS POR SUAS COMPANHEIRAS E ESPOSAS. SE SOUBEREM DE ALGUM ENDEREÇO DE CASAS DE APOIO A COMPANHEIROS E MARIDOS AGREDIDOS FISICAMENTE/AMEAÇADOS DE MORTE POR COMPANHEIRAS, FAVOR INFORMAR PARA EU COLOCAR LÁ TAMBÉM O ENDEREÇO.

http://hamanndah.blogspot.com.br/2011/07/feliz-dia-internacional-do-homem-para.html?showComment=1374599784494#c3495594046372061148

Comentários da Abigail na postagem original

Estava devendo uma visita. Agora vou fazer no seu blogue o que você faz no meu, hua, hua, hua, hua, hua!

Você defende os direitos dos homens, mas iguala todos que defendem os direitos dos homens aos babacas do silviokoerich.com. Você cita o caso de uma mulher estuprada e morta por quatro homens e pergunta se é isso que defendo porque não adoro ao sagrado feminino, mas quando EU denunciei um manifesto defendendo EXTERMÍNIO DE HOMENS, você responde um ano depois com a metade dos caracteres de uma postagem defendendo o lesbianismo. Já chamou a mim de machista e disse que resumo a mulher à buceta por defender e praticar a putaria, mas apela "Deixem a mulher homossexual ser livre".

Você já tentou por na minha boca qualquer lixo machista que você acha de um blogue que eu nunca ouvi falar, mas você tem na sua lista de recomendados, logo do lado, um blogue que trata defender os direitos dos homens como CASO DE POLÍCIA. A blogueira acha que uma neonazista comandando o FEMEN Brasil foi uma escolha errada e não prejudica os femiCINISMOS, mas acha que o Mundo Realista tem ligações com silviokoerich.com, mesmo dizendo o contrário na própria página principal, e aceita comentário anônimo dando o nome do autor com discurso de abaixo a misoginia e o racismo, com base sabe-se lá em que. A blogueira Cala a Boca, Lola já foi DENUNCIADA AO MINISTÉRIO PÚBLICO por insistir que o blogue forjado para incriminar o Silvio Koerich representa todos os que discordam do lesbonazismo. E o que você fala? Que ela é uma mulher gentil e casada e não odeia homem. E se eu fosse homem e chamasse o Dia Internacional da Mulher de coisa nojenta, eu ia ser um cara legal que não odeia mulher também?

Estou reproduzindo a sua postagem no meu blogue, com este comentário.

Pelos direitos dos meninos - Sílvia Amélia de Araujo (compartilhado no Facebook)

Que nenhum menino seja coagido pelo pai a ter a primeira relação sexual da vida dele com uma prostituta (isso ainda acontece muito nos interiores do Brasil!)

Que nenhum menino seja exposto à pornografia precocemente para estimular sua “macheza” quando o que ele quer ver é só desenho animado infantil (isso acontece em todo lugar!)

Que ele possa aprender a dançar livremente, sem que lhe digam que isso é coisa de menina

Que ele possa chorar quando se sentir emocionado, e que não lhe digam que isso é coisa de menina

Que não lhe ensinem a ser cavalheiro, mas educado e solidário, com meninas e com os outros meninos também

Que ele aprenda a não se sentir inferior quando uma menina for melhor que ele em alguma habilidade específica – já que ele entende que homens e mulheres são igualmente capazes intelectualmente e não é vergonha nenhuma perder para uma menina em alguma coisa

Que ele aprenda a cozinhar, lavar prato, limpar o chão para quando tiver sua casa poder dividir as tarefas com sua mulher – e também ensinar isso aos seus filhos e filhas

Na adolescência, que não lhe estimulem a ser agressivo na paquera, a puxar as meninas pelo braço ou cabelos nas boates, ou a falar obscenidades no ouvido de uma garota só porque ela está de minisaia

Que ele não tenha que transar com qualquer mulher que queira transar com ele, que se sinta livre para negar quando não estiver a fim – sem pressão dos amigos

Que ele possa sonhar com casar e ser pai, sem ser criticado por isso. E, quando adulto, que possa decidir com sua mulher quem é que vai ficar mais tempo em casa – sem a prerrogativa de que ele é obrigado a prover o sustento e ela é que tem que cuidar da cria

Que, ao longo do seu crescimento, se ele perceber que ama meninos e não meninas, que ele sinta confiança na mãe – e também no pai! – para falar com eles sobre isso e ser compreendido

Que todo menino seja educado para ser um cara legal, um ser humano livre e com profundo respeito pelos outros. E não um machão insensível! Acredito que se todos os meninos forem criados assim eles se tornarão homens mais felizes. E as mulheres também serão mais felizes ao lado de homens assim. E o mundo inteiro será mais feliz.

O machismo não faz mal só às mulheres, mas aos homens também, à humanidade toda.

Meu ativismo político é a favor da alegria. Só isso.

Comentários de A Vez das Mulheres de Verdade / A Vez dos Homens que Prestam

Tudo lindo, fora o ódio à sexualidade masculina. Que tal esses direitos das mulheres?

Conhecemos vários homens que seguiram esta receita e a doutrina de que o feminismo não é contra os homens. O que eles ganharam? Patadas das coleguinhas do ensino médio que já perderam a virgindade com os babacas valentões do colégio e das mocinhas que já tinham filhos de dois pais diferentes enquanto eles ainda eram virgens. Deboches sobre a vida sexual deles de mocinhas que transam com quem querem. E o sonho de se casar e ser pai. Com vacas deformadas de 30 anos ou mais, com filhos de dois pais diferentes, que só namoraram trastes, decadentes na vida profissional e ainda assim, histéricas autoritárias.

Ah, e o menino tem o direito de ser compreendido "se ele perceber que ama meninos e não meninas", mas se quiser uma mulher, tem que enfrentar roceiro analfabeto pai de "moça de família", aceitar ser humilhado por vadia mirim ou procurar uma prostituta e ser enquadrado como alguém que trata as mulheres como objeto.

E este último texto, é sobre direitos dos homens ou exigências das princesas? Fale sobre o homem não ser destruído pela pensão alimentícia e você é um pai irresponsável. Fale sobre prostituição, ver pornografia ou ver uma mulher de biquíni e você está desprezando a mulher. Fale sobre não perder um emprego ou uma promoção no trabalho para uma mulher com a metade da sua competência que nasceu quando você estava estudando para o vestibular e você está sendo contra a emancipação da mulher. Procure uma esposa que vai te receber bem na sua própria casa quando você voltar 8 da noite depois de mais de uma hora em pé no ônibus na volta do trabalho de onde você tira o sustento da família e você é um machista retrógrado. Fale mal de uma mulher na medida em que ela merece e você está falando mal de todas, porque é um porco machista. Mas deixe uma mulher dizer que todos os homens são iguais ao ex-namorado imbecil ou ao estuprador do último caso policial para ninguém dizer que você apoia agressores de mulheres.

O que querem os homens (que prestam)? Será que nem no dia deles as lésbicas exigentes e os cornos mansos se fazem essa pergunta? Eu e alguns amigos fizemos essa pergunta em 2011.

O que querem os homens (que prestam)

  1. Não encontrar um texto como este pela primeira vez depois de uns três ou quatro textos tipo "O que querem as mulheres" e ainda ouvir que os homens querem as mulheres pilotando fogão.
  2. Ser tratados com respeito e educação quando merecem, recebendo de volta o respeito que têm pelas outras pessoas, especialmente as mulheres.
  3. Poder cobrar das mulheres coisas como educação, caráter e inteligência tanto quanto elas querem que eles saibam coisas como consertar de tudo.
  4. Poder ter tempo para estar com os amigos sem que isso seja visto como roubar tempo e amor de alguém que deve ser amado, como a esposa tirana ou a tia horrorosa e mal resolvida dela.
  5. Poder encontrar mais e passar mais tempo com pessoas que façam questão de ser agradáveis e que não tenham defeitos como quem goza de um privilégio.
  6. Poder ter tempo e parte do dinheiro que ganha para si mesmo.
  7. Olhar para uma mulher mais de 3 segundos sem que ela ou alguém entenda que eles estão pensando em sexo.
  8. Elogiar a roupa ou a beleza de uma mulher sem que ela ou alguém entenda que eles estão pensando em sexo.
  9. Puxar uma conversa com uma mulher sem que ela ou alguém entenda que eles estão pensando em sexo.
  10. Não serem vistos como tarados ou desrespeitosos só porque eles estão realmente pensando em sexo.
  11. Poderem assumir que gostam de sexo, e que acabe essa desgraça de pensamento de que se um homem não parece ser capado, ele é inferior em disciplina, moral e caráter.
  12. Umas duas ou três boas fodas por semana pelo menos, sem monopólio.
  13. Encontrar mulheres que gostem de fuder gostoso.
  14. Não ter que acessar putaria na internet como se estivesse fumando crack.
  15. Parar de serem tratados como quem nasceu para sustentar uma família e fazer o que quer que uma mulher queira.
  16. Quando casados, ter uma esposa que sabe o que é trabalhar duro e que sabe que cartão de crédito não é renda.
  17. Ter uma esposa que seja também amiga e companheira de bem viver, e não a vaca que representa os problemas pra eles terem algum prazer na vida e chegarem perto de qualquer outra mulher.
  18. Estudar com garantias de que não vão perder o emprego pra qualquer vadia com metade da inteligência e um décimo do caráter.
  19. Ter um emprego em um lugar legal, com gente legal.
  20. Ganhar o salário e ainda ter dinheiro na semana seguinte.
  21. Ter um emprego que traga satisfação pessoal, e não simplesmente um salário (mas acho que as mulheres também querem a mesma coisa) (contribuição do Víctor Coelho)
  22. Poder passear com seus filhos, sobrinhos, primos, e crianças em geral, sem ser visto pela sociedade como um pedófilo em potencial (contribuição do Víctor Coelho)
  23. Que as mulheres entendam que monopólio sexual não é prova de amor (contribuição do Víctor Coelho)
  24. Que as mulheres não ajam como se ter horror a sexo ou não encostar em um homem significasse superioridade moral e respeito a si mesma.
  25. Poder conversar com mulheres sobre os mesmos assuntos que conversam com homens (contribuição do Víctor Coelho)
  26. Poder ver e ouvir algo inteligente no rádio, na televisão e até nos jornais.
  27. Que as mulheres façam por merecer o respeito que já temos por elas, para que não as respeitemos só por serem mulheres (contribuição do Víctor Coelho)
  28. Quando se casarem, que não seja só para atender a um sonho de contos-de-fadas da esposa, que acha que já está passando da idade de ficar solteira, e nem por conta da pressão familiar e social, mas sim por querer de verdade dividir uma vida, com todos os sucessos e fracassos que estão por vir (contribuição do Víctor Coelho)
  29. Ter uma bela mesa de bilhar em casa, rs! (Mas que eu queria, eu queria...) (contribuição do Víctor Coelho)
  30. Que se entenda que nem todos os homens que procuram prostitutas vão agredi-las ou fazer com elas algo humilhante.
  31. Que se entenda que nem todos os homens que vêem pornografia estão mostrando uma natureza mal escondida que despreza a mulher ao mesmo tempo que quer ter prazer usando o corpo delas.
  32. Que as feministas provem, mais que falar, que não têm ojeriza aos homens.
  33. Que as mulheres tratem os cafajestes, machistas, agressores e babacas em geral com desprezo e os homens que prestam com respeito - como elas dizem e ao contrário do que elas fazem.
  34. Que o mundo saiba que nem todos os homens chifram, espancam, maltratam e querem estuprar as mulheres.
  35. Que as mulheres parem de tentar projetar nos homens que prestam o machismo dos homens que não prestam e o machismo delas mesmas, que é inclusive maior que o dos homens.

(Fofinhos, poderiam dar uma contribuição pra nossa pesquisa dizendo o que acharam?)

Abigail Pereira Aranha

Seção de sexo, safadeza, putaria, mulher pelada, pornografia

Sex, lust, debauchery, naked woman, pornography section

Sección de sexo, perrez, putaría, mujer desnuda, pornografía

Sezione de sesso, libertinaggio, lussuria, donna nuda, pornografia

Da postagem / from post / de la postaje / dal distacco "O que querem os homens (que prestam)", de 08/07/11 / 2011 July 8

morena-peituda-anais-com-negao-090711 - veja mais / vea más / see more / vedi più

Daphne-e-Tia-Freaks-of-Boobs-090711 - veja mais / vea más / see more / vedi più

loura-peituda-anais-Samatha-38G-090711 - veja mais / vea más / see more / vedi più

loura-peituda-com-dois-MMF-Summer-Sinn-090711 - veja mais / vea más / see more / vedi più

morena-bunda-redonda-grande-090711 - veja mais / vea más / see more / vedi più

mocinha-morena-magrinha-com-dois-090711 - veja mais / vea más / see more / vedi più


mulata-bunduda-tia-010-090711 e mulata-bunduda-tia-012-090711 - veja mais / vea más / see more / vedi più


mulatas-bundudas-Mz-Booty-Manajeastar-1-090711 e mulatas-bundudas-Mz-Booty-Manajeastar-2-090711 - veja mais / vea más / see more / vedi più

mulheres-bundudas-com-negao-msbooty-e-joei-deluxx-090711 - veja mais / vea más / see more / vedi più

Max Boobs (peitudas)

Big Tit Fantasy (peitudas)

Fat Mom Tube (filmes)

Unreal Butts (bundudas)

Plump Girls World (gordas)

terça-feira, 23 de julho de 2013

Manhood Academy Brasil: Pela 1ª vez na história, feministas tentam provar que estamos errados. Vamos ver como se saem

Um crítico tentou provar que estamos errados quanto ao propósito da Project Unbreakable de promover hipocrisia sexual e demonização da sexualidade masculina, e pra isso escreveu uma bíblia em 3 partes no tópico original.

Neste post, pegamos essa crítica, unificamos e procuramos resumir o mínimo possível enquanto deixamos a crítica original neste link, para que não venham dizer que manipulamos o conteúdo da crítica. No entanto, ele está discutido por partes: os parágrafos em azul são a crítica, e a nossa resposta está na formatação padrão do blog. Preparem-se: este é um post longo, mas seremos os mais breves possível nas contra-argumentações

Manhood Academy Brasil: Pela 1ª vez na história, feministas tentam provar que estamos errados. Vamos ver como se saem

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Coisas compartilhadas no perfil da Abigail que você pode pensar em comer sem as feministas encherem o saco

De Doces Finos

Da Revista VIP

Da Receitas de Portugal

Tudo isso compartilhado no nosso grupo secreto A Vez dos Homens que Prestam, que é só para os amigos e, como vocês podem ver, tem mais do que só mulher pelada e putaria. Já conhece o meu perfil? Beijos

Abigail Pereira Aranha

segunda-feira, 15 de julho de 2013

E qual a agenda dos homens que prestam?

Abigail Pereira Aranha

Hoje, 15 de julho, é o Dia do Homem no Brasil. Vamos aproveitar e vamos juntar duas coisas que eu já ia escrever. A primeira é uma correção ao tio Olavo de Carvalho na parte em que ele disse que "o ser humano não nasceu para corrigir o mundo":

True Outspeak de 22/11/2010, transcrito por Felipe Moura Brasil:

(...) O ser humano não nasceu para corrigir o mundo. A esfera de ação própria do ser humano é muito pequena. E hoje em dia todo mundo tem a ambição de criar um mundo melhor. Qualquer garoto de 12 anos está criando um mundo melhor. Então é essa ambição de criar um mundo melhor que faz os camaradas entrarem numa luta pelo poder — porque, se você quer mudar o mundo, você precisa ter o poder para modificá-lo —, então modificar o mundo, melhorar o mundo passa a ser o capítulo 2; o capítulo 1 é conquistar o poder. Esse pessoal cria uma obsessão de poder, e todos eles se corrompem até o fundo da alma, e se transformam eles mesmos em maiores propagadores do mal ainda. Então isso não é porque o sujeito fosse um idealista.

(...) True Outspeak de 13/09/2010, transcrito por Felipe Moura Brasil:

Agora, se você vem com uma concepção integral de sociedade, você já está pensando igual à mentalidade revolucionária. Prestem atenção: até o advento da modernidade, ninguém jamais pensou em sociedade melhor. Ninguém pensou. Porque todo mundo sabia, por instinto, que a sociedade resulta de milhões de iniciativas que ninguém controla. Então, as pessoas tratavam de enfrentar os males que estavam ao seu alcance, sem ter nenhuma concepção global duma sociedade melhor. Agora, depois que veio o movimento revolucionário, até os inimigos dele querem ter uma concepção duma sociedade melhor. (...)

Projeto de futuro baseado na concentração de poder, o que é que é? É a revolução de novo, e de novo, e de novo, e de novo... E ninguém sai dessa porcaria! Então, ninguém tem que ter programa positivo para a sociedade. Nós temos apenas que combater os inimigos. Retirar o mal. Estudem Hegel. Hegel falava do “trabalho do negativo”. Se você insistentemente destrói determinada corrente, você está fomentando automaticamente as correntes que têm propostas diferentes. É a coisa mais óbvia. Correntes cujo florescimento você não pode prever e não pode controlar.

O bem é por sua própria natureza expansivo e criativo. Entendam isso, pelo amor de Deus! O bem não precisa ser planejado, meu Deus do Céu! Não precisa ter a “gerência geral do bem”. O bem está em todo coração humano. Ter amor a Deus, ter amor à família, ter amor ao próximo. As pessoas vivem tendo ideias maravilhosas.

("O problema do Brasil é a confusão mental", Mídia Sem Máscara, 07 de julho de 2013)

Poxa, ele como católico já se esqueceu da Igreja. A vinda de Jesus, segundo a Bíblia, precisou ser preparada por milênios. Ele quase foi executado pelo próprio povo e foi crucificado pelo Império Romano, este manobrado pela elite judaica. E a igreja mal começou e já teve problemas de doutrina e de conduta, já denunciados especialmente por Paulo. Ou seja, o bem não é tão espontâneo assim. Nem tão fácil de ser apresentado.

E falar de Jesus nos leva ao ponto principal: a cultura do bem precisa ser não só publicada como planejada, fortalecida e promovida. É fato que muita gente deseja o bem, ou pelo menos fala do bem. Então por que o mundo vai tão mal? Porque só os maus tem projeto. Foi o que alguém disse: "o mundo estaria salvo se as pessoas de bem tivessem a ousadia dos canalhas". Mas tem muita gente, como é o caso do professor Olavo de Carvalho, que tem medo de pensar em enfrentar a revolução esquerdista e se parecer com os esquerdistas. Mas é isso que dá vantagem pra eles, meu Deus do Céu! E também esse negócio de não querer mudar o mundo. Ele está certo em dizer que a ação do ser humano é limitada, mas erra em tirar a ação global de cogitação. Ele mesmo disse em outro texto ("Odioso preconceito", Mídia Sem Máscara, 30 de abril de 2013):

a reação militar ao avanço comunista ocorreu de início sob a forma de iniciativas nacionais independentes, só tardiamente se articulando em escala maior, ao passo que as guerrilhas surgiram desde o início como um empreendimento transnacional organizado.

Sabe aquele slogan "pense globalmente, aja localmente"? Pois é, temos que adotar, e não é praquela paneleiragem ecofascista.

E aí vamos pra segunda coisa que eu já ia escrever, há mais tempo. Eu e o pessoal da Real vivemos falando mal de mulher. Eu sou pior ainda porque pegar mulher não me interessa, hehehehe. Eu e o pessoal da Real vivemos falando mal de mulher, denunciando o lesbofeminismo, o gaysquerdismo, a sociedade mangina, mas e aí? Principalmente eu aqui, e aí, o que fazer com tanto conhecimento da pobreza de espírito feminina? Antes, eu tenho que explicar umas coisinhas.

Não existe plano grande sem plano pequeno

Nós não temos que escolher entre mudar o mundo e mudar a nossa vizinhança, ou a nossa própria vida. O projeto grande pode ser deixado de lado pelo projeto pequeno, mas o projeto pequeno é parte do grande. Os anticomunistas deviam ter em mente que os maus esquerdistas sabem disso, e por isso estão vencendo. Uma ação em um nível mais básico pode ficar por aí, e é aí que a turma da direita fica. Mas pode ser parte de uma coisa maior.

Nós podemos ter um plano para um mundo bom daqui a 200 anos e melhorar as nossas vidas daqui a um ano. Estados sérios podem ter planos grandes para os próximos 20 anos com metas para os próximos 2. Você sabe a diferença entre objetivo e meta? A meta é uma coisa mensurável para ser alcançada em prazo definido, em busca do objetivo do projeto. E projeto é uma série de ações organizadas, com meios para serem feitas, para concretizar a coisa projetada.

Isso é pra explicar que a gente não tem que escolher entre melhor qualidade de vida e um mundo decente em 200 anos. O pequeno pode se colocar dentro do grande.

O Socialismo deu certo, os bons comunistas é que se deram mal

Nem todos os esquerdistas são canalhas. Alguns são militantes de bom coração. O problema é que praticamente só os maus têm um projeto organizado. Não só a elite russa ou a elite chinesa, qualquer vadia de bairro pobre sabe manipular pessoas para prejudicar alguém. Os bons de coração até querem lutar contra o mal, mas estão despreparados. Aí, eles podem entrar em uma estrutura para combater "o sistema" feita pelo próprio sistema, porque "eles" se anteciparam, "eles" já estão no poder ou têm condições para chegar lá. Então, gente bem intencionada pode ser usada como coadjuvante de uma disputa pelo poder ou um teatro justamente para evitar que os que estão no poder sejam perturbados.

O Comunismo do discurso tem uma parte boa, é a anarquia. Mas a anarquia é uma sociedade feita de pessoas sensatas com controle sobre a própria vida, e não o contrário, como quase todos pensam. Uma legião de pessoas que não entendem de qualidade de vida, só de pobreza, e que ainda não se livraram das mentiras e da incoerência não pode fazer uma revolução, no máximo pode ser canalizada para derrubar um regime. Foi isso que fez o socialismo ser uma experiência ruim.

O que o homem que presta pode fazer para melhorar o mundo e a própria vida

Agora sim. O que você, homem que presta, pode fazer. Algumas coisas você já descobriu e até já faz:

  1. Não deixe o seu caráter ser usado contra você. Falarei disso em outro texto.
  2. Dê-se o valor que você tenta ter. Qualquer loja de 20 metros quadrados comandada por uma porca velha frustrada te exige o melhor para pagar um salário miserável com atraso e má vontade. Qualquer macaca lésbica fracassada te exige o melhor para te dar sexo três vezes por semana de má vontade recheado com amolações e cuidado de filhos de dois pais diferentes. Não tenha medo de se dar valor. Nem de querer ser valorizado.
  3. Trate as mulheres na medida de respeito e valor que elas te dão. Sim, isso também vale para homens em relação aos outros homens, mulheres em relação aos outros homens, mulheres em relação às mulheres. Mas no caso de homens em relação às mulheres é um pouco complicado, porque quando o homem não tem atração físico-sexual, tem medo. Homens fazem coisas acrobáticas por mulheres das quais não recebem mais do que estar ao lado conversando amenidades no café ou no pátio da faculdade. Eu já li casos, inclusive nos comentários do blogue, de homens que enquanto trataram algumas mulheres bem eram tratados como lixo, depois que eles começaram a tratá-las com desprezo elas começaram a dar valor. Não é esse o objetivo.
  4. Lute pela paz que te faz bem, mas lembre-se que a paz que prejudica você é uma guerra a ser vencida.
  5. More sozinho. Ou com outros homens.
  6. Não se case e não tenha filhos.
  7. Não se "divirta" em baladas e bares. Vamos parar de alimentar as casas noturnas que cobram ingressos mais baratos (ou nada) das mulheres e ainda nos pouparmos de um ambiente com música ruim alta, bêbados e bêbadas, valentões e babacas.
  8. Seja amigo do seu sobrinho homem. Os meninos precisam mais do que nunca de referências decentes de homem. E nós temos que preparar a próxima geração de antifeministas, que vai destruir o feminismo, hua, hua, hua, hua, hua.
  9. Estude de verdade, mas saiba alguma coisa em que você pode trabalhar sem patrão.
  10. Não só mantenha a saúde, evite tudo que faz mal enquanto você tem saúde. A maior fonte de stress do homem é o trabalho ou o "lar". É inclusive nisso que entra a renda extra.
  11. Tenha vida, identidade e realização fora do trabalho. E também faça projetos de vida que não envolvam um futuro emprego.
  12. Se afaste da família, a não ser que ela seja muito acima da mediocridade. A sua mãe é uma desequilibrada, o seu pai é um cretino, a sua avó tem que ter alguém toda quinzena no hospital no meio da tarde, a sua irmã é uma vadia mãe solteira que não perde uma balada em outra cidade? Deixe os mortos sepultarem seus mortos.
  13. Não tenha medo de dizer verdades inconvenientes e não tente fazer acordo com os néscios e o erro. No máximo, pense como dizer a verdade sem ser prejudicado. Mas nunca ceda ao erro, nunca deixe a tolice sem resposta. Um passo para trás nunca vem sozinho.
  14. Não tente salvar aqueles à sua volta, tente estar à volta dos salvos. Seja conhecido como aquele que está acima da estupidez e da covardia. Os filhos da luz virão até você. E aproveite para desenvolver relacionamentos, reais e virtuais, fora do eixo trabalho - vizinhança - estudos.
  15. Não tenha medo da verdade nem dos próprios erros. Pense sempre sobre suas crenças, seus hábitos, seu estilo de vida e os das outras pessoas. Pense sobre o que lê, ouve ou cresceu aprendendo. Esteja pronto para corrigir os seus próprios erros. Esteja pronto para se desfazer da contradição e da hipocrisia.
  16. Se você já é casado, pense na hipótese do divórcio e na sua vida sem o seu casamento. Não necessariamente preparar o divórcio. Mas se lembre de que a sua esposa pode estar pensando em te passar a perna.
  17. Viva a putaria! Se não der na zona, que seja na pornografia mesmo. Deixe o seu colega pagador de pensão falar à vontade.

Seção de sexo, safadeza, putaria, mulher pelada, pornografia

Sex, lust, debauchery, naked woman, pornography section

Sección de sexo, perrez, putaría, mujer desnuda, pornografía

Sezione de sesso, libertinaggio, lussuria, donna nuda, pornografia

ruiva-preliminar-150713 e de-quatro-no-sofa-150713 (Jayden Jaymes): veja mais / vea más / see more / vedi più

big-tits-in-bra-150713 e chopada-pe-grande-150713 (Eva Karera): veja mais / vea más / see more / vedi più

chupadinha-mulher-de-peito-grande-150713: veja mais (vídeo para celular / telemóvel) / vea más (vídeo para teléfono móvil) / see more (video for mobile phone) / vedi più (video per il telefono mobile)

Veja mais (vídeo para celular / telemóvel). O título é "Big Tits Blonded Teen Have A Black Cock On Her Pinkish Pussy" (loira adolescente com peitões tem uma rola negra em sua buceta rosada), mas a garota não é loira, não tem seios grandes e faz com três caras.

See more (video for mobile phone). Title is "big tits blonded teen have a black cock on her pinkish pussy", but the girl is not blonde, has not big tits and performs with three guys.

Vea más (vídeo para teléfono móvil). Título es "Big Tits Blonded Teen Have A Black Cock On Her Pinkish Pussy" (rubia adolescente de tetas grandes tienen un gallo negro en su coño rosado), pero la chica no es rubia, no tiene grandes tetas y realiza con tres chicos.

Vedi più (video per il telefono mobile). Titolo è "Big Tits Blonded Teen Have A Black Cock On Her Pinkish Pussy" (grandi tette bionda teenager hanno un gallo nero su figa rosa), ma la ragazza non è bionda, non ha grandi tette e si esibisce con tre ragazzi.

sexta-feira, 12 de julho de 2013

O Segredo e suas pérolas sobre a Física Quântica

O livro "O Segredo", de Rhonda Byrne, é sobre a lei da atração.

A lei da atração é a lei da natureza. É impessoal e não distingue as coisas boas das más. Recebe seus pensamentos e os reflete de volta a você como sua experiência de vida. A lei da atração simplesmente lhe dá seja lá o que for que esteja em seu pensamento.

BYRNE, Rhonda. The Secret: O Segredo. Tradução de Alexandre Martins, Alice Xavier e Marcos José da Cunha. Rio de Janeiro: Ediouro, 2007, pág. 13.

O livro fala disso, "O Segredo" é esse. Inclusive, nesta altura o livro explica por que algumas pessoas atraem tanto o que não querem: porque pensam no que não querem. A lei da atração apresentada não deixa de estar correta, se não como certeza, pelo menos como tendência. Mas o livro é mais um livro de auto-ajuda barato e inclusive banaliza o pensamento positivo. Veja:

Não há tempo e não há tamanho para o Universo. É tão fácil criar um dólar quanto um milhão de dólares. É o mesmo processo e a única razão pela qual um pode vir rapidamente e o outro demorar mais, é que você pensou que um milhão de dólares era muito dinheiro e que um dólar não.

BYRNE, Rhonda. Obra citada, pág. 63.

Como é comum nessa literatura, alguma coisa de moralismo sócio-econômico (ou darwinismo social):

Bob Proctor

Por que você acha que 1% da população ganha cerca de 96% de todo o dinheiro que circula? Você acha que isso acontece por acaso? Isso é planejado assim. Esse 1% entende algo. Eles entendem O Segredo, e agora você está sendo apresentado a ele.

BYRNE, Rhonda. Obra citada, pág. 6.

Mas notável é o que o livro fala de Física Quântica.

Dr. Fred Alan Wolf

Físico quântico, conferencista e autor premiado

Não estou falando do ponto de vista de uma ilusão ou de uma loucura imaginária. Estou falando a partir de uma compreensão mais profunda, básica. A física quântica realmente começa a apontar para essa descoberta. Ela diz que você não pode ter um Universo sem se importar em entrar nele, e que a mente está de fato dando forma a cada coisa que está sendo percebida.

(...) O trabalho e as descobertas surpreendentes dos físicos quânticos nos últimos oitenta anos nos levaram a uma maior compreensão do incomensurável poder de criação da mente humana.

BYRNE, Rhonda. Obra citada, pág. 20-1.

Outra:

O tempo não passa de uma ilusão. Einstein nos disse. Se esta é a primeira vez que você ouve isso, pode ser um conceito difícil de entender, porque você vê tudo acontecendo - uma coisa depois da outra. O que os físicos quânticos e Einstein afirmam é que tudo está acontecendo simultaneamente. Se você entender que não existe tempo e aceitar esse conceito, verá que tudo que possa vir a querer no futuro já existe. Se tudo está acontecendo ao mesmo tempo, então a versão paralela de você com aquilo que deseja existe!

BYRNE, Rhonda. Obra citada, pág. 62. Grifo no original.

Aqui vai um trecho breve de um livro de Física falando de Física Quântica:

A física quântica (também conhecida como mecânica quântica e teoria quântica é principalmente o estudo do mundo microscópico. Nesse mundo, muitas grandezas físicas são encontradas apenas em múltiplos inteiros de uma quantidade elementar; quando uma grandeza apresenta esta propriedade, dizemos que é quantizada. A quantidade elementar associada à grandeza é chamada de quantum desta grandeza (o plural é quanta).

Uma grandeza quantizada que está presente no nosso dia-a-dia é o dinheiro. O dinheiro no Brasil é quantizado, já que a moeda de menor valor é a de um centavo (R$ 0,01) e os valores de todas as outras moedas e notas são obrigatoriamente múltiplos inteiros do centavo. Em outras palavras, o quantum de dinheiro em espécie é R$ 0,01 e todas as quantias maiores são da forma n x (R$ 0,01), onde n é um número inteiro. Não é possível, por exemplo, pagar com dinheiro vivo uma quantia de R$ 0,755 = 75,5 x (R$ 0,01).

HALLIDAY, David; RESNICK, Robert e WALKER, Jearl. Fundamentos de Física, vol. 4, 7 ed. Tradução de Ronaldo Sérgio de Biasi. Rio de Janeiro: LTC, 2007, pág. 180. Grifo no original.

E quanto à relatividade do tempo, também na Física Quântica, outro trecho do mesmo livro de Física:

Se dois observadores que estão se movendo um em relação ao outro medem um intervalo de tempo (ou separação temporal) entre dois eventos, em geral encontram resultados diferentes. Por quê? Porque a separação espacial dos eventos pode afetar o intervalo de tempo medido pelos observadores.

(...) Nossa conclusão é que o movimento relativo pode fazer mudar a rapidez com que o tempo passa entre dois eventos; o que se mantém constante para os dois observadores é a velocidade da luz.

(...) O fenômeno do aumento do intervalo de tempo medido em conseqüência do movimento do referencial utilizado é chamado de dilatação dos tempos.

HALLIDAY, RESNICK e WALKER, obra citada, pág. 147-8. Grifo no original.

De resto, um livro de auto-ajuda parecido com o que já vemos por aí.

Abigail Pereira Aranha

quinta-feira, 11 de julho de 2013

O Brasil e seu complexo de Border Collie

Dizia o nosso escritor Nelson Rodrigues que o brasileiro tem complexo de vira-lata ("a inferioridade em que o brasileiro se coloca, voluntariamente, em face do resto do mundo"). Antes fosse! O problema do Brasil é exatamente o contrário: um complexo de Border Collie. O Border Collie é considerado o cachorro mais inteligente do mundo (veja algumas coisas em "Tudo Sobre Cachorros"). O que nós chamamos de Complexo de Border Collie é o contar vantagens de coisas acidentais, insignificantes ou simplesmente que só quem conta acredita e não aceitar críticas nem referências externas, só mencionando o mundo exterior para alimentar o próprio ego ou para pilantragem.

Quando o governo militar lançou o slogan "Brasil, ame-o ou deixe-o", ele estava convocando os brasileiros para a construção do país. Será que "amar o Brasil" era concordar com o governo? Em parte era. Mas hoje, o "ame-o ou deixe-o" é a ditadura da estupidez e o louvor ao perdedorismo. Se o governo dos militares pelo menos construía estradas, universidades, estatais que davam lucro, a demo(nio)cracia constrói assistencialismo, publicidade e ufanismo imbecil.

Aliás, pesquisando o "Brasil ame-o ou deixe-o" no Google, achei uma ilustração do que vou falar. Mostramos lá em baixo.

E vocês já devem ter visto um texto pra te convidar a parar de falar mal do Brasil. Eu copio o texto no final. Vou comentar uns pedaços, pra ilustrar o Complexo de Border Collie:

  1. "Escritora holandesa, falando sobre o Brasil. Texto bárbaro!" Igual qualquer pirralho QI mediano criado em condomínio de luxo tem que pseudoepigrafar o que escreve (pseudoepígrafo é um texto em que o autor se passa como outra pessoa já famosa e conceituada), o louvor ao Brasil tem que vir do Primeiro Mundo.
  2. "Só existe uma companhia telefônica [na Holanda] e pasmem: Se você ligar reclamando do serviço, corre o risco de ter seu telefone temporariamente desconectado". E no Brasil com várias companhias telefônicas? Se você falar que a telefonia brasileira melhorou depois da privatização, você é chamado de direitista. Bom, pelo menos é mal informado.
  3. "Em Paris, os garçons são conhecidos por seu mau humor e grosseria e qualquer garçom de botequim no Brasil podia ir pra lá dar aulas de 'Como conquistar o Cliente'". Leia o texto "Um Rio de serviços ruins", do Gilberto Scofield Junior. O Rio de Janeiro que é local turístico e uma das poucas cidades brasileiras que muitos estrangeiros conhecem.
  4. "O Brasil é o país que tem tido maior sucesso no combate à AIDS e de outras doenças sexualmente transmissíveis, e vem sendo exemplo mundial". Essa, até onde sabemos, é verdade.
  5. "Nas eleições de 2000, o sistema do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) estava informatizado em todas as regiões do Brasil, com resultados em menos de 24 horas depois do início das apurações. O modelo chamou a atenção de uma das maiores potências mundiais: os Estados Unidos, onde a apuração dos votos teve que ser refeita várias vezes, atrasando o resultado e colocando em xeque a credibilidade do processo." "Aqui na Holanda, os resultados das eleições demoram horrores porque não há nada automatizado." Sabe como os Estados Unidos refizeram a apuração? Com comprovantes impressos depositados em uma urna ao lado. Coisa que quando foi proposta no Brasil, disseram que ia ser caro. Tem gente dizendo que a urna brasileira é honesta só porque ela mata e elimina o corpo. Você já ouviu falar do Amilcar Brunazo Filho, né? E na Holanda dessa suposta autora, a urna eletrônica brasileira é inconstitucional! Quiá, quiá, quiá, quiá, quiá!
  6. "Das crianças e adolescentes entre 7 a 14 anos, 97,3% estão estudando". Estudando não, matriculadas numa fábrica de analfabetos e bandidinhos.
  7. "O mercado de telefones celulares do Brasil é o segundo do mundo, com 650 mil novas habilitações a cada mês". "Telefonia fixa, o país ocupa a quinta posição em número de linhas instaladas". E as empresas pelo menos são brasileiras? Não. Foram empresas estrangeiras que compraram a Telebrás numa privatização indecente.
  8. "O Brasil é o segundo maior mercado de jatos e helicópteros executivos". Porque em terra os executivos não andam 30 km de um compromisso ao outro em menos de uma hora.
  9. "Por que não se orgulham em dizer que o mercado editorial de livros é maior do que o da Itália, com mais de 50 mil títulos novos a cada ano?" Tá de gozação? Quantos universitários brasileiros leem 20 páginas para uma prova sem reclamar?
  10. Por que não se orgulham em dizer "que suas AGÊNCIAS DE PUBLICIDADE ganham os melhores e maiores prêmios mundiais?" Quer dizer que o mundo já viu uma propaganda brasileira como esta propaganda da Heineken? Ou esta propaganda da Pepsi? Ou estas propagandas de segurança no trânsito?
  11. Por que não se orgulham em dizer "que apesar de todas as mazelas, o Congresso está punindo seus próprios membros, o que raramente ocorre em outros países ditos civilizados?" Raramente? Só se for porque eles nem chegam ao poder nos países civilizados.

Alguns exemplos do Complexo de Border Collie brasileiro, coisas que não deram certo no exterior e que tem gente defendendo com autoridade aqui:

  1. desarmamento
  2. governo de Cuba
  3. pena de morte
  4. urnas eletrônicas de primeira geração (as nossas)
  5. leis feministas

Mais alguns exemplos do Complexo de Border Collie brasileiro:

  1. Educação vergonhosa. O Brasil tem um desempenho vergonhoso no PISA, que é uma avaliação internacional de estudantes da educação básica. Os nossos alunos terminam o segundo grau quase analfabetos. E quando Gustavo Ioschpe, Cláudio de Moura Castro ou algum jornalista comenta isso, os professores e alunos de licenciatura só sabem fazer ataques pessoais.
  2. Educação vergonhosa e recebendo 10% do PIB. Temos alguns incautos (e alguns espertinhos) no Brasil defendendo que para melhorar a educação precisamos investir 10% do PIB. Mas o Reinaldo Azevedo já mostrou que nenhum país do mundo investe 10% do PIB na educação e o problema não é de dinheiro, é de competência. Alguns países da América Latina investem menos que o Brasil e vão melhor no PISA. No Brasil, qualquer velhaco que construa uma escola nova, patrocine uma merenda decente ou abra um curso novo em uma universidade com problema de infraestrutura está investindo em educação. É pra estes e para as professorinhas de QI mediano que vão os 10% do PIB. Ninguém está interessado em saber como a Islândia, a Coreia do Sul ou a Suíça estão entre os melhores do mundo em educação.
  3. Privatizações. Os pirralhos criados em condomínio de luxo dizem que a solução do Brasil é entregar tudo que é estatal para a iniciativa privada. Eles ignoram que a ineficiência do serviço público brasileiro não é só para acomodar burocratas, é também para fazer a festa da própria iniciativa privada. Eles também não vão defender a privatização na Inglaterra, que tem a BBC. Eles não sabem como algumas estatais do Primeiro Mundo fazem vergonha nas empresas privadas brasileiras.
  4. A mulher brasileira é feia. Só nós acreditamos que a mulher brasileira é a mais bonita do mundo. A mulher brasileira típica é uma gorilóide com barriga flácida com voz semimasculina falando como policial autoritário. Qualquer brasileira que pareça uma estadunidense, portuguesa ou alemã no superior do mediano é modelo.
  5. Os nossos ricos. O limite superior da pobreza nos países desenvolvidos é classe alta aqui. Com uma renda per capita de R$ 1.019,00 (cerca de US$ 450,00) por mês, sua família é baixa classe alta; com R$ 2.480,00 (cerca de US$ 1.100,00) por mês, sua família é classe alta.
  6. A nossa classe política é abominável. Aqui, qualquer semianalfabeto prometendo escritura das casas de uma invasão de terreno pode entrar pra política. Um político pode ser reeleito aqui depois de fazer o que o levaria pra cadeia em países sérios. Lula foi reeleito presidente com a terceira maior votação da história da humanidade depois de um escândalo de compra de votos dos deputados da oposição noticiado na grande imprensa.
  7. O BRT foi criado por um brasileiro. Ou seja, primeiro um brasileiro tem uma boa ideia, depois vêm os preparativos da Copa do Mundo Brasil 2014 para encher o bolso de empreiteiras com dinheiro público em nome de resolver a bagunça construída nas nossas cidades por décadas de ação e omissão, depois os políticos e burocratas especialistas em transporte público se dão conta de que essa boa ideia de um brasileiro fez sucesso na Europa, e finalmente os populares de fora do Paraná sabem que o negócio existe.

Ah, sim, e o classe média brasileiro conta vantagem de ter um Toyota Corolla, que é carro popular na Europa. Ou um outro carro que não vende por lá.

E quanto ao amor ao Brasil, deixo três versículos bíblicos. Eu não acredito em Deus, mas reconheço que a Bíblia tem umas coisas legais.

"Fiz-me acaso vosso inimigo, dizendo a verdade?" (Gálatas 4:16)

"Leais são as feridas feitas pelo amigo, mas os beijos do inimigo são enganosos" (Provérbios 27:6)

"Dá instrução ao sábio, e ele se fará mais sábio; ensina o justo e ele aumentará em entendimento" (Provérbios 9:9)

Abigail Pereira Aranha

"Brasil: ame-o ou deixe-o": resultado de pesquisa

  1. Circula pelo território livre da internet uma campanha difamatória contra o Brasil como destino turístico. Não resta dúvida que há uma turma por aí torcendo contra o Brasil em campo e fora de campo.

    Veja a íntegra do texto:

    "NÃO VÁ AO BRASIL

    Lá o crime é livre e tem total apoio do governo. Os menores de 16 anos têm passe livre para todo tipo de crime. A justiça do país não tem leis para assassinatos cruéis e estupro em transporte público."

    ("Brasil: ame-o ou deixe-o", Ancelmo Gois, O Globo)

  2. Hoje, sofremos em nosso país um processo que foge à lógica. Há uma imposição dos países de "primeiro mundo" para que todos os demais abram suas portas e sua economia.

    ("Brasil: ame-o ou deixe-o")

  3. Os direitos fundamentais do cidadão estavam suspensos. Qualquer um podia ser preso se fosse desejo do governo. Nas escolas, nas fábricas, na imprensa, nos teatros, a sociedade brasileira sentia a mão de ferro da ditadura.

    O governo gastava milhões de cruzeiros em propagandas destinada a melhorar sua imagem junto ao povo. Um dos slogans dessa propaganda dizia: "Brasil, ame-o ou deixe-o".

    (...) Entretanto o "milagre" durou pouco, pois não se baseava nas próprias forças econômicas, mas numa situação favorável. Com o aumento do preço do petróleo no mercado internacional, a economia brasileira sofreu grande impacto. Por um lado, a inflação começou a subir. Por outro, a dívida externa elevou-se de forma crescente e assustadora.

    Teve início, então, uma longa e amarga crise econômica. O governo militar foi perdendo um de seus principais argumentos para sustentar-se no poder. A ditadura não garantia o desenvolvimento, e as oposições foram lentamente se reorganizando para exigir a volta da democracia.

    ("Ame-o ou deixe-o", Folha On Line. Está falando de quem, do presidente Médici ou do governo PT? Hehehehe!)

voltar ao texto

Razões para o brasileiro parar de falar mal do Brasil

http://advivo.com.br/blog/luisnassif/razoes-para-o-brasileiro-parar-de-falar-mal-do-brasil

Enviado por luisnassif, dom, 19/08/2012 - 13:35

Por Inforo

Escorraçando o Viralatas (complexo)

Escritora holandesa, falando sobre o Brasil. Texto bárbaro!

Publicado no Senta a Pau

"Os brasileiros acham que o mundo todo presta, menos o Brasil, realmente parece que é um vício falar mal do Brasil. Todo lugar tem seus pontos positivos e negativos, mas no exterior eles maximizam os positivos, enquanto no Brasil se maximizam os negativos. Aqui na Holanda, os resultados das eleições demoram horrores porque não há nada automatizado. Só existe uma companhia telefônica e pasmem: Se você ligar reclamando do serviço, corre o risco de ter seu telefone temporariamente desconectado.

Nos Estados Unidos e na Europa, ninguém tem o hábito de enrolar o sanduíche em um guardanapo - ou de lavar as mãos antes de comer. Nas padarias, feiras e açougues europeus, os atendentes recebem o dinheiro e com mesma mão suja entregam o pão ou a carne.

Em Londres, existe um lugar famosíssimo que vende batatas fritas enroladas em folhas de jornal - e tem fila na porta.

Na Europa, não-fumante é minoria. Se pedir mesa de não-fumante, o garçom ri na sua cara, porque não existe. Fumam até em elevador.

Em Paris, os garçons são conhecidos por seu mau humor e grosseria e qualquer garçom de botequim no Brasil podia ir pra lá dar aulas de ?Como conquistar o Cliente?.

Você sabe como as grandes potências fazem para destruir um povo? Impõem suas crenças e cultura. Se você parar para observar, em todo filme dos EUA a bandeira nacional aparece, e geralmente na hora em que estamos emotivos.

Vocês têm uma língua que, apesar de não se parecer quase nada com a língua portuguesa, é chamada de língua portuguesa, enquanto que as empresas de software a chamam de português brasileiro, porque não conseguem se comunicar com os seus usuários brasileiros através da língua Portuguesa. Os brasileiros são vitimas de vários crimes contra a pátria, crenças, cultura, língua, etc. Os brasileiros mais esclarecidos sabem que temos muitas razões para resgatar suas raízes culturais.

Os dados são da Antropos Consulting:

1. O Brasil é o país que tem tido maior sucesso no combate à AIDS e de outras doenças sexualmente transmissíveis, e vem sendo exemplo mundial.

2. O Brasil é o único país do hemisfério sul que está participando do Projeto Genoma.

3. Numa pesquisa envolvendo 50 cidades de diversos países, a cidade do Rio de Janeiro foi considerada a mais solidária.

4. Nas eleições de 2000, o sistema do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) estava informatizado em todas as regiões do Brasil, com resultados em menos de 24 horas depois do início das apurações. O modelo chamou a atenção de uma das maiores potências mundiais: os Estados Unidos, onde a apuração dos votos teve que ser refeita várias vezes, atrasando o resultado e colocando em xeque a credibilidade do processo.

5. Mesmo sendo um país em desenvolvimento, os internautas brasileiros representam uma fatia de 40% do mercado na América Latina.

6. No Brasil, há 14 fábricas de veículos instaladas e outras 4 se instalando, enquanto alguns países vizinhos não possuem nenhuma.

7. Das crianças e adolescentes entre 7 a 14 anos, 97,3% estão estudando.

8. O mercado de telefones celulares do Brasil é o segundo do mundo, com 650 mil novas habilitações a cada mês.

9. Telefonia fixa, o país ocupa a quinta posição em número de linhas instaladas.

10. Das empresas brasileiras, 6.890 possuem certificado de qualidade ISO-9000, maior número entre os países em desenvolvimento. No México, são apenas 300 empresas e 265 na Argentina.

11. O Brasil é o segundo maior mercado de jatos e helicópteros executivos.

Por que vocês têm esse vício de só falar mal do Brasil?

1. Por que não se orgulham em dizer que o mercado editorial de livros é maior do que o da Itália, com mais de 50 mil títulos novos a cada ano?

2. Que têm o mais moderno sistema bancário do planeta?

3. Que suas AGÊNCIAS DE PUBLICIDADE ganham os melhores e maiores prêmios mundiais? :)

4. Por que não falam que são o país mais empreendedor do mundo e que mais de 70% dos brasileiros, pobres e ricos, dedicam considerável parte de seu tempo em trabalhos voluntários?

5. Por que não dizem que são hoje a terceira maior democracia do mundo?

6. Que apesar de todas as mazelas, o Congresso está punindo seus próprios membros, o que raramente ocorre em outros países ditos civilizados?

7. Por que não se lembram que o povo brasileiro é um povo hospitaleiro, que se esforça para falar a língua dos turistas, gesticula e não mede esforços para atendê-los bem? Por que não se orgulham de ser um povo que faz piada da própria desgraça e que enfrenta os desgostos sambando.

É! O Brasil é um país abençoado de fato. Bendito este povo, que possui a magia de unir todas as raças, de todos os credos. Bendito este povo, que sabe entender todos os sotaques. Bendito este povo, que oferece todos os tipos de climas para contentar toda gente. Bendita seja, querida pátria chamada BRASIL!"No perfil 4:20 do FaceB

quarta-feira, 10 de julho de 2013

Sexo Privilegiado: O Boticário – Pioneirismo na Divulgação do Dia do ...

Sexo Privilegiado: O Boticário – Pioneirismo na Divulgação do Dia do ...: Por Charlton Heslich Hauer E mais uma vez, a grande marca O Boticário se lembra do Dia do Homem no Brasil.

Sexo Privilegiado: Atualização: Assassinatos e Agressões Cometidos po...

Sexo Privilegiado: Atualização: Assassinatos e Agressões Cometidos po...: Por Charlton Heslich Hauer Todos os dias, mulheres agridem e matam Homens e Meninos, impunemente , com a total cumplicidade do poder público...

O Brasil e seu complexo de Border Collie

Dizia o nosso escritor Nelson Rodrigues que o brasileiro tem complexo de vira-lata ("a inferioridade em que o brasileiro se coloca, voluntariamente, em face do resto do mundo"). Antes fosse! O problema do Brasil é exatamente o contrário: um complexo de Border Collie. O Border Collie é considerado o cachorro mais inteligente do mundo (veja algumas coisas em "Tudo Sobre Cachorros"). O que eu chamo de Complexo de Border Collie é o contar vantagens de coisas acidentais, insignificantes ou simplesmente que só quem conta acredita e não aceitar críticas nem referências externas, só mencionando o mundo exterior para alimentar o próprio ego ou para pilantragem.

Quando o governo militar lançou o slogan "Brasil, ame-o ou deixe-o", ele estava convocando os brasileiros para a construção do país. Será que "amar o Brasil" era concordar com o governo? Em parte era. Mas hoje, o "ame-o ou deixe-o" é a ditadura da estupidez e o louvor ao perdedorismo. Se o governo dos militares pelo menos construía estradas, universidades, estatais que davam lucro, a demo(nio)cracia constrói assistencialismo, publicidade e ufanismo imbecil.

Aliás, pesquisando o "Brasil ame-o ou deixe-o" no Google, achei uma ilustração do que vamos falar. Mostro lá em baixo.

E vocês já devem ter visto um texto pra te convidar a parar de falar mal do Brasil. Copiei o texto no final. Vou comentar uns pedaços, pra ilustrar o Complexo de Border Collie:

  1. "Escritora holandesa, falando sobre o Brasil. Texto bárbaro!" Igual qualquer pirralho QI mediano criado em condomínio de luxo tem que pseudoepigrafar o que escreve (pseudoepígrafo é um texto em que o autor se passa como outra pessoa já famosa e conceituada), o louvor ao Brasil tem que vir do Primeiro Mundo.
  2. "Só existe uma companhia telefônica [na Holanda] e pasmem: Se você ligar reclamando do serviço, corre o risco de ter seu telefone temporariamente desconectado". E no Brasil com várias companhias telefônicas? Se você falar que a telefonia brasileira melhorou depois da privatização, você é chamado de direitista. Bom, pelo menos é mal informado.
  3. "Em Paris, os garçons são conhecidos por seu mau humor e grosseria e qualquer garçom de botequim no Brasil podia ir pra lá dar aulas de 'Como conquistar o Cliente'". Leia o texto "Um Rio de serviços ruins", do Gilberto Scofield Junior. O Rio de Janeiro que é local turístico e uma das poucas cidades brasileiras que muitos estrangeiros conhecem.
  4. "O Brasil é o país que tem tido maior sucesso no combate à AIDS e de outras doenças sexualmente transmissíveis, e vem sendo exemplo mundial". Essa, até onde sabemos, é verdade.
  5. "Nas eleições de 2000, o sistema do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) estava informatizado em todas as regiões do Brasil, com resultados em menos de 24 horas depois do início das apurações. O modelo chamou a atenção de uma das maiores potências mundiais: os Estados Unidos, onde a apuração dos votos teve que ser refeita várias vezes, atrasando o resultado e colocando em xeque a credibilidade do processo." "Aqui na Holanda, os resultados das eleições demoram horrores porque não há nada automatizado." Sabe como os Estados Unidos refizeram a apuração? Com comprovantes impressos depositados em uma urna ao lado. Coisa que quando foi proposta no Brasil, disseram que ia ser caro. Tem gente dizendo que a urna brasileira é honesta só porque ela mata e elimina o corpo. Você já ouviu falar do Amilcar Brunazo Filho, né? E na Holanda dessa suposta autora, a urna eletrônica brasileira é inconstitucional! Quiá, quiá, quiá, quiá, quiá!
  6. "Das crianças e adolescentes entre 7 a 14 anos, 97,3% estão estudando". Estudando não, matriculadas numa fábrica de analfabetos e bandidinhos.
  7. "O mercado de telefones celulares do Brasil é o segundo do mundo, com 650 mil novas habilitações a cada mês". "Telefonia fixa, o país ocupa a quinta posição em número de linhas instaladas". E as empresas pelo menos são brasileiras? Não. Foram empresas estrangeiras que compraram a Telebrás numa privatização indecente.
  8. "O Brasil é o segundo maior mercado de jatos e helicópteros executivos". Porque em terra os executivos não andam 30 km de um compromisso ao outro em menos de uma hora.
  9. "Por que não se orgulham em dizer que o mercado editorial de livros é maior do que o da Itália, com mais de 50 mil títulos novos a cada ano?" Tá de gozação? Quantos universitários brasileiros leem 20 páginas para uma prova sem reclamar?
  10. Por que não se orgulham em dizer "que suas AGÊNCIAS DE PUBLICIDADE ganham os melhores e maiores prêmios mundiais?" Quer dizer que o mundo já viu uma propaganda brasileira como esta propaganda da Heineken? Ou esta propaganda da Pepsi? Ou estas propagandas de segurança no trânsito?
  11. Por que não se orgulham em dizer "que apesar de todas as mazelas, o Congresso está punindo seus próprios membros, o que raramente ocorre em outros países ditos civilizados?" Raramente? Só se for porque eles nem chegam ao poder nos países civilizados.

Alguns exemplos do Complexo de Border Collie brasileiro, coisas que não deram certo no exterior e que tem gente defendendo com autoridade aqui:

  1. desarmamento
  2. governo de Cuba
  3. pena de morte
  4. urnas eletrônicas de primeira geração (as nossas)
  5. leis feministas

Mais alguns exemplos do Complexo de Border Collie brasileiro:

  1. Educação vergonhosa. O Brasil tem um desempenho vergonhoso no PISA, que é uma avaliação internacional de estudantes da educação básica. Os nossos alunos terminam o segundo grau quase analfabetos. E quando Gustavo Ioschpe, Cláudio de Moura Castro ou algum jornalista comenta isso, os professores e alunos de licenciatura só sabem fazer ataques pessoais.
  2. Educação vergonhosa e recebendo 10% do PIB. Temos alguns incautos (e alguns espertinhos) no Brasil defendendo que para melhorar a educação precisamos investir 10% do PIB. Mas o Reinaldo Azevedo já mostrou que nenhum país do mundo investe 10% do PIB na educação e o problema não é de dinheiro, é de competência. Alguns países da América Latina investem menos que o Brasil e vão melhor no PISA. No Brasil, qualquer velhaco que construa uma escola nova, patrocine uma merenda decente ou abra um curso novo em uma universidade com problema de infraestrutura está investindo em educação. É pra estes e para as professorinhas de QI mediano que vão os 10% do PIB. Ninguém está interessado em saber como a Islândia, a Coreia do Sul ou a Suíça estão entre os melhores do mundo em educação.
  3. Privatizações. Os pirralhos criados em condomínio de luxo dizem que a solução do Brasil é entregar tudo que é estatal para a iniciativa privada. Eles ignoram que a ineficiência do serviço público brasileiro não é só para acomodar burocratas, é também para fazer a festa da própria iniciativa privada. Eles também não vão defender a privatização na Inglaterra, que tem a BBC. Eles não sabem como algumas estatais do Primeiro Mundo fazem vergonha nas empresas privadas brasileiras.
  4. A mulher brasileira é feia. Só nós acreditamos que a mulher brasileira é a mais bonita do mundo. A mulher brasileira típica é uma gorilóide com barriga flácida com voz semimasculina falando como policial autoritário. Qualquer brasileira que pareça uma estadunidense, portuguesa ou alemã no superior do mediano é modelo.
  5. Os nossos ricos. O limite superior da pobreza nos países desenvolvidos é classe alta aqui. Com uma renda per capita de R$ 1.019,00 (cerca de US$ 450,00) por mês, sua família é baixa classe alta; com R$ 2.480,00 (cerca de US$ 1.100,00) por mês, sua família é classe alta.
  6. A nossa classe política é abominável. Aqui, qualquer semianalfabeto prometendo escritura das casas de uma invasão de terreno pode entrar pra política. Um polítco pode ser reeleito aqui depois de fazer o que o levaria pra cadeia em países sérios. Lula foi reeleito presidente com a terceira maior votação da história da humanidade depois de um escândalo de compra de votos dos deputados da oposição noticiado na grande imprensa.
  7. O BRT foi criado por um brasileiro. Ou seja, primeiro um brasileiro tem uma boa ideia, depois vêm os preparativos da Copa do Mundo Brasil 2014 para encher o bolso de empreiteiras com dinheiro público em nome de resolver a bagunça construída nas nossas cidades por décadas de ação e omissão, depois os políticos e burocratas especialistas em transporte público se dão conta de que essa boa ideia de um brasileiro fez sucesso na Europa, e finalmente os populares de fora do Paraná sabem que o negócio existe.

Ah, sim, e o classe média brasileiro conta vantagem de ter um Toyota Corolla, que é carro popular na Europa. Ou um outro carro que não vende por lá.

E quanto ao amor ao Brasil, deixo três versículos bíblicos. Eu não acredito em Deus, mas reconheço a Bíblia tem umas coisas legais.

"Fiz-me acaso vosso inimigo, dizendo a verdade?" (Gálatas 4:16)

"Leais são as feridas feitas pelo amigo, mas os beijos do inimigo são enganosos" (Provérbios 27:6)

"Dá instrução ao sábio, e ele se fará mais sábio; ensina o justo e ele aumentará em entendimento" (Provérbios 9:9)

Abigail Pereira Aranha

"Brasil: ame-o ou deixe-o": resultado de pesquisa

  1. Circula pelo território livre da internet uma campanha difamatória contra o Brasil como destino turístico. Não resta dúvida que há uma turma por aí torcendo contra o Brasil em campo e fora de campo.

    Veja a íntegra do texto:

    "NÃO VÁ AO BRASIL

    Lá o crime é livre e tem total apoio do governo. Os menores de 16 anos têm passe livre para todo tipo de crime. A justiça do país não tem leis para assassinatos cruéis e estupro em transporte público."

    ("Brasil: ame-o ou deixe-o", Ancelmo Gois, O Globo)

  2. Hoje, sofremos em nosso país um processo que foge à lógica. Há uma imposição dos países de "primeiro mundo" para que todos os demais abram suas portas e sua economia.

    ("Brasil: ame-o ou deixe-o")

  3. Os direitos fundamentais do cidadão estavam suspensos. Qualquer um podia ser preso se fosse desejo do governo. Nas escolas, nas fábricas, na imprensa, nos teatros, a sociedade brasileira sentia a mão de ferro da ditadura.

    O governo gastava milhões de cruzeiros em propagandas destinada a melhorar sua imagem junto ao povo. Um dos slogans dessa propaganda dizia: "Brasil, ame-o ou deixe-o".

    (...) Entretanto o "milagre" durou pouco, pois não se baseava nas próprias forças econômicas, mas numa situação favorável. Com o aumento do preço do petróleo no mercado internacional, a economia brasileira sofreu grande impacto. Por um lado, a inflação começou a subir. Por outro, a dívida externa elevou-se de forma crescente e assustadora.

    Teve início, então, uma longa e amarga crise econômica. O governo militar foi perdendo um de seus principais argumentos para sustentar-se no poder. A ditadura não garantia o desenvolvimento, e as oposições foram lentamente se reorganizando para exigir a volta da democracia.

    ("Ame-o ou deixe-o", Folha On Line. Está falando de quem, do presidente Médici ou do governo PT? Hehehehe!)

voltar ao texto

Razões para o brasileiro parar de falar mal do Brasil

http://advivo.com.br/blog/luisnassif/razoes-para-o-brasileiro-parar-de-falar-mal-do-brasil

Enviado por luisnassif, dom, 19/08/2012 - 13:35

Por Inforo

Escorraçando o Viralatas (complexo)

Escritora holandesa, falando sobre o Brasil. Texto bárbaro!

Publicado no Senta a Pau

"Os brasileiros acham que o mundo todo presta, menos o Brasil, realmente parece que é um vício falar mal do Brasil. Todo lugar tem seus pontos positivos e negativos, mas no exterior eles maximizam os positivos, enquanto no Brasil se maximizam os negativos. Aqui na Holanda, os resultados das eleições demoram horrores porque não há nada automatizado. Só existe uma companhia telefônica e pasmem: Se você ligar reclamando do serviço, corre o risco de ter seu telefone temporariamente desconectado.

Nos Estados Unidos e na Europa, ninguém tem o hábito de enrolar o sanduíche em um guardanapo - ou de lavar as mãos antes de comer. Nas padarias, feiras e açougues europeus, os atendentes recebem o dinheiro e com mesma mão suja entregam o pão ou a carne.

Em Londres, existe um lugar famosíssimo que vende batatas fritas enroladas em folhas de jornal - e tem fila na porta.

Na Europa, não-fumante é minoria. Se pedir mesa de não-fumante, o garçom ri na sua cara, porque não existe. Fumam até em elevador.

Em Paris, os garçons são conhecidos por seu mau humor e grosseria e qualquer garçom de botequim no Brasil podia ir pra lá dar aulas de ?Como conquistar o Cliente?.

Você sabe como as grandes potências fazem para destruir um povo? Impõem suas crenças e cultura. Se você parar para observar, em todo filme dos EUA a bandeira nacional aparece, e geralmente na hora em que estamos emotivos.

Vocês têm uma língua que, apesar de não se parecer quase nada com a língua portuguesa, é chamada de língua portuguesa, enquanto que as empresas de software a chamam de português brasileiro, porque não conseguem se comunicar com os seus usuários brasileiros através da língua Portuguesa. Os brasileiros são vitimas de vários crimes contra a pátria, crenças, cultura, língua, etc. Os brasileiros mais esclarecidos sabem que temos muitas razões para resgatar suas raízes culturais.

Os dados são da Antropos Consulting:

1. O Brasil é o país que tem tido maior sucesso no combate à AIDS e de outras doenças sexualmente transmissíveis, e vem sendo exemplo mundial.

2. O Brasil é o único país do hemisfério sul que está participando do Projeto Genoma.

3. Numa pesquisa envolvendo 50 cidades de diversos países, a cidade do Rio de Janeiro foi considerada a mais solidária.

4. Nas eleições de 2000, o sistema do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) estava informatizado em todas as regiões do Brasil, com resultados em menos de 24 horas depois do início das apurações. O modelo chamou a atenção de uma das maiores potências mundiais: os Estados Unidos, onde a apuração dos votos teve que ser refeita várias vezes, atrasando o resultado e colocando em xeque a credibilidade do processo.

5. Mesmo sendo um país em desenvolvimento, os internautas brasileiros representam uma fatia de 40% do mercado na América Latina.

6. No Brasil, há 14 fábricas de veículos instaladas e outras 4 se instalando, enquanto alguns países vizinhos não possuem nenhuma.

7. Das crianças e adolescentes entre 7 a 14 anos, 97,3% estão estudando.

8. O mercado de telefones celulares do Brasil é o segundo do mundo, com 650 mil novas habilitações a cada mês.

9. Telefonia fixa, o país ocupa a quinta posição em número de linhas instaladas.

10. Das empresas brasileiras, 6.890 possuem certificado de qualidade ISO-9000, maior número entre os países em desenvolvimento. No México, são apenas 300 empresas e 265 na Argentina.

11. O Brasil é o segundo maior mercado de jatos e helicópteros executivos.

Por que vocês têm esse vício de só falar mal do Brasil?

1. Por que não se orgulham em dizer que o mercado editorial de livros é maior do que o da Itália, com mais de 50 mil títulos novos a cada ano?

2. Que têm o mais moderno sistema bancário do planeta?

3. Que suas AGÊNCIAS DE PUBLICIDADE ganham os melhores e maiores prêmios mundiais? :)

4. Por que não falam que são o país mais empreendedor do mundo e que mais de 70% dos brasileiros, pobres e ricos, dedicam considerável parte de seu tempo em trabalhos voluntários?

5. Por que não dizem que são hoje a terceira maior democracia do mundo?

6. Que apesar de todas as mazelas, o Congresso está punindo seus próprios membros, o que raramente ocorre em outros países ditos civilizados?

7. Por que não se lembram que o povo brasileiro é um povo hospitaleiro, que se esforça para falar a língua dos turistas, gesticula e não mede esforços para atendê-los bem? Por que não se orgulham de ser um povo que faz piada da própria desgraça e que enfrenta os desgostos sambando.

É! O Brasil é um país abençoado de fato. Bendito este povo, que possui a magia de unir todas as raças, de todos os credos. Bendito este povo, que sabe entender todos os sotaques. Bendito este povo, que oferece todos os tipos de climas para contentar toda gente. Bendita seja, querida pátria chamada BRASIL!"No perfil 4:20 do FaceB

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Página no Facebook