domingo, 30 de janeiro de 2011

Vamos detonar um matrixiano 4


Texto original em português (sem fotos e vídeos de putaria, no A Vez dos Homens que Prestam): Vamos detonar um matrixiano 4, http://avezdasmulheres.wordpress.com/2011/01/30/vamos-detonar-um-matrixiano-4/

Abigail Pereira Aranha

Gente, está certo que o feminazismo é traiçoeiro, e que as mulheres de verdade e os homens são enganados desde crianças. Mas ainda tem gente que tenta negar o óbvio depois de esclarecido. Vejam uns trechos do texto "Machismo: limitação masculina", no Ruminando Idéias:

O discurso feminista, articulado e cheio de exemplos, coloca todo nosso mundo másculo em pedaços.

Entendam uma coisa: o feminismo não é sobre os homens. Simples assim… Agora, recolha seu ego despedaçado e aceite: O feminismo é sobre as mulheres e como elas reagem em uma sociedade controlada por homens.

As feministas tem muito a nos ensinar, meu velho. Não banque o macho estúpido (e eu sei que é estupidez porque eu já fui assim) repetindo os clichês que elas estão cansadas de ouvir. Se você não se enquadra no perfil que elas denunciam o tempo todo e se incomoda com o que elas dizem, o problema não está nelas, está em nós. Mas ao fazer isso, assuma uma postura menos arrogante.

Essas e outras em http://ruminantia.wordpress.com/2011/01/24/machismo-limitacao-masculina/. O que eu vou comentar?

1 - Um mangina completo (mangina, pra quem não sabe, é um homem que pensa como capacho e exalta as mulheres só por serem mulheres).

2 - O que ele fala é exatamente o contrário de tudo que a gente conhece sobre as mulheres e o feminismo.

3 - Esse cidadão não conhece a Central Masculinista

4 - Quem ouve clichês são os anti-feminazistas. Vou tirar um exemplo por mim: a maioria dos comentários contrários ao que o A Vez das Mulheres de Verdade e o A Vez dos Homens que Prestam dizem são anônimos, ofensivos e muito provavelmente escritos por mulheres.

5 - Os maiores adversários do feminismo são os que foram ou conhecem homens que respeitaram as mulheres e foram desrespeitados o máximo possível. Inclusive estou procurando homens ex-feministas para depoimentos, homens que sempre trataram bem e valorizaram as mulheres e foram desprezados pelas próprias.

No mais, é o que eu venho dizendo nos meus blogs.

(Revisado em 30/01/11)


Indicação de hoje
sexo, putaria, safadeza, pornografia, mulher pelada, filme pornô
Fotinhas


gordinha-loura-com-dois-290111 - http://tgp.pornaccess.com/galleries/plumpers/041/?subprogram_id=4%26adv_id=13979

gordinha-loura-290111 - http://www.busty-britain.com/hosted/movies/bb0906/hosted.php?id=1426833
coroa-peituda-cheinha-290111 - http://www.busty-britain.com/hosted/movies/bb1807/hosted.php?id=1426833

gordinha-castanha-290111 - http://gallys.xlgirls.com/clips/LexiSummers_26325/?nats=MTE1NjU1My4yLjcuNy4xLjcwMjE1NDUuMC4wLjA&page=/main.php

garota-loura-jeans-290111 - http://galleries.fucktightjeans.com/vids/471/t=2?nats=NjM4OjI6Mg,0,0,0,


loura-com-homem-pau-grande-290111 - http://x-monstersofcock.bangbros1.com/gal/mc5644-1/r/teenax/

garota-com-homem-pau-grande-290111 - http://gallys.realitykings.com/bd/3/?id=teenax

MsKnight_143 - http://cjwrightxxx.com/TGP/Super_Booty_Certified/index.cgi?sid=2184118

loura-com-dois-290111 - http://html.sxx.com/2/105/vids/1524/6004/15/5_7e68a_01.html?pr=8&su=2&ad=11446

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Estou procurando homens ex-feministas para depoimentos da nossa série

Estou procurando depoimentos de homens que já sofreram nas mãos de mulheres, bonzinhos que foram desprezados, dos que deram ombro amigo pra mulher chorar pelo namorado e não tiveram seu valor, e que não são e nunca foram machistas, mas cansaram. Os depoimentos vão receber postagens separadas na série "Uma humilde reação contra o Dia Internacional da Mulher". Pra mostrar o que eu já disse: os maiores adversários das mulheres e do dito feminismo não serão os homens que nunca as amaram e respeitaram as mulheres, mas os que as amaram e respeitaram um dia.


Pra vocês verem o que mais ou menos eu estou querendo, um exemplo é o texto "Porque eu me tornei anti-feminista - Parte I", no A Vez dos Homens que Prestam. Outros dois exemplos são esses comentários no A Vez das Mulheres de Verdade:



Fui vítima desta lei. Há Quase um ano atras(Sendo hoje 28/06/2009), Depois de brigas frequentes com minha mulher, chegou o dia em que Decidi colocá-la para fora de minha vida. Não lembro o motivo pelo qual brigávamos nesse dia. Mas ela já me ameaçava de usar a lei contra mim. Peguei-a no colo; nos braços r a conduzi para o lado de fora da casa, Tal qual uma princesa que predeu o trono mas não a “majestade”. Ela se debatia, claro. Mas coloquei-a de pé no corredor do terreno de onde morávamos. Ela de imediato se atirou ao chão, de joelhos. Ali naquele momento já percebi o que ela tinha em mente. Gritou muito para que todos no raio de alcance dela a pudessem ouvir. eram ofensas e absurdos.correu até o estabelecimento comercial que ficava ao lado da casa, e lá ligou para a polícia. pouco depois ela voltou para casa Olhou-me pela janela da sala que dava para o mesmo coredor já mencionado, me ameaçando e dizendo que queria nossa filha. Quando olhei para ela e dei umpasso na direção dela para responder, ela correu pelo coredor gritando “Socorro, socorro, polícia!!” Algo na minha opinião realmente teatral… Depois de passados uns dois minutos decidi deixá-la ver a pequenina. Ela a levou nos braços e não soltou mais. Nissa filha é outra vítima constante do comportamento instável dela. A mãe que não respeita o pai, gritando ofensas constantemente, provoca distúrbios na educação e na compreensão do mundo ao seu redor. Voltando: Depois de um tempo surgiu uma viatura policial. Após isso, tudo foi bem simples, ao meu ver. Ao chegar na delegacia ela inventou muitas histórias: disse que eu a arrastei pelos cabelos por trinta metros de corredor até a rua, ameacei contra sua vida, e a tria jogado no chão. Entretanto, ela não tinha como me acusar de agressão, ou como sustentar as próprias mentiras… Não conseguiu que um vizinho sequer aobservasse nossa discussão. Sem testemunhas, ela se viu sem saída a não ser se comportar de forma desesperada, me olhando com se tivesse verdadeiro pavor de mim. Para um delegado que nos atendeu, Ela tentou exibirma marquinha de um pequeno hematoma na coxa. Eu apenas fazia idéia de onde ela poderia ter arrumado aquilo. Poderia ter sido brincando com nossa filha no chão, nas aulas de Basquete ou qualquer outro lugar.. Enfim: Já era aquele roxo, quase amarelando, por ter sido feito há algum tempo… o Delegado sorriu e fez uma cara de desdém para ela. Me mantive calmo o tempo todo. os pais dela estavam lá com ela. E eu estava sozinho. No fim das contas ela terminou por retirar a acusação, mas até hoje eu penso que adoraria vê-a num tribunal desmascarada. Terminamos por reatar… E hoje em dia As brigas voltaram com força total. Pouco mais de um mês que nos mudamos, e não dormimos UMA noite sequer na mesma cama. Hpje ela maisuma vez gritou comigo. desde o incidente com a lei, não denotei nada que ela pudesse considerar ameaça à própria integridade. Mas ela provoca. Provoca e eu teho que engolir seco suas infâmias, todo tipo de ofensa e insulto. A única saída é o divórcio, mas não tenho dinheiro para pagar, não tenho como tirá-la de casa. E não vou sair para que ela não se beneficie com meu “bandono de lar”. Não sei o que fazer. Não há um meio de como eu posa usar essa lei contra ela? Não há como me defender dela? Preciso de ajuda. (Lei Maria da Penha e Violência doméstica – Parte 1)



-



As “amigas” só servem para lhe trazerem os problemas que tiveram com seus namorados cafas:


“Meu namorado me traiu.”


“Meu namorado me bateu.”


“Meu namorado me estuprou.”


Mas quando você está passando por situações críticas, elas simplesmente dizem que seus problemas são insignificantes ou só dão conselhos fuleiros. Fora o fato de que elas estão sempre tentando te arrastar pra matrix de novo.


E esse papo de que os homens só querem as bonitas e gostosas é balela, se fosse assim não veríamos tantos “dragões” namorando, casando e procriando.


Eu mesmo, na época de matrixiano, era bem “guerreiro”, bem “São Jorge”. Tentei namorar 5 minas:


*A primeira era uma baixinha que parecia uma tábua de passar roupa, só tinha o rosto e o cabelo bonitos.


*A segunda era uma baixinha do cabelo ralo e cabeça triangular.


*A terceira tinha o rosto bonito, mas era gorda.


*A quarta era feio pra caralho, mas eu estava carente. A mina tinha um cabelo alisado com uma cor esquisita avermelhada, tinha um leve bigode e ainda por cima era gorda. Como se isso não bastasse, sofria de vitiligo em estágio inicial e falava “probrema”.


*Já a quinta e última tinha cara de cavalo!


Quis namorá-las porque pensava que elas tinham caráter, mas no final se revelarem iguais ou piores que as outras.


Nenhuma delas me aceitou. Aceitei então que só seria “amado” quando tivesse grana e chutei o balde. Puteiro forever! Marriage Strike! Men Going Their Own Way!


Como os “canhões” são tão degenerados quanto as gostosas, então chega de ser “São Jorge”! (Homens que não aceitam a rejeição das mulheres? Por que, eles deveriam?)



Vocês podem deixar o depoimento como comentário aqui ou em qualquer texto do blog. Beijos.


Abigail Pereira Aranha

Indicação de hoje
sexo, putaria, safadeza, pornografia, mulher pelada, filme pornô
O que eu digo de vez em quando: homem que presta não significa homem que não gosta de sexo.
Cum on Clips - especialista em gozadas
Fotos de putaria

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Protestos feminazistas na Itália pelo calendário de Toscani que mostra púbis feminino

Protestos na Itália por um calendário de Toscani que mostra púbis feminino
El polémico calendario de Toscani, desplegado en Florencia. | AfpO polêmico calendário de Toscani, exposto em Florença. | Afp
  • As associações de mulheres estão tentando evitar a sua divulgação
  • Toscani se defende porque as fotos mostram "o coração da sedução"
Afp | Roma
Atualizado domingo 16/01/2011 17:33 horas
Um calendário publicitário composto inteiramente por fotos de púbis femininos assinada pelo fotógrafo italiano Olivieri Toscani, causou uma onda de protestos na Itália, onde as feministas fazem campanha para impedir sua publicação.
No calendário aparece cada mês um púbis diferente alternando primeiros planos de pelos loiros, castanhos ou ruivos.
"Eu queria tirar o glamour das fotos tradicionais de moda, onde as mulheres andam em salto alto, levando os lábios pintados de vermelho e onde se mostra tudo, exceto o triângulo feminino, o verdadeiro coração da sedução", disse o fotógrafo.
Oliviero Toscani, o rei da provocação, tornou-se famoso por fazer campanhas controversas para o grupo Benetton durante a década de 90.
o calendário foi encomendado por um consórcio de empresários de curtidores de peles, o que também tem sido criticado pelas organizações de mulheres. A Associação Todas Libres considera que o fotógrafo faz um paralelo entre a pele curtida de um animal e a pele do sexo feminino.
Campanha contrária à ética
Enquanto Toscani insiste em que suas fotos são um símbolo de beleza natural, um grupo feminista acha que a empresa é antiética. "Estamos escandalizadas por este enésimo exemplo de corpos femininos usados para fazer publicidade. Toscani sugere que a essência da mulher se encontra no sexo?" perginta Roberta Gavagna, da associação anti-violência Artemisia.
Não é a primeira vez que o fotógrafo milanês, de 69 anos, está no olho do furacão: em 2007, lançou a polêmica campanha contra a anorexia, protagonizada por Isabelle Caro, a jovem modelo anoréxica de corpo esquelético, que morreu em novembro passado.
Mas longe de ser intimidado pela crítica, Toscani defendeu fortemente o seu último trabalho: "Há muitos calendários de mulheres sexys mostrando suas nádegas. Minhas fotos não são diabólicas, eles capturam uma parte do corpo bonita e saudável", argumenta.
o calendário, que teve tiragem de 76 mil exemplares será distribuído com a versão italiana da revista 'Rolling Stone'.
Diante desta situação, o Conselho Municipal de Florença, capital da Toscana, aprovou nesta mesma semana por unanimidade uma resolução para processar o consorio de empresários para que retire o calendário.
"Essas imagens se ajustam aos estereótipos e é ofensivo reduzir as mulheres a seu sexo", denunciou Maria Federica Giuliani, do escritório de Florença pela Igualdade de Oportunidades.
Um argumento rejeitado pelo consórcio de curtidores que pergunta: "É normal que as autoridades se preocupem com um calendário que não é nada vulgar quando há problemas muito piores na indústria de couro?", afirma seu representante Simone Remi.
"Nossas empresas cumprem todas as normas ambientais de saúde e segurança, mas devemos competir com empresas que quebram as regras, fazem contratações ilegais e contaminam. Isso não é um escândalo de verdade?", se indigna Remi.
Toda a carreira de Toscani foi cercada por escândalos após ilustrar as campanhas publicitárias da Benetton com um homem morrendo de AIDS em 1992 ou condenados à morte nos EUA (2000). Algumas de suas campanhas têm sido proibidas na Itália, como uma que mostrava dois homens se beijando.
O organismo italiano de auto-regulação publicitária convidou Vera Pelle a não anunciar este calendário, que "constitui um ataque à dignidade da pessoa, já que ele compara o corpo de uma mulher com a pele de couro."
Comentários de A Vez das Mulheres de Verdade / A Vez dos Homens que Prestam
Por que um calendário com uma dúzia de púbis femininos incomoda tanto? Por que um calendário destes é mais grave que empresários fazendo contratações ilegais? Por que as feministas rejeitam o machismo quando ele impõe regras pra elas saírem de casa e elas aceitam o mesmo machismo quanto a pelo pubiano de mulher à mostra?
Previsão de novos textos da série "O machismo foi criado pelas mulheres", em breve:
Parte 4: por que uma sociedade machista discrimina a prostituição e a pornografia?
Parte 7: porque até as feministas são moralistas?
Por enquanto, eu vou baixar outra paulada: "O anúncio da cerveja Devassa e o calendário com púbis femininos: a sociedade é machista ou é só histeria lesbo-nazi-moralista?", no A Vez das Mulheres de Verdade e no A Vez dos Homens que Prestam.
Abigail Pereira Aranha

O anúncio da cerveja Devassa e o calendário com púbis femininos: a sociedade é machista ou é só histeria lesbo-nazi-moralista?

calendário de Oliviero Toscani com púbis femininos

Ficou sabendo do "Triángulo Genital", o calendário do fotógrafo Oliviero Toscani que traz fotos de púbis femininos, né? Pois é, na Itália já teve um bando de lesbo-feminazi-moralistas protestando com a conversa vitimista de sempre de que a sociedade é machista e trata a mulher como objeto. Antes, a Bárbara Araújo Machado escreveu o texto "A Devassa e a mulher negra: 'Só corpo, sem mente'" pra descer o porrete num comercial da cerveja Devassa. A frase "é pelo corpo que se conhece a verdadeira negra" seria machismo e racismo. Negro e feminista adoram ser vítimas.


Só que as mulheres em primeiro lugar tem que se olhar no espelho. E não estou falando de elas verem se estão bonitas.


O Sílvio Koerich escreveu "Propaganda de Cerveja X Hipocrisia feminina", que é um bom texto que eu recomendo. Só que ele comete um erro grave: só fala das vadias que se fazem de santas. A maioria das que vêm com essa conversa de mulher-objeto não são do tipo que ele descreve, o tipo olha-como-sou-gostosa, são lésbicas enrustidas, coroas moralistas e mulheres casadas medíocres por dentro e por fora. Muitas delas as mulheres de respeito que ele e outros da Central Masculinista tanto admiram, e que pra mim são uma versão hipócrita e piorada da prostituta.


Então, acrescentando a paulada bem dada nas vadias que o Sílvio deu, vou dar a minha. Caras lesbo-feminazi-moralistas que estejam lendo, vou lhes fazer algumas perguntas:


  1. Quantas vezes uma mulher faz elogios a outra como "linda e inteligente", "tem um corpo lindo e tem sucesso" ou "bonita e bem resolvida"?

  2. Você acha mesmo que o maior prêmio que você pode dar pro homem mais maravilhoso que você conseguiu encontrar, depois de meses ou anos de namoro, é romper o seu hímen na noite de núpcias, e se dependesse do Cristianismo e das leis ter só a sua buceta pra comer o resto da vida?

  3. É o corpo da mulher que está banalizado ou é quem reclama que acha o corpo da mulher é muito superior pra ser olhado e tocado?

  4. Qual a revista feminina que não traz alguma coisa na capa sobre emagrecimento, moda, maquiagem, celulite, plástica e coisas assim?

  5. Qual a página da internet feita para mulheres que não tem uma seção de beleza, dieta ou banalidades?

  6. Você diz que não achou a sua buceta no lixo pros cafajestes que não respeitam as mulheres ou só quando alguém fala de sexo gostoso, com respeito mútuo e sem interesse, mas sem relacionamento estável?

  7. Quantas mulheres você conhece que aproveitam a liberdade da revolução sexual pra sair com velhos decadentes e trastes por dinheiro?

  8. Quantas mulheres você conhece que vivem de pensão, ou seja, usaram o corpo explorado pela sociedade machista pra viver nas costas de um homem que não toca nela há anos mas um dia teve um filho com ela?

  9. Qual grupo é menor: o das mulheres que detestam as revistas ditas femininas que se resumem a dieta, maquiagem, novela, fofoca de celebridade, etc ou o dos homens que acham que a mulher é e deve ser mais que o corpo?

  10. Qual grupo é menor: o dos homens que tem medo das mulheres inteligentes ou o dos homens que procuram mulheres que tenham algo que preste pra dizer?

  11. Você é uma mulher que tem mais que bunda e peito ou uma lésbica narcisista que odeia pica?

Abigail Pereira Aranha

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Luta contra a discriminação é coisa de lésbica e veado, vamos respeitar só quem e o que merece

Abigail Pereira Aranha

  1. Karl Marx era homem, branco e europeu e pensou o mundo sem divisões em países, sem religiões e sem exploração do homem pelo homem. Mikhail Bakunin, pensador anarquista, também. Mas nós podemos achar o mundo mais justo só porque uma garota negra e pobre está na faculdade por causa do sistema de cotas.

  2. Ninguém nasceu ontem pra ter o que ouvir de uma pessoa inteligente, mas qualquer mulher que chegou aos 60 anos sem ter lido um livro ou tido um orgasmo tem muito pra ensinar.

  3. Uma jovem mal humorada, com uma infância horrível, cheia de amargura e mãe desde os 15 anos tem maturidade precoce. Um jovem com senso crítico que sabe como o mundo poderia ser melhor não acordou pra vida.

  4. A Mastercard e a Visa continuam aceitando doações para a Klu Klux Klan e os bancos suíços negam acesso a dados de movimentações financeiras de gente envolvida com tráfico de drogas, de mulheres ou de armas ou terrorismo. Mas a Mastercard e a Visa decidiram encerrar a parceria com o WikiLeaks, e o banco suíço onde Julian Assange tinha conta decidiu bloqueá-la porque o WikiLeaks publicou documentos secretos do Pentágono e mais uma cambada que tem muito a esconder. (Veja "O povo contra Julian A.", de Walter Hupsel)

  5. "Se uma mulher tem um emprego em que só trabalham homens ela é pioneira, se um homem tem um emprego onde só trabalham mulheres ele é bicha; homem que bate em mulher é covarde, mulher que bate em homem e corajosa (não que eu apoie que um homem bata em uma mulher, isso nunca); mulher traída é vítima, homem traído é corno". (Émerson, comentário ao texto "O mito do poder masculino", publicado no Paraíso Concreto)

  6. "Quando um negro usa a camisa '100% negro, com orgulho', uma leitura histórica da frase traduz: 'faço parte de uma etnia que foi oprimida ao longo da história, mas me orgulho dela e luto para que ela tenha os mesmos direitos das demais'. Quando um branco usa a camisa '100% branco, com orgulho' uma leitura histórica da frase traduz: 'sou racista'". (Túlio Vianna, professor de Direito Penal da UFMG)

  7. "Quando os homossexuais fazem sua 'parada do orgulho gay', eles manifestam-se por respeito à sua orientação sexual. Quando os heterossexuais fazem uma 'parada do orgulho hetero' eles manifestam sua intolerância por orientações sexuais diversas". (o mesmo Túlio Vianna)

  8. "Quando uma mulher apanha de seu marido, ela apanha de séculos de submissão da mulher ao homem. Quando um marido apanha de sua mulher, ele é simplesmente um frouxo". (de novo, o Túlio Vianna)

  9. Alguém pode exaltar as mulheres e citar 10 mulheres que fizeram alguma coisa importante pro mundo. Antes que alguém cite 20 homens que fizeram alguma coisa nas mesmas áreas, vai ser chamado de machista ou vai ouvir o discurso lésbico vitimista.

  10. Alguém pode exaltar os negros sem conseguir citar 5 negros que fizeram alguma coisa importante pro mundo. Antes que alguém cite 10 nomes de cientistas e pensadores brancos, vai ouvir que os negros ergueram o Brasil com o seu trabalho escravo.

  11. Quando dois povos não brancos parados no tempo e na vida fazem guerra um contra o outro, é conflito étnico. Quando os brancos chegam e matam algumas centenas deles (com más intenções, é verdade), é genocídio.

  12. Qualquer cultura sem linguagem escrita deve ser preservada. Só por não ser branca.

  13. A África sempre foi um continente horroroso cheio de gente ignorante dominada por comedores de carniça do meio deles mesmos, mas os escravos africanos construíram o Brasil. A América era povoada por indígenas que acreditavam em Astrologia, mas que nos ensinam a cuidar da natureza. Os europeus chegaram nos dois continentes e os colocaram no mundo civilizado, mas foram os caras maus que mataram gente e culturas.

  14. Quem nunca ouviu pelo menos uma das seguintes expressões tire a mão do nariz e levante a mão:

    - As mulheres vão e devem dominar o mundo pois aí tudo será mundo melhor

    - A mulher tem traços de personalidade superiores e mais morais que os homens

    - Pais não servem pra nada

    - Os homens devem ser mais que nem as mulheres pois estas são superiores emocionalmente

    - As tragédias mundiais e guerras são culpas dos traços de personalidade eskrotos do homem. As mulheres dariam mais paz ao mundo e menos crises, o mundo seria um lugar melhor pra todos.

    Agora imaginem a seguinte cena: Eu chego aqui e digo, “bem pessoal eu acho que o mundo deveria ser dominado pelos brancos. Porque os brancos são superiores emocionalmente que os negros e tem traços maiores de organização. Notem a África. A África é uma merda porque é dominada por negros. Deixem os brancos dominar que aí o mundo terá mais paz e menos guerras tribais”.

    Bom, se eu escrevesse isso no meu blog falando sério, no outro dia a Polícia Federal entraria na minha casa, comeria todos os meus doritos, apagariam meus filmes pornôs e me colocariam no camburão dando porradinhas na minha cabeça com seus fuzis de merda.

    (Sílvio Koerich)

  15. As religiões e divisões das religiões fizeram os seus adeptos odiar, negar direitos, agredir e matar uns aos adeptos das outras. Mas um criminoso cruel não tem Deus no coração.

  16. Um ateu pode achar absurdo uma mulher ser morta acusada de sexo fora do casamento no século XXI em um país islâmico. Mas uma pessoa é melhor só porque tem um religião e as nossas leis são baseadas nos Dez Mandamentos.

  17. A ATEA (Associação Brasileira de Ateus e Agnósticos) fez uma campanha publicitária em Porto Alegre pra divulgar o ateísmo e além de as empresas não veicularem os anúncios com contrato assinado, a Associação dos Transportadores de Passageiros alega que a propaganda é ilegal porque faz ofensa religiosa. Mas um ex-muçulmano sofreu tentativa de assassinato dentro do Brasil, onde os muçulmanos não são 1% e ligar o Islamismo aos homens-bomba e aos apedrejadores de mulheres é preconceito.

  18. Uma criança de alguns países pode aprender a odiar ou se sentir superior a quem é de uma certa etnia ou de qualquer outro país ou religião antes de saber ler, mas a internet que ela vai acessar quando crescer tem que ser bloqueada em nível nacional pra ela não ver um seio à mostra ou alguma coisa que não está de acordo com o governo ou com a religião dela nem quando tiver mais de 18 anos.

  19. Homossexualismo é opção sexual, sexo fora do casamento é imoralidade.

  20. Uma mocinha que só sai com cafajestes e marginais tem o direito de dar pra quem quiser, mas pode fazer uma ligação anônima pro Conselho Tutelar pra denunciar a mãe que recebeu um amigo homem em casa.

  21. Uma mulher pode me chamar de galinha ou de puta, mas eu não posso chamá-la de lésbica reprimida.

  22. O que não presta e é velho é tradição, o que não presta e é novo é inovação.

  23. Este país tem liberdade de expressão e respeito às diferenças, mas quem leu esse texto, não gostou e não tem como responder já vai dizer que ele é ateu (ateu é igual a o pior de tudo de ruim), machista, misógino, homofóbico, racista, elitista, antifamília, antiidosos, imoral,...

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Proibido falar mal da ralé: depois de Mayara Petruso, foi a vez de Luiz Carlos Prates

Quando eu estava escrevendo "Dilma Rousseff eleita presidente: em 2010, quem ganhou foi a gentalha", pensei no Luiz Carlos Prates: esse não vai demorar a cair também. Só que, não sei por quê, não escrevi. E foi mesmo.

Vamos começar falando do comentário dele no Jornal do Almoço da RBS de Santa Catarina, que você talvez viu pela metade. Aqui está na íntegra o que ele realmente disse. O vídeo no Youtube vem logo em baixo.


Qualquer miserável tem um carro

As pessoas saem absolutamente desatinadas, por uma pressa que não se justifica por nenhuma razão. Eu andei ontem na BR-101. Nunca a tinha visto com tanto movimento nem em dias de semana, ontem era metade de um feriadão, quem tinha que ter saído já tinha saído, e ainda era muito cedo pra voltar pra casa. Mas o que é isso? Antes de mais nada, a popularização do automóvel. Hoje, qualquer miserável tem um carro. O sujeito jamais leu um livro, mora apertado numa gaiola que hoje chamam de apartamento, não tem nenhuma qualidade de vida, mas tem um carro na garagem. E este camarada, casado, como não suporta a mulher, nem a mulher suporta ele, sai, vão pra estrada, vão se distrair, vão se divertir. E aí, conscientemente, o cara quer compensar as suas frustrações com excesso de velocidade. Tem cabimento um camarada não vencer a curva, como se curva fosse feita para vencer? Quando o camarada morre sozinho, problema dele. Mas e quando mata um inocente? Ontem havia um acidente na estrada, no trecho norte da BR-101. Eu vinha para Florianópolis, era do outro lado. Os caras paravam, do lado em que eu vinha, e atravessavam a pé pra ver o que tinha acontecido, com um movimento absolutamente incomum. Se um desgraçado destes é atropelado, e esta é a palavra, se um desgraçado destes é atropelado e feito sanduíche na pista, o que é que vão dizer? Este trânsito insano... Insano é o cara que para o carro, atravessa a BR, pra ver o que aconteceu com outra pessoa. Então é isso, estultícia, falta de respeito, frustração, casais que não se toleram, popularização do automóvel, resultado deste governo espúrio, que popularizou pelo crédito fácil o carro para quem nunca tinha lido um livro. É isso.

http://www.youtube.com/watch?v=uwh3_tE_VG4

Postado em 15 de novembro de 2010


A reação foi o que pobres medíocres, mulheres medíocres, afrodescendentes medíocres, medíocres em geral e doutoras gostam de fazer quando ouvem uma verdade que não têm como responder: meter questão social no meio, sendo sempre as vítimas.

Entre as reações no Youtube, está esse vídeo, do Balanço Geral: "Raimundo Varela responde Luiz Carlos Prates pelos 'miseráveis' - 18/11/10" - http://www.youtube.com/watch?v=vSTvMANMBOM


A resposta dele (pelo que ele não disse)

Luiz Carlos Prates RESPOSTA aos "miseráveis"

http://www.youtube.com/watch?v=LKhsMyFodqw


E aí, olha o final da história:


Prates voltava de férias e, imagino, não encontrou seu cartão ponto na parede da empresa. Ao perguntar para o porteiro pelo seu cartão, deve ter sido aconselhado a passar no departamento pessoal. Bem ao estilo da empresa. ("Luiz Carlos Prates é demitido da RBS", Agência de Notícias, http://www.jornalfloripa.com.br/blog/?p=191248)

Uma frase dele, que achei por acaso e parece até que é minha: "Dar inveja nas outras é a grande realização da mulher" (19/04/2007 - Próteses de Silicone, http://www.youtube.com/watch?v=2EJvZAq0Hh8). Abaixo, mais dois textos dele.

Mesmo que o cara seja elitista (o que acho que não tenho base pra dizer), o pecado mortal dele foi falar mal do eleitor que votou no PT pra garantir a Bolsa Família e a faculdade do filho de inteligência medíocre. Mayara Petruso foi esculachada antes da Dilma Poste assumir. Menos de duas semanas de governo da Dilma Poste, o Luiz Carlos Prates foi demitido da Globo por falar mal de pobre. A gentalha medíocre assumiu mesmo o poder.

Abigail Pereira Aranha

Pobre, mas tem vergonha na cara (apesar de fazer muitas putarias) e sabe ouvir a verdade



Veja também:

Dilma Poste é a nossa nova presidente

Dilma Rousseff eleita presidente: em 2010, quem ganhou foi a gentalha

Juiz Edilson Rumbelsperger Rodrigues: o apedrejamento moral do juiz contra a Lei Vadia da Penha

Se era pra eleger uma presidente mulher, por que só agora, e justo o Poste?

Pós graduação x incompetência

No passado, o diploma assegurava presença absolutamente garantida no mercado de trabalho para quem dele dispusesse. Dele, o diploma. Hoje, o diploma apenas garante, em alguns casos, que o sujeito possa entrar na fila para tentar uma vaga. Mudou. O ano está começando para muitos e reiniciando para outros cantos, e é preciso que as pessoas entendam que qualificação, primeiro se começa isso dentro de casa já na primeira infância, a qualificação pessoal e futuramente a profissional. A profissional também começa dentro de casa. Mas os já... taludos que estão na universidade precisam entender que esta universidade tem que ser feita com seriedade. Três horas de estudo depois das aulas em casa. Ah, mas eu não tenho tempo. Dê um jeito. Porque a incompetência gerada pelas universidades formou uma leva de brasileiros incompetentes. Daí a razão da multiplicação das pós-graduações. A pós-graduação é um atestado de que o cara não sabe nada, e ainda precisa da pós-graduação com os mesmos professores, nas mesmas escolas, do mesmo jeito, algo que é meramente simbólico. É preciso, gurizada, vocês, universitários, eles e elas, façam ao longo do curso universitário um curso paralelo. Pesquisas por iniciativa pessoal, estudos de toda sorte, toda ordem, por iniciativa pessoal. Agora reconheço, só faz isso, só fazem isso os apaixonados pelo que vão fazer mais tarde no mercado. Como a grande maioria só quer salário, dá nisso que anda por aí, incompetências multiplicadas.

http://www.youtube.com/watch?v=SSm1go8cE_0

Postado em 5 de março de 2009


Pensão, não

Eu devia ficar na minha. Queres te ralar, problema teu. Mas não consigo. Ah, como sou bonzinho! Não se trata de ser bonzinho, é, simplesmente, um jeito de ser; incomodo-me, sim, com as estultícias do comportamento alheio.

Desde o primeiro momento fui contra o casamento de uma garota que fazia novela, era atriz, jovem, tinha futuro, mas que largou tudo para casar com um peladeiro do futebol. Ah, mas se amavam! Quem disse? Amor, me desculpem os que pensam diferente, amor não acaba. Se acaba não era amor.

Pois bem, a garota largou tudo e foi embora com o sujeito, o tal peladeiro. Claro, não durou. Mas aí já era tarde, ela tinha largado a profissão, dera as costas para quem confiava e apostava nela.

Mas o que me incomoda mesmo é mulher, e são elas, a pedir “indenização” pelo casamento falido… Que conversa é essa de a mulher ficar com um baita dinheiro do cara depois da falência do falso amor? Por que isso? Quem inventou esse assalto? Que o pai dê dinheiro para a educação dos filhos, sim, sem dúvida, é obrigação. Mas dar “pensão” mensal para a ex-mulher? Jamais. Vou embora para o Paraguai, fujo, nunca...

E se digo isso, leitora, não me leve a mal, mas não aceito que meninas pensem em casar com ricaços para nunca precisar trabalhar. Isso é prostituição das piores, por nada se justifica. A prostituição das pobres coitadas não discuto, coitadas. Mas de mulheres jovens, bonitas, com estudo, ou se não estudaram é problema delas, nunca, jamais.

Vou repetir um dos meus mantras, que, aliás, tinha que ser repetido era pelos pais, não por mim. O “mantra” é este: “Guria, estuda, estuda como louca para seres alguma coisa na vida. Depois, especializa-te num determinado trabalho, aquele que melhor se ajuste aos teus pendores e simpatia, para não dizer paixão. Feito isso, torna-te financeiramente independente... E só depois, se for o caso, casa. Por nada na vida troque a ordem desse mantra.”

É muito infeliz uma mulher que precisa de dinheiro de homem que não lhe faz mais parte da vida, muito infeliz. O tempo das nossas mães, das nossas avós, vai longe. Hoje é diferente, a mulher, hoje, tem topete, ou tem que ter, tem que ser emancipada, não depender de um “peladeiro” da vida para viver. Nenhuma mulher precisa disso, bah!

http://wp.clicrbs.com.br/luizcarlosprates/2010/12/05/pensao-nao/?topo=67,2,18,,,67

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Sem-vergonhices do Ano Novo de 2010 pra 2011

Eso texto en español (con fotos e peliculas de putaría, en lo Para Hombres de Calidad y Mujeres Verdaderas): Desvergüenza del Año Nuevo 2010 a 2011 , http://avezdoshomens2.blogspot.com/2011/03/desverguenza-del-ano-nuevo-2010-2011.html
This text in English (with sex pics and movies, at A Vez das Mulheres at Thumblogger): Shamelessness of the New Year 2010 to 2011, http://avezdasmulheres.thumblogger.com/home/log/2011/11/shamelessness-of-the-new-y.html
Texto original em português (com fotos e vídeos de putaria, no A Vez dos Homens que Prestam): Sem-vergonhices do Ano Novo de 2010 pra 2011 , http://avezdoshomens.blogspot.com/2011/01/sem-vergonhices-do-ano-novo-de-2010-pra.html

As fotos e os filmes da festa mesmo eu não posso mostrar. Se fosse só pela putaria eu até não ia me incomodar, mas tinha homem casado que a esposa não pode saber que ainda fala comigo, tiveram outros amigos meus que foram pra lá escondidos, e esse negócio de vídeo com safadeza quando cai em mãos erradas dá problemas, e eu quero preservar os meus amigos.
A festa foi bem planejada, com os convidados selecionados, tudo amigos meus, e só amigos meus ficaram sabendo (antes). Os convidados eram só homens que prestam (não é porque eles se envolveram em altas putarias que eles deixam de ser homens de caráter) e mulheres direitas (não roubam, não dão golpes,...). E quem me conhece já sabia que ia ter indecência, por isso alguns amigos não tiveram coragem de ir. O meu patrão não foi, ele é muito legal, é arrumadinho, sabe das minhas sem-vergonhices, é meu fã e do A Vez das Mulheres de Verdade, mas ele morre de medo da mulher (que detesta o A Vez das Mulheres de Verdade e não sabe que a autora trabalha pro marido). O meu pai também foi convidado, mas pensou na luxúria que podia acontecer e também não teve coragem. Prova de que não teve nada inadequado para menores é que os que estavam lá gostaram muito, hehehehe.
Mas vamos falar da festa. A festinha foi no dia 30 à noite (das 18:00 até 22:00), do dia 31 pro dia 1 e no dia 1. Porque tinha gente que ia viajar ou virar o ano com a família chata e não pôde sair fora. Alguns amigos, como eu disse, vieram escondidos (dos pais ou da mulher). Foi na minha casa, no meio da roça (saí da cidade exatamente pra não ter vizinho incomodando por causa de quem entra, de um prego que eu martelo na parede). Consegui atingir a meta de 2 homens para cada mulher, e foi difícil. Chamar os amigos homens até que nem tanto, mas chamar as amigas mulheres foi o que pesou. Afinal, uma festa cheia de sexo, quase nenhuma mulher tem coragem de ir (com homens que prestam a maioria pobres, porque em baile funk cheio de marginais, casa noturna com cachaceiros e festinha em casa de playboy a mulherada vai e sai com um cafajeste, ou transa com ele por lá mesmo). Aí, algumas meninas tiveram de vir de outra cidade. Umas amigas prostitutas (são amigas, não são colegas de profissão, eu não sou e nunca fui prostituta). Mas consegui: 28 homens e 14 mulheres (incluindo eu e os dois gatinhos que moram comigo). Teve churrasqueiro (e churrasqueira, porque a Abigail também faz churrasco), teve porteiro (só pra controlar a entrada, espantar os indesejados, essas coisas), teve tocador de violão, mas todo mundo aproveitou a festa, e meteu. Porque o pessoal se revezava, estava sempre um saindo da diversão pro outro entrar.
Já entrando na casa, o convidado via quem estivesse lá pelado, por isso a gente colocava sempre um dos amigos na entrada. Essa passagem de ano choveu, mas dentro de casa estava mais quentinho.
festinha-da-imaculada-3 e festinha-da-imaculada-4 - http://www.psypussy.com/galleries/hardcore-party/1183/party-hard-10.html
Algumas coisas boas da festa:
01 - Tivemos caldas de chocolate e de morango. Servidas pros homens nas nossas bucetinhas e pras mulheres nas picas dos rapazes.
02 - Um amigo levou o computador dele pra gente assistir filme. E aí, ele levou uns filmes pornôs gravados no computador. Tinha um com anãzinha, tinha um com uma vovozinha até bem arrumada, tinha um com uma garota muito gostosa (palavras dos rapazes) com dois de uma vez, etc.
03 - Ah, falando em filme, aquele filme do baile funk que eu já coloquei no blog o nosso amigo passou também.
04 - Uma amiga viu o filme da garota muito gostosa (palavras dos rapazes) com dois de uma vez e pegou o nosso amigo do computador e um outro pra fazer igual. Foi a primeira vez dela (com dois) e ela gostou. Porque além dos rapazes serem legais, eles já tinham experiência em dividir mulher (comigo).
05 - Uma amiga viu outro filme, de uma mulher com três, e, como é brincalhona, resolveu fazer igual. Também deu tudo certo, porque além dos rapazes serem legais, eles já tinham experiência comigo. A gente ficou surpresa porque ela disse que foi a primeira vez dela (com três), e ela é prostituta.
06 - Aquela outra amiga que transou com dois vai fazer 17 anos, viu a outra com três e disse que antes de fazer 18 vai fazer igual.
07 - A Abigail fez uma coisa que já tinha tentado antes e não tinha dado certo: transar com 4 homens de uma vez. Um na buceta, um no cu, chupando um e punhetando um. Dessa vez deu certo. Aí quem estava metendo parou de meter e ficou olhando pra gente. Mas, gente, a Abigail não é tão depravada, ninfomaníaca assim, essa foda com 4 homens de uma vez foi uma grande brincadeira.
Mas as coisas boas da festa não foram só sexo:
08 - Alguns amigos na festa não se conheciam antes, ficaram se conhecendo, bateram muito papo. Não só homens conhecendo mulheres. Tomara que não saia casamento, porque eu gosto de desfazer (os infelizes), não de fazer.
09 - Um amigo levou o War pra gente jogar, a Abigail jogou um pouco.
10 - Um amigo nosso, também anarquista, falou comigo sobre uns textos do Coletivo de Estudos Anarquistas Domingos Passos. Sinceramente, eu acho essas páginas anarquistas meio fraquinhas. Aí, a gente ficou conversando. Quem não sabia o que era anarquia ficou sabendo de quem sabe, isso foi muito bom.
11 - A gente comentou sobre as últimas notícias, como a posse do Poste na presidência.
Teve gente que ficou menos de uma hora (porque veio escondido), mas ganhou pelo menos um pouco de churrasco, de calda (daquele jeito que eu contei) e uma trepadinha. Todo mundo gostou. Alguns dias depois, eu me encontrei com os nossos três amigos homens casados e eles além de elogiarem a festinha de novo, porque já elogiaram lá, me disseram que tomaram coragem e já começaram a tomar providências pra se separarem das esposas. Eles disseram que as esposas são antipáticas, consomem o tempo e o dinheiro deles, não falam nada agradável, e são ruins de cama pra caramba, quando não ficam meses sem transar com eles (e eu sei que é verdade porque eles são ótimos e eu conheço as filhas da mãe), e eles estavam com elas mais pra evitarem a separação (o processo). E aí, eles dizem que vão se separar e foda-se a pensão (palavras deles), porque estão de saco cheio e a gota d'água foi ter de ter momentos tão bons com pessoas agradáveis (não só de sexo, e não só com as mulheres) escondidos das vacas.
Ah, um detalhe. Ninguém bebeu. Eu organizei a festa e foi proibido álcool. Teve chá de erva-cidreira, limonada (a erva-cidreira e o limão eram do sítio), refrigerante, chocolate. Não teve álcool, não teve droga, não teve briga, a música não foi alta, os convidados eram só gente muito boa, pra ser uma festa de família só faltou não ter sexo, hehehehe.
Abigail Pereira Aranha
Em alguma cidade de Minas Gerais

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Por que NÃO ser um profissional qualificado

Você vive ouvindo que o mercado é exigente e está procurando mão-de-obra qualificada, certo? Aí você vai a uma palestra atrás da outra, está sempre acompanhando programas, lendo blogs, lendo livros, etc pra ajudar você a conseguir um emprego. E além disso faz cursos um atrás do outro.

Aí, você vira o superprofissional, que vai fazer o maior sucesso e vai ser reconhecido pelo mercado, certo? ERRADO.

Dá uma olhada aqui pra ver por que não acreditar ao pé da letra em tudo que os especialistas que vivem de dizer tudo que dizem estão dizendo pra você, além da verdade que você já sabe (ou vai descobrir), mas eles nunca vão te dizer.

(Esse texto pode até lembrar um pouco o "31 motivos para NÃO SER um cara legal", do Doutrinador. Mas sabe que mercado de trabalho e mulher tem um bocado de semelhanças?)


  1. Se a sua vida profissional não for a tragédia toda que vamos dizer, você vai dar graças a Deus (literalmente) por cada coisa boa que você recebeu e que não foi mais do que você fez por merecer.


  2. Qualificação profissional (ou falta de mão-de-obra qualificada) é pretexto para pagar mal, diminuir vagas e demitir gente competente e de caráter.


  3. Cada vaga de emprego que aparecer, você vai se comportar como um cão de rua revirando lixo, e não como uma pessoa qualificada.


  4. Você vai dar graças a Deus (literalmente) só por ter um emprego.


  5. Você vai se empenhar e fazer coisas que não gosta para ficar em qualquer vaga que puder conseguir, em vez de trabalhar onde realmente gostaria.


  6. Você vai ser assediado(a) por um chefe medíocre que tem raiva da sua inteligência, da sua competência e das suas qualidades pessoais.


  7. Se você acreditar nos conselhos de que tem que ser mais capacho do que você já é, mais paciente do que você já é, mais esforçado do que você já é, mais tudo que dizem que você tem que ser do que você já é, para manter o emprego, o seu amor-próprio vai ser cada vez menor, a sua dignidade vai cair, o seu salário vai diminuir, você vai agüentar cada vez mais desaforos para continuar no emprego. Até perder o emprego. Então, pensará que falta alguma coisa e você vai começar esse ciclo no próximo emprego ainda pior que no anterior.


  8. Fazer bem feito é obrigação e acertos nunca fazem diferença, só os seus erros são importantes.


  9. Você vai conseguir o primeiro emprego fácil. Assim que tiver experiência.


  10. Você vai conseguir o segundo emprego fácil. Assim que tiver experiência suficiente no primeiro.


  11. Você vai ser procurado pelas empresas. Se você tiver muita experiência antes ou tiver um bom padrinho.


  12. Você vai ouvir e ler dicas de especialistas em carreira profissional de como se comportar e o que vestir na entrevista do emprego que você vai perder pra alguma ninfeta mimada.


  13. Você vai ouvir e ler dicas de especialistas em carreira profissional de como elaborar o seu currículo que será ignorado.


  14. Você deve seguir as dicas de especialistas em carreira profissional de qual perfume usar na entrevista de emprego. Se você for reprovado(a) na entrevista, e um profissional qualificado como você for para outra empresa, porque o entrevistador meteu a preferência pessoal de perfume no meio, é você que usou o perfume errado.


  15. Você deve seguir as dicas de especialistas em carreira profissional de o que você não deve dizer no seu blog e no seu perfil na rede social.


  16. Você vai encontrar até a morte atendentes mal-educadas, auxiliares de escritório que usam Excel pra fazer tabela de texto, enfim, toda sorte de empregados com falta de competência e educação, enquanto qualquer palestrante sabe muito bem por que justo você tem tanta dificuldade pra conseguir um trabalho.


  17. Você vai procurar ser uma pessoa esforçada, competente e agradável porque a empresa trata você com respeito e reconhecimento, e não vice-versa.


  18. Você vai ver os jornais, os especialistas em carreira, os que estão com a vida ganha e qualquer vadia bem casada dizerem que são as vagas de emprego que estão procurando você, e não o contrário.


  19. Você pode sair de uma empresa onde ficou 5 ou 10 anos com salários atrasados, horas extras não pagas e, talvez, com um problema de saúde.


  20. Você vai trabalhar em lugares onde compromisso social é uma ninharia para uma obra social, princípio ético é não falar mal da empresa ou do colega e princípio moral é proibir ver foto de mulher de biquíni no computador.


  21. Você vai ver que Deus se importa mais com a resposta que você pensou em dar ao desaforo do seu chefe ou com o que pensa em fazer (de sexo) com o seu ou a sua colega de trabalho do que com lixos morais abrindo empresas e decidindo pra onde vai o dinheiro dos impostos.


  22. Você pode ter curso universitário, e aí já vai ter passado noites estudando quando sua futura chefe (uma piriguete de menos de 30 anos) nasceu.


  23. Você vai perder uma vaga porque tem menos de 20 anos.


  24. Você vai perder uma vaga porque tem mais de 30 anos.


  25. Você vai perder uma vaga porque vai precisar de dois ônibus.


  26. Você vai perder uma vaga porque vai precisar de um ônibus.


  27. Você vai perder uma vaga porque é branco(a).


  28. Você vai perder uma vaga porque é homem.


  29. Você vai perder uma vaga porque não é deficiente.


  30. Você vai perder o emprego porque é evangélico e o chefe ou o dono é católico.


  31. Da próxima vez que você concorrer a uma vaga, você vai perder a vaga pra mesma pessoa da outra vez. Porque ela tem mais experiência.


  32. Você vai sair de cada emprego menor do que entrou. Menor em senso de dignidade, esperança e alegria de viver.


  33. A última coisa que você vai dizer quando se aposentar é que tudo que você estudou, fez e teve de caráter valeu a pena. A não ser que qualquer salário mais alto seja seu projeto de vida e compense qualquer coisa.


  34. Quando se aposentar, você terá pensado pelo menos uma vez na vida que dedicação, caráter, estudo e profissionalismo não adiantam nada.


  35. Se você falar de qualquer pessoa com metade da sua inteligência, do seu caráter, da sua idade ou do seu tempo de estudo que ganhe mais que você e tenha mais destaque, é inveja sua.


  36. Você vai assistir até a morte gente abaixo de medíocre em qualificação, em inteligência, em caráter e em equilíbrio nas chefias, abrindo empresas e filiais, escrevendo livros de sucesso e governando o país.


  37. Quem acha que ser agradável é ser inferior, ter caráter é ser otário e não ganhar um cartão de crédito do pai ou do marido é ser perdedor são os mesmos que falam em falta de mão-de-obra qualificada.


  38. Humildade: consciência de que você é inferior a qualquer idiota que possa mandar em você.


  39. Você tem que ser mais humilde e mais agradável. Os outros tem o seu jeito de ser.


  40. Você tem que ser cada vez melhor. Os outros podem continuar como são.


  41. Você pode trabalhar mais, melhor e mais rápido. Os outros, quem é você pra falar deles?


  42. Você tem regras e ordens pra seguir. Seu chefe tem influência. Sua empresa tem advogado.


  43. Os seus superiores vão falar da sua competência e do caráter não porque eles se importam com isso, mas porque você se importa.


  44. Para fazer as leis para os cidadãos honestos, o senador pode ter processo por assassinato. Para cuidar da segurança pública, o policial pode ser desequilibrado, corrupto e racista. Mas qualquer recepcionista perde o emprego porque descobriram uma foto dela nua.


  45. Você vai ser pior do que qualquer medíocre que começou a carreira usando o sobrenome, o padrinho ou a buceta só porque ele(a) chegou mais longe que você.


  46. Você vai ouvir falar de gente que consegue emprego com uma facilidade impressionante, enquanto você vai demorar um ano ou mais para conseguir um, como qualquer mortal.


  47. As suas 3 maiores expectativas de futuro: o Paraíso, a sexta-feira e o emprego que você vai descobrir o que é quando estiver nele.


  48. Com toda a experiência, o conhecimento, a capacidade e a inteligência que você tem, o seu empregador não vai pedir a sua opinião, e você vai ser convidado a sair se achar (tiver certeza) de que alguma coisa está errada.


  49. VOCÊ NUNCA VAI TER CORAGEM DE SE IMAGINAR COM O SUCESSO PESSOAL E PROFISSIONAL QUE VOCÊ MERECE PELA SUA POSTURA PROFISSIONAL E PESSOAL, E QUE QUALQUER SOBRINHO DO FULANO OU QUALQUER PIRANHA QUE SAIBA PRA QUEM DAR CONSEGUEM.

Abigail Pereira Aranha

Basta ser mulher: o brilho da primeira presidenta Dilma Poste e da MULHER DO VICE Marcela Temer

Texto original em português (sem fotos e vídeos de putaria, no A Vez das Mulheres de Verdade): Basta ser mulher: o brilho da primeira presidenta Dilma Poste e da MULHER DO VICE Marcela Temer, http://avezdasmulheres.wordpress.com/2011/01/05/a-primeira-presidenta-e-a-mulher-do-vice/

Abigail Pereira Aranha



Marcela Temer, a mulher do vice-presidente que tem de política o que ela tem de idade - fonte: Estadão

Atenção: se o seu primeiro argumento depois de ler esse texto é o argumento do você-tá-é-com-inveja, olhe pra fotinha de quem escreveu, sua lésbica / seu mangina.


Gente, eu que não falo palavrão me deu vontade de soltar um. Quem se perguntou se Dilma Rousseff é ou já foi casada enquanto estava tomando posse da presidência? Não é, já foi casada duas vezes e se separou do último marido em 2000. Mas o brilho da posse foi a primeira mulher na presidência da República e... a Marcela Temer, a bela loura de 27 anos estilo piriguete casada com o vice-presidente Michel Miguel Elias Temer Lulia, que tem 70 anos e tem de política o que a bela senhora tem de idade.


Top Posts do Wordpress de 04/01/2011:




Top Posts do Wordpress de 05/01/2011:




  • 13 - "Mulher de Temer atrai olhares durante posse de Dilma , a ex-miss Marcela", blog Notícias da TV Brasileira


    Montagem com fotos de Marcela Temer (esq.) e Geisy Arruda. Foto: Ricardo Matsukawa e Fernando Borges/Terra/Art by Terra

    "Geisy Arruda brinca e diz que mulher de Temer é 'irmã perdida'". É, também acho.



  • "Mulher do vice Michel Temer rouba a cena" passa da posição 19 para a 20



  • "Marcela Temer vira hit no twitter" passa da posição 47 para a 26. Esparadrapo na boca pra não soltar um palavrão.



  • 68 - "Musa da posse. Marcela, mulher de Temer, sucesso na mídia", blog Faca Amolada. As estrelas são o Poste que nunca disputou uma eleição e a ninfeta casada com um tal de Michel Temer. Tirando o esparadrapo da boca pro caso de vomitar.



Matérias fúteis e infla-ego sobre a cidadã em jornais e uma página sobre política:





A Bárbara Araújo Machado do Ou Barbárie protestou contra um comercial da cerveja Devassa por supostamente mostrar a mulher negra como objeto, chamando pra denunciar no Conar ("A Devassa e a mulher negra: 'Só corpo, sem mente'"). A Ana Diniz fez coro também ("Cerveja, sexismo e agora também racismo - Denuncie!"). Cadê Bárbara, Ana e turma das Blogueiras Feministas na hora de protestar quando a imprensa está inflando o ego da mulher do Temer? Elas não detestam quando uma mulher só é olhada em termos de bunda e peito ou carinha bonita? Ou o que as ditas feministas detestam é pica?


Ao contrário do que dizem as feministas, a mulher é muito valorizada só por ser mulher. O homem que já procurou vaga de trabalho já perdeu alguma vaga só porque era pra mulher. Vocês já repararam que um homem pode ter dinheiro e status mas não é nada se não tiver uma ninfetinha 20 ou 30 anos mais nova do lado? Uma mulher com um curso de faculdade de quinta bem empregada e sozinha é bem resolvida. Um homem bem sucedido sem uma piranha do lado é bicha. Repito: quem se perguntou pelo marido da Dilma Poste?


Homens, se unam e se mexam antes que as piriguetes deixem pra vocês só os trabalhos de pedreiro pra baixo (sem desmerecer o trabalho de pedreiro, é claro).


Veja também:

Dilma Poste é a nossa nova presidente

Dilma Rousseff eleita presidente: em 2010, quem ganhou foi a gentalha

Juiz Edilson Rumbelsperger Rodrigues: o apedrejamento moral do juiz contra a Lei Vadia da Penha

Se era pra eleger uma presidente mulher, por que só agora, e justo o Poste?

E por fim, a série "O machismo foi criado pelas mulheres"


Indicação de hoje
sexo, putaria, safadeza, pornografia, mulher pelada, filme pornô
Só pra relaxar mesmo, porque o assunto é um porre
A Hardcore Ass Fuck For Elena Grimaldi
(Uma foda anal para Elena Grimaldi) Com coroa
Latin Big Booty Queens Nanda
Com bunduda
Gigantic Brazilian Butt- Nanda

Palavras relacionadas: fotos com Marcela Temer, Dilma Rousseff, machismo, patriarcado, vitória das mulheres, feminismo, a primeira presidente mulher
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Página no Facebook