segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Direita cristã, acabou! - parte 26: Rede Globo dá uma surra em toda a direita fazendo uma piada com os intervencionistas

Abigail Pereira Aranha

Programa "Zorra", Globo, 26/11/2016



[A partir de 33:11]

- Boa noite. Esta é mais uma reunião do Movimento Primeiro de Abril. Nós pretendemos apoiar a volta do regime militar. Nós estamos cansados de tanta corrupção e de tanta falta de patriotismo. Gostaria, é claro, de agradecer a presença de todos, mas principalmente a do general reformado Beltrão Medeiros. O Brasil precisa da volta da ditadura. O Brasil precisa de uma intervenção militar urgente!

- Está preso!

- Como assim? Não 'tou entendendo.

- Eu disse que o senhor está preso!

- Mas, oi, por quê?

- O nosso regime não permite nenhuma manifestação ou atividade de natureza política. O senhor é um líder de um órgão subversivo.

- Ma-ma-ma-ma-mas eu apoio vocês. Eu sou a favor da volta da ditadura.

- E quem disse que nós somos uma ditadura, hã? O senhor está insinuando isso, seu subversivo? Comunista!

- Não!

- Está preso!

- Não!

- Preso!

- Não!

- Preso!

- Nããão!

[Era um pesadelo. O homem está quase acordando.]

- Me solta! Me solta! Me solta! Me solta! Ai! Ai!

[Chega a esposa do homem no quarto.]

- Amor! Acordou! Benhé, ansioso pra manifestação, hein? Aqui, ó! [Mostra um cartaz "Intervenção militar já"] 'Cabei os cartaz, amor!

- Tava pensando, amor!

- O quê?

- Partiu cinema?

- Ah, não!

(https://youtu.be/HCr1SXxMD9g?t=33m11s)

Meus comentários

Essa piada foi fantástica, para os padrões do "Zorra Total". A parte do "quem disse que nós somos uma ditadura?" lembra um meme sobre o Islamismo que eu não me lembro onde eu vi: "Você diz que o Islã é violento? Eu vou matar você!" E o que faz a piada fantástica é que ela é de mão dupla. Ou melhor: não temos a informação de que o governo militar tenha tentado posar como "democrático", mas os movimentos sociais de esquerda fazem atrocidades em nome da "igualdade social". Só teve uma falha na primeira parte da confusão do tempo das falas, como se o governo militar fosse uma bandeira e ao mesmo tempo como se o mesmo governo militar já tivesse sido implantado.

O que faz a piada ter pouco efeito negativo na parte mal intencionada é que 1) não apenas os intervencionistas foram minoria nas manifestações contra o governo Dilma Rousseff, o movimento como um todo, assim como a oposição ao PT, não requeria que o manifestante fosse a favor do militarismo; 2) há uma chance considerável de o espectador saber disso porque na última série, 13 de março, foram mais de três milhões de pessoas nas ruas em centenas de cidades pelo Brasil; 3) depois das várias séries de manifestações ao longo de quase dois anos, ficou clara, mais do que nunca, a diferença entre manifestações do povo de verdade e as manifestações da militância esquerdista em tarde de dia útil; 4) como o "Zorra" já fez piadinhas idiotas com os antipetistas em geral e com políticos do PSDB, poucas pessoas que não sejam esquerdistas ou paspalhas ainda assistem o programa com regularidade. A Rede Globo, como vimos, está tentando agradar o PT, o eleitorado dele e alguns outros militantes da esquerda. Mas quando faz isso, não conquista ninguém mais. O problema é que bastou "tirar a Dilma" para a direita voltar à inexpressividade intelectual e política.

Além de não existir um canal de direita nos veículos tradicionais, mesmo os manifestantes nas ruas não abordaram o Petrolão como era necessário. E isso inclui alguns milhões para a Rede Globo pagos pelo PT ainda na presidência como verbas de publicidade da Petrobrás. Mais do que isso: a diferença entre ser de direita e ser contra o PT não ficou clara nem entre a própria direita. Então, durante todo o mandato da Rainha Louca, os quase seis anos, tivemos garotas fazendo algum sucesso com vlogues, blogues e perfis no Facebook só porque falavam mal do PT e das loucuras da militância esquerdista enquanto diziam aos netos de latifundiários decadentes o que eles gostam de ouvir. Enquanto isso, os "libertarians" tiveram uma época de ouro quando defendiam salários ruins e falta de direitos trabalhistas como sempre, mas sem apanhar da esquerda.

Portanto, mesmo que os militaristas sejam minoria entre os direitistas e os antissocialistas, uma piadinha razoável sobre os militaristas pode ter sucesso contra a direita como um todo. Os liberais-conservadores chegaram ao ponto em que quem denunciou o quanto que a Rede Globo recebeu de dinheiro no governo do PT foi a BLOSTA: o Limpinho e Cheiroso. Não é por falta de expulsar intervencionistas das manifestações contra o PT que a direita ainda é associada ao militarismo. E Dilma Rousseff perdeu o mandato com cerca de 70% do eleitorado achando o governo dela ruim ou péssimo. Mas a esquerda continua quase sem rivais visíveis na produção intelectual, na imprensa tradicional, nas artes, ou mesmo na política. Talvez, se a direita conseguisse um espaço significativo em um grande jornal ou em um canal de televisão, eles falando sério pareceriam uma piada do "Zorra". Então, aquela piada resume o que parece ser a opção política do Brasil: ou esquerdismo barato enrustido, ou reavivamento do fundamentalismo sertanejo.

sábado, 26 de novembro de 2016

Diário filosófico da Abigail P. Aranha: Notas de 16 dias, sobre intervencionistas, Dia Internacional do Homem e outros assuntos

Abigail Pereira Aranha

Nota 01

Meus amigos e minhxs inimigxs, estou bloqueada no Google Plus por duas semanas, até o dia 1º próximo. Eu não encontrei esquerdistas por lá. É coisa da direita caipira mesmo.

Nota 02

Resposta do Google Plus quando eu perguntei qual foi a postagem que me fez ganhar suspensão:

Prezado usuário do Google+,

Agradecemos sua mensagem.

Analisamos sua contestação e determinamos que seu conteúdo violava a Política de Conduta e Conteúdo do Usuário. Seu acesso ao Google+ ficará limitado por duas semanas.

Se você continuar violando nossas políticas, seu acesso ao Google+ e a outros serviços sociais do Google, como o Hangouts, poderá ser suspenso permanentemente. Saiba mais

Entendemos que talvez nem todas as pessoas consigam se adequar a essas políticas. Se você optar por sair, pode primeiro fazer uma cópia dos seus dados. Se preferir, também é possível desativar o Google+ totalmente.

Atenciosamente,

Equipe de suporte do Google+

Depois disso, me senti tentada a voltar pro Facebook. Perto disso, o Suckerberg é um modelo de seriedade.

Nota 03

Caso de ontem, num ônibus: um rapaz está entre amigos contando como ele fazia agrados para uma amiguinha, aí alguém diz "agora ela está com um homem que não faz nada por ela, mulher é assim". E quem disse isso? Um guerreiro da Real? Não! Foi uma mulher, uma das amigas do grupo.

Sabem o que isso significa? Isso mostra que a Real nunca foi para trazer ao público algum conhecimento escondido sobre o universo feminino. A Real veio para os homens medianos aprenderem a enxergar o que já está na própria frente. E outra coisa: enquanto o homem comum colocar as mulheres em pedestais, seja como cavalheiro, seja como feminista, o próprio ato de dizer a verdade sobre o universo feminino vai ser ou crítica interna do mesmo universo feminino ou coragem de meia dúzia de pseudônimos em redes sociais.

(11 de novembro de 2016, https://plus.google.com/+AbigailPereiraAranha/posts/5oBqmiXJ6Vw)

Nota 04

E não é que ainda há gente no Brasil pedindo intervenção militar depois de dois anos, em que NÓS fizemos pressão e aconteceu até o meio impeachment, enquanto as Forças Armadas não fizeram nada além de trabalhar de segurança da Rainha Louca e caçar o "mosquito"? O intervencionismo é um instinto atávico do fundamentalismo caipira. Mesmo que o grupo dos intervencionistas seja uma minoria no antiesquerdismo brasileiro, ele já mostra que a maior preocupação da esquerda, tirando a crítica interna e a parte mais visível dos próprios erros, é ler alguns arroubos nostálgicos de herdeiros de dinastias decadentes do interior.

(10 de novembro de 2016, https://plus.google.com/+AbigailPereiraAranha/posts/NUcWCMDLg2z)

Nota 05

Eu fiz este comentário no texto "Uma solução liberal para o problema da educação no Brasil", texto de Ivan Dauchas reproduzido no blogue do Rodrigo Constantino, via Google Plus no dia anterior à minha suspensão:

Eu ia lembrar que o movimento Vai Ter Shortinho Sim aconteceu em um colégio privado. Eu ia lembrar os nomes de alguns professores militantes esquerdistas que trabalham em universidades privadas ou confessionais. Eu ia lembrar um caso que o Gustavo Ioschpe conta da doutrinação esquerdista em um colégio mantido pelo SESC ("Estamos acabando com o país", Veja, 09 de novembro de 2014). Eu ia lembrar que os secundaristas que dão ao Brasil alguns dos piores resultados no PISA já são de escolas privadas (imagine-se as públicas). Mas estou vendo que escrever as ideias que estão neste artigo não é burrice. Dar boquete emocional em netos de coronel que quebraram a empresa que fizeram com herança do avô, de tanto pagar indenização pra ex-empregado e imposto sonegado pra Receita, já virou profissão.

(16 de novembro de 2016, https://plus.google.com/+AbigailPereiraAranha/posts/EJPuVPPvbGF)

Ah, e o comentário desapareceu do endereço original.

Nota 06

Eu compartilhei também no dia 16, com o comentário "Direita caipira desenhada!" (erros de ortografia conforme original, grifos meus):


O "MANIFESTO DA INTERVENÇÃO MILITAR & POPULAR" !!!

ACORDA BRASIL ! Vamos unir as nossas forças, em um só objetivo, para irmos às ruas aos milhões pedir e determinar que as Forças Armadas tomem o Poder das mãos dessas facções políticas criminosas e devolva imediatamente o Brasil aos Cidadãos de Bem, através da implantação imediata das Pautas de Reivindicações abaixo, para acabar com a corrupção política, a miséria social, e levar o Brasil a nível de País de 1º mundo já !

A tomada do Poder será um ato patriótico feito com embasamento legal no regime democrático, em que todo poder emana do povo. Parágrafo Único do art. 1º da Constituição Federal de 1988.

MANIFESTO DA INTERVENÇÃO MILITAR & POPULAR

RESUMO DE SUAS PAUTAS

1ª pauta - Depois da tomada do Poder, o Governo Provisório será obrigado a Prender e Confiscar os Bens dos Políticos Corruptos (...)

2ª pauta - Destituir todos os Ministros do STF, dentre outros, onde esses Cargos serão preenchidos por Concursos Públicos (...)

3ª pauta - Os Delegados e Promotores passarão a ter Poderes de investigar qualquer pessoa sem autorização judicial (...)

4ª pauta - Os Políticos serão escolhidos por Concursos Públicos em quatro em quatro anos, ao invés de eleições políticas (...)

5ª pauta - As leis e outras coisas de interesses públicos serão aprovadas ou reprovadas diretamente pelo o Povo (...)

6ª pauta - O Congresso Nacional, onde os seus integrantes serão escolhidos por concursos públicos, serão obrigado a erradicar o desemprego, a falta de moradia e outros males sociais (...)

7ª pauta - As Forças Armadas passarão a ser o Fiscal dos Municípios, dos Estados e da União, podendo intervir nesses Entes Públicos em caso de corrupção (...)

8ª pauta - Essas pautas serão implantadas dentro da Própria Constituição de 1988, onde os requisitos constitucionais contrários estarão nulos e revogados de pleno direito (...)

COMPARTILHEM E DIVULGUEM MACIÇAMENTE, OK!

(Luciana da Silva Soares, 26 de julho de 2016, https://plus.google.com/100938904790811983670/posts/idaisAJjrXB)

Nota 07

No mesmo dia 16, aconteceu uma dita invasão de intervencionistas em uma sessão no Congresso Nacional. A invasão aconteceu, a questão é se eram intervencionistas mesmo ou se eram militantes de esquerda se passando por intervencionistas. O portal Sul Connection tem um texto sobre isso: "False flag? A estranhíssima invasão da Câmara". Mas se eram mesmo direitistas pedindo intervenção militar, foi o Fora Temer da direita. Talvez não tenha sido um tiro no pé porque os petistas não tiveram material para usar contra a direita.

As Forças Armadas tomaram conhecimento do caso, mas não interviram.

Nota 08

Matéria relacionada (da relacionada) àquela do Sul Connection: "Você quer uma intervenção militar, é? Me diga de que tipo". Texto de Bolívar Lamounier, análise excelente, publicada no dia 17. Vou pegar um trecho de cada um dos dois comentários até quando eu li. "Não se trata mais de uma escolha, de combinar com os russos, acabou as alternativas". "O ideal é permanecermos com o puteiro chamado Brasil da forma que está, não é Dr?". A direita em geral ainda não sabe a diferença entre discutir um problema e discutir uma proposta de solução dele; ou melhor, não sabe a diferença entre rejeitar um totem sociopolítico e negar o problema que ele supostamente soluciona.

Nota 09

Olavo de Carvalho

16 de novembro às 10:11

"Quem é orgulhoso se fode", ensinava o bom Severino, meu amigo de infância. A esquerda só conquistou a hegemonia porque a direita achou que as idéias esquerdistas eram tão estúpidas que jamais alguém em seu juízo perfeito acreditaria nelas. E a direita reconquistou seu lugar no mundo quando a esquerda se persuadiu de que ser direitista era uma coisa só para idiotas irrecuperáveis. Sentir-se superior é atrair a ira de mil pirocas flamejantes.

(https://www.facebook.com/carvalho.olavo/posts/732171053601638)

O professor errou. É fato comprovado que a força dos pensamentos direitista e conservador está ligada ao analfabetismo e à aliança entre a religião e o Estado. A esquerda teve aquela hegemonia cultural e política enquanto a atividade intelectual digna de nota estava dentro dela mesma, estava na dissidência ou podia ser absorvida no debate interno. A esquerda perdeu aquela hegemonia, o que não significa que "a direita reconquistou seu lugar no mundo", quando começou a fazer tantas atrocidades e sandices que o discurso liberal-conservador passou a ser aceitável.

Nota 10

Steh Papaiano publicou o vídeo "Dia do Homem" em 15 de julho. O vídeo é baseado no vídeo "MTV Hates Men", do Paul Joseph Watson, com comentários dela. Eu já vi mulheres feministas lembrando o Dia do Homem para fazer palanque para o feminismo moderado. A Steh Papaiano foi mais uma mulher conservadora a se lembrar do Dia do Homem para atacar o feminismo esquerdista usando o trabalho dos ativistas de direitos dos homens. Eu publiquei no mesmo dia "Seção de mulher (quase) pelada para 15 de julho, Dia do Homem no Brasil" no A Vez das Mulheres de Verdade e "Seção de mulher pelada..." no A Vez dos Homens que Prestam (postagem mais acessada dos últimos 7 dias e 3ª mais acessada dos últimos 30 dias, hehehehe). No dia 19, Dia Internacional do Homem, eu fiz alguma coisinha, tentando levar para o humor. Eu sei que não ficou tão bom quanto eu gostaria, mas pelo menos na versão com putaria, eu tentei homenagear os amigos. Eis o ponto: as mulheres feministas moderadas e feministas conservadoras atacam as feministas radicais porque estas estão levando a sociedade pro buraco e vão levá-las junto, eu ataco o Lésbico-Socialismo porque ele ataca os homens decentes.

Steh, quando você permitir comentários no seu canal, eu me apresento e te digo por que eu tenho autoridade para te chamar de neta de latifundiário nervosinha.

Nota 11

Reinaldo Azevedo, dia 22: "A anistia ao caixa dois é a 'loura do banheiro' do debate político". O "caixa 2" ainda não é tipificado como crime, vai ser se forem aprovadas as medidas contra a corrupção que eram 10. O argumento que ele mostra é simples: "E quem cometeu caixa dois até agora? Bem, não poderá ser enquadrado nesse tipo penal, já que a Constituição, no Inciso LIX do Artigo 5º, uma cláusula pétrea, impede que lei penal retroaja para punir, só para beneficiar.". O Felipe Moura Brasil, colega dele na Veja e aluno do prof. Olavo de Carvalho, errou miseravelmente, e citando esse inciso, no vídeo "O golpe da anistia explicado". A direita ainda não entendeu nada:

1) Limpinho e Cheiroso, 30 de junho de 2015: "Dilma paga pelo golpe: Globo, Veja e UOL lideram fatias da publicidade do governo federal" ("Via Comunique-se em 29/6/2015"). "Os números revelam que, sem contar as afiliadas, a Globo e suas cinco emissoras próprias (São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília e Recife) foram responsáveis por arrecadar R$6,2 bilhões em publicidade estatal federal ao longo de 12 anos dos governos Lula (2003 a 2010) e Dilma (2011 a 2014)." Isso não foi desvio de dinheiro público, quando muito foi mau uso. Para quem não sabe a diferença entre corrupção e desvio de dinheiro público, um empreiteiro que deu um décimo disso para a campanha de um presidente eleito, em troca de licitações superfaturadas, é mais corrupto do que o governo que usou este dinheiro para adoçar a boca da imprensa. E uma lei contra o "caixa 2" vai deixar essa corrupção ilesa.

2) Dentro do dinheiro citado na matéria citada, está publicidade da Petrobrás. O Petrolão patrocinou canais como o Limpinho e Cheiroso e comprou a grande imprensa, para falar bem, ou o menos mal possível, do governo PT e das lésbicas insanas da extrema-esquerda. Dinheiro liberado por quem já estava dentro da Petrobrás e do governo federal. E o povo está preocupado com ninharias que foram para empreiteiras ou que alguém disse que foram para políticos do PSDB.

3) O financiamento empresarial de campanha política já é proibido, confere? Então, se o caixa 2 for transformado em crime, será caso de polícia apoiar um candidato no Brasil. Então, se Dilma voltar do meio impeachment em 2019, quem patrocinar qualquer político de oposição a partir daí vai para a cadeia. E a direita burra está apoiando isso.

Nota 12

Jornal Extra, 17 de novembro: "Gaby Amarantos se une a Bruno Gagliasso e vai prestar queixa de racismo sofrido na web". A Gaby Amarantos, para quem não se lembra ou nunca ouviu falar, é a cantora da música "Ex Mai Love" (letra e vídeo no Vagalume para quem quiser sofrer). E o dia 17 foi o dia seguinte ao da entrada do grupo de intervencionistas (ou não) no Congresso Nacional. Interessante, né?

Nota 13

E eu chamando quase todos os liberais-conservadores de netos de coronéis decadentes, chupadores de condenados da Justiça do Trabalho, fundamentalistas caipiras e vacas neuróticas; ainda faço menos mal e mais bem à direita pregando a anarquia, o ateísmo e a prostituição do que Luana Basto dando testemunho de conversão evangélica.

sábado, 19 de novembro de 2016

Meninos, sejam homens demais engajando-se em ser homens o suficiente para impressionar as mulheres (para 19 de novembro, Dia Internacional do Homem)

Abigail Pereira Aranha

Um dia, eu era um rapaz muito magro e contemplativo para ser sexualmente atraente ou mesmo para ser interessante para estar ao redor. Então, eu encontrei um artigo de uma mulher com conselhos sobre como um homem como eu poderia recuperar sua masculinidade e ser capaz de perpetuar a espécie. Agradeço-lhe as palavras. Bem, alguns anos antes deste artigo, o ministro japonês da saúde Hakuo Yanagisawa disse para as mulheres japonesas, sobre a diminuição da população, que "o número de máquinas e dispositivos criadores de crianças é fixo, tudo o que podemos pedir é para que elas façam o seu melhor por cabeça, embora possa não ser tão apropriado chamá-las de máquinas". Ele teve que se desculpar sob advertência do primeiro-ministro Shinzo Abe[1]. Quando uma advogada fez um discurso na Assembléia Metropolitana de Tóquio sobre o apoio à maternidade e atrasar o casamento e um membro da assembléia disse: "você é quem deve se casar primeiro", ele teve que dizer à imprensa que não queria insultá-la, mas ainda disse que ele "realmente esperava que ela pudesse se casar em breve, tendo em mente essa tendência em curso, onde as mulheres estão atrasando o casamento e tendo menos filhos"[2]. Enquanto isso, as meninas podem escrever uma página inteira de "homens devem", "homens reais fazem", "homens reais são" para os homens. Mas tudo bem! Então, eu estava decidido a ser um homem melhor.

Eu ganhei alguns músculos. Eu me matriculei simultaneamente em aulas de ginástica, um centro budista e um curso de cinema. E eu fiz uma terapia para eliminar a minha timidez. Aprendi a dirigir e comprei um caminhão para oferecer serviços de transporte. Eu tenho um cavalo, também. Tenho um chapéu. Eu fiz alguns cursos. Eu ganhei uma coluna em um jornal. Então, eu poderia começar a conversar com algumas mulheres em meus contatos diários sobre cinema, astrologia, musculação, agricultura, viagens, livros, artes culinárias, TV e banalidades. Apenas conversas moderadas, se eles eram simpáticas para mim e não tinham um marido estúpido. Mas, só Deus sabe, eu poderia ter minha linda esposa. Antes que eu pudesse esboçar uma abordagem para uma mulher que me interessava, melhor, quando eu estava em um ônibus lotado antes que eu pudesse até mesmo encontrar uma, toquei acidentalmente uma vaca e ela gritou e ameaçou chamar a polícia por assédio sexual. Claro que, como ela era feia e desequilibrada pra caralho, ninguém a levava a sério, embora tivesse uma pós-graduação em Pedagogia. Mas se aquela não era uma hora de pico e um policial pudesse chegar lá, ele me prenderia por estupro.

Mas eu tinha que ser um homem super ultra, então eu poderia combinar com as mulheres modernas, que são animadas, interessantes e inspiradoras para estar ao redor. Eu tinha que ter um diploma. No colégio, ouvi uma vez vagamente sobre o suicídio masculino, mas em um quadro de um departamento, havia um artigo de uma professora provando que a regulação do ar condicionado é machista[3]. Eu nunca tinha uma rapariga me chamando para uma foda, mas as mulheres conservadoras tinham dito que as meninas da faculdade eram "fáceis". Procurar uma prostituta era perigoso, procurar sexo casual era arriscado por causa da rejeição das meninas e ela poderia dizer que era abuso, mas as meninas feministas estavam dizendo que a sociedade era feita para agradar os homens. Mas deixe professores e alunos discutir Feminismo, Socialismo ou Conservadorismo. Eu estava lá para aprender Engenharia de Mineração.

Enquanto eu estava na faculdade, eu tentei procurar prostitutas. Eu só estou procurando bom sexo, mas vou ser rotulado como um criminoso, porque a prostituição é crime neste país. Bem, pode ser melhor assistir pornô no apartamento que eu dividi com alguns colegas. Eles usaram um esquema especial, porque a pornografia on-line está bloqueada em todo o país. Mas pornografia e prostituição são para homens falidos, embora as mulheres bem-sucedidas não procurem homens.

Concluí meu curso. Eu estava morando sozinho. Fui tido como um bom homem em meus círculos. Eu ajudei alguns pobres, me envolvia em assuntos da comunidade. Eu era churrasqueiro, pedreiro, eletricista, motorista de caminhão, jardineiro. Ah, um engenheiro de minas, também. Eu tinha um emprego regular, só o salário é bom, em uma empresa onde 70% dos funcionários eram mulheres, mas uma garota legal que estava interessada em mim, eu a conhecia em uma igreja. Seus pais e irmãos me cumprimentaram com cara feia quando fui à casa dela pela primeira vez. Mas eu continuava acordando e indo dormir todos os dias querendo mostrar-me mais bonito para ela, mais forte para ela, mais rico para ela, mais homem para ela.

E, finalmente, eu disse a ela e sua família que eu estava disposto a aderir a um projeto de homens criando filhos e cuidando de casa a fim de suas esposas trabalharem[4]. Eu sabia que minha esposa no meu trabalho não seria como um piquenique, mas eu faria isso por ela.

Um dia, eu acordei percebendo que eu era homem DEMAIS, humano demais para isso tudo. Não são só as garotas. Seja eu qualificado o quanto for, o mercado de trabalho me tratará como descartável e pago em excesso. Ah, alguém me disse para verificar meus hormônios antes de ela me ensinar como me tornar atraente para as mulheres. Que mulheres, mesmo?

Ah, o feminismo defende que: 1) o Ativismo dos Direitos dos Homens deve ser visto como infantil, estupidez, atraso ou caso de polícia; 2) os homens não devem criticar as mulheres ou reagir a o que quer que elas sejam ou façam; 3) as mulheres tenham os mesmos direitos que os homens têm.

NOTAS:

[1] "Yanagisawa sexist remark draws Abe ire" (Observação sexista de Yanagisawa atrai a ira de Abe), Japan Times, 30 de janeiro de 2007, http://www.japantimes.co.jp/news/2007/01/30/national/yanagisawa-sexist-remark-draws-abe-ire.

[2] "Sexist views dent Abe's push for women's rights" (Opiniões sexistas afetam o empurrão de Abe para os direitos das mulheres), Japan Times, 28 de junho de 2014, http://www.japantimes.co.jp/news/2014/06/28/national/sexist-views-dent-abes-push-womens-rights.

[3] "Women shiver at work in 'sexist' air conditioning" (As mulheres tremem no trabalho ao ar condicionado "sexista"), The Telegraph, 03 de agosto de 2015, http://www.telegraph.co.uk/news/science/science-news/11780469/Women-shiver-at-work-in-sexist-air-conditioning.html.

[4] "O primeiro-ministro Shinzo Abe quer que os homens assumam papéis mais ativos na criação de crianças sob uma campanha apelidada de projeto 'ikumen', que se traduz como homens criando filhos" ("To boost economy, recruiting stay-at-home dads" - Para impulsionar a economia, recrutando pais em casa -, Japan Times, 30 de abril de 2014, http://www.japantimes.co.jp/news/2014/04/30/business/economy-business/boost-economy-recruiting-stay-home-dads). "Plans adopted to import foreign housekeepers in name of female empowerment" (Planos adotados para importar governantas estrangeiras em nome do empoderamento feminino), Japan Times, 10 de outubro de 2014, http://www.japantimes.co.jp/news/2014/10/10/national/social-issues/plans-adopted-to-import-foreign-housekeepers-in-name-of-female-empowerment.

Apêndices

"Herbivorous men, where's the beef?", The Japan Times, 17 de dezembro de 2011. Disponível em http://www.japantimes.co.jp/community/2011/12/17/our-lives/herbivorous-men-wheres-the-beef.

Homens herbívoros, onde está a carne?

por Amy Chavez

17 de dezembro de 2011

Minhas amigas garotas japonesas solteiras reclamam que não há caras interessantes lá fora. Eles poderiam estar certas? Parece que estes dias o cara médio japonês é, bem, você sabe, meio chato. Meio quieto. Nada de errado em ser calmo, claro, especialmente se você não tem nada a dizer.

Os meios de comunicação japoneses cunharam esses homens "herbívoros" ou "comedores de erva" (soushoku danshi). Eles são não-competitivos, concentrados em cuidados pessoais (yay!), são frugais, e têm falta de interesse em sexo. Agora, eu sou totalmente a favor do tipo contemplativo tranquilo, sensível. Frugal? OK. Mas sem sexo? O sexo é de graça.

As pessoas têm tido relações sexuais desde sempre (obviamente). Os animais fazem sexo, os insetos fazem sexo (sexo realmente bom também), por isso estou preocupada com o que vai acontecer com esses homens. Alguém precisa verificar seus hormônios. É o suficiente para fazer você pensar que talvez sua falta de desejo sexual deriva de sentimentos de inadequação. "Eu sou muito calmo, muito magro e muito contemplativo para ser sexualmente atraente." (Hey, você está certo!). Se os homens não começarem a ter um interesse em sexo, a raça japonesa pode ser extinta.

Não é de admirar algumas mulheres japonesas não estão todas tão felizes com estes comedores de erva que preferem pastar em suas próprias pastagens se lamentando o dia todo como Ferdinando O Touro.

Eu penso que o problema com os homens é só que eles não são mais muito "viris". Eles não são nem mesmo "masculinos". Eu mesma não estou muito impressionada com o macho japonês moderno. Estou, no entanto, muito impressionada com sua namorada ou esposa. Essas mulheres são animadas, interessantes e inspiradoras para se estar ao redor.

Então, o que uma garota moderna tem que fazer? Dar conselhos para os homens! Aqui estão algumas dicas para aqueles homens que suspeitam que depois de anos de solidão e vida sem sexo, eles devem recuperar a sua masculinidade.

Mudar a sua TV para o canal de safari. Muita coisa pode ser aprendida com o reino animal. Observe que um leão não apenas se sentar dormindo o dia todo. Quando o dever chama, eles deixam seus computadores por algumas horas, caçam algumas leoas, lutam por uma que é realmente quente, e vão para casa com elas para viverem felizes para sempre. Eu não estou sugerindo que você tire sangue, mas ter um papel ativo no seu cortejo. Se você não estiver se sentindo inspirado pelo canal safari, vá para o canal de insetos. Deviam realmente fazer isto.

Ganhe algum peso. A aparência magra é bom, mas não tão magra! Não deixe suas mulheres dizendo onde está a carne? Comer coisas viris - hambúrgueres ou chanko nabe. Coma até doer - porque você pode. Você é um homem!

Ganhe algum músculo. Os caras japoneses não têm tanto músculo, o que é bom, mas você ainda deve ser capaz de mover os móveis e tirar tampas de frascos. Um pouco de fisiculturismo não pode machucar. Fique em boa forma. Seja atlético. Faça alguns esportes. Sim, eu disse ESPORTES! Pelo menos o esporte é algo para se falar.

Deixe crescer um pouco de cabelo. Lembre-se, o homem vem dos Neandertais, o corpulento pão-de-um-humano original. A tendência longe da aparência Neanderthal deixou os japoneses com quase nenhum cabelo em seus corpos. Mas se você é um dos afortunados que pode, eu recomendo que você deixe crescer uma barba. Barbas pelo menos vão distingui-lo de mulheres.

Eu vi um cara na TV outro dia, provavelmente nascido nos anos 70, que era tão peludo que parecia um tapete felpudo reencarnado. Com pernas. Muito impressionante. Nunca se esqueça de onde viemos - os neandertais.

Aprenda a transportar. Tenha uma pick-up de quatro rodas. Transportar alguma sujeira, animais de fazenda, qualquer coisa, mas transportar! Os homens de verdade transportam.

Mude sua postura. Fique em pé, pelo amor de Deus. Então se pavoneie um pouco. Faça pose. Não arraste seus saltos em seus chinelos. Faça essas botas de cowboy fazer alguma coisa.

Crie um animal: um cavalo ou uma vaca, talvez. Aprenda a montar um cavalo. Isso é tudo o que 4-H é no meu país: fazer homens proprietários de animal de estimação. Talvez você poderia começar seu próprio clube 4-H ou tropa de escoteiros para os de 30 anos.

Use um chapéu. Um chapéu faz um homem. Imagine o Homem de Marlboro sem seu chapéu de cowboy, ou Frank Sinatra sem sua cartola. Você precisa de algo que define você. Além de chapéus de dez galões, botas de cowboy são viris e cintos com grandes fivelas de prata são viris.

Faça alguma coisa! Tantos homens se sentam e não fazem nada. Eu quase não vejo mulheres assim. Vá para fora e se solte! Afirme-se. Se sacuda e divirta-se. Ir acampar ou andar de caiaque. Escalar uma montanha. Crie o hábito de sair pra fora e desfrutar do ar fresco e da natureza. Sim, você pode levar o seu celular com você. Não, você não pode ter o seu espelho de bolso.

Por último, se livrem de suas mães. Pare de deixá-las fazer tudo para vocês. Visto que os homens solteiros no Japão tendem a viver com os pais até que eles se casem, estou convencida de que este amor e bajulação maternal os torna homens gradualmente mais inúteis. Não deixe isso acontecer com você. Cuide da sua própria roupa, cozinhe para sua mãe, e aprenda a cuidar de si mesmo.

Se, por outro lado, você está em posição de dar um presente a um herbívoro, mude a sua vida dando-lhe alguma coisa viril, como um kit de ferramentas. Dê-lhe algo que tem o potencial de trazer a felicidade para toda a família.

Para quem decidir recuperar sua masculinidade, eu suspeito que o resultado será homens que são animados, interessantes, inspiradores e capaz de perpetuar a espécie.

"Mulher demais", Martha Medeiros, data desconhecida na década de 2000.

Mulher demais

Martha Medeiros

Depois de um bom tempo dizendo que eu era a mulher da vida dele, um belo dia eu recebo um e-mail dizendo: "olha, não dá mais".

Tá certo que a gente tava quase se matando e que o namoro já tinha acabado mesmo, mas não se termina nenhuma história de amor (e eu ainda o amava muito) com um e-mail, não é mesmo? Liguei pra tentar conversar e terminar tudo decentemente e ele respondeu: "mas agora eu to comendo um lanche com amigos".

Enfim, fiquei pra morrer algumas semanas até que decidi que precisava ser uma mulher melhor para ele. Quem sabe eu ficando mais bonita, mais equilibrada ou mais inteligente, ele não volta pra mim?

Foi assim que me matriculei simultaneamente numa academia de ginástica, num centro budista e em um curso de cinema.

Nos meses que se seguiram eu me tornei dos seres mais malhados, calmos, espiritualizados e cinéfilos do planeta. E sabe o que aconteceu? Nada, absolutamente nada, ele continuou não lembrando que eu existia.

Achei que isso não podia ficar assim, de jeito nenhum, eu precisava ser ainda melhor pra ele, sim, ele tinha que voltar pra mim de qualquer jeito! Pra isso, larguei de vez a propaganda, que eu não suportava mais, e resolvi me empenhar na carreira de escritora, participei de vários livros, terminei meu próprio livro, ganhei novas colunas em revistas, quintupliquei o número de leitores do meu site e nada aconteceu.

Mas eu sou taurina e não desisto fácil assim de um amor, e então resolvi tinha que ser uma super ultra mulher para ele, só assim ele voltaria pra mim.

Foi então que passei 35 dias na Europa, exclusivamente em minha companhia, conhecendo lugares geniais, controlando meu pânico em estar sozinha e longe de casa, me tornando mais culta e vivida.

Voltei de viagem e nem sinal de vida.

Comecei um documentário com um grande amigo, aprendi a fazer strip, cortei meu cabelo inúmeras vezes, aumentei a terapia, li mais uns 30 livros, ajudei os pobres, rezei pra Santo Antonio umas 1.000 vezes, torrei no sol, fiz milhares de cursos de roteiro, astrologia e história, aprendi a nadar, me apaixonei por praia, comprei todas as roupas mais lindas de Paris.

Como última cartada para ser a melhor mulher do planeta, eu resolvi ir morar sozinha. Aluguei um apartamento charmoso, decorei tudo brilhantemente, chamei amigos para a inauguração, servi bom vinho e comidinhas feitas, claro, por mim, que também finalmente aprendi a cozinhar. Resultado disso tudo: silêncio absoluto.

O tempo passou, eu continuei acordando e indo dormir todos os dias querendo ser mais feliz para ele, mais bonita para ele, mais mulher para ele.

Até que algo sensacional aconteceu...

Um belo dia eu acordei tão bonita, tão feliz, tão realizada, tão mulher, que eu acabei me tornando mulher DEMAIS para ele. Ele quem mesmo???

Questo testo in italiano senza filmati di dissolutezza in Men of Worth Newspaper: "Ragazzi, siate troppo uomini essendo impegnati in essere uomini abbastanza per impressionare le donne (per il 19 di novembre, Giornata Internazionale Dell'Uomo)", http://avezdoshomens2.over-blog.com/2016/11/ragazzi-siate-troppo-uomini.html.
Questo testo in italiano con filmati di dissolutezza in Periódico de Los Hombres de Valía: "Ragazzi, siate troppo uomini essendo impegnati in essere uomini abbastanza per impressionare le donne (per il 19 di novembre, Giornata Internazionale Dell'Uomo)", http://avezdoshomens2.blogspot.com/2016/11/ragazzi-siate-troppo-uomini-essendo.html.
Ce texte en français sans films de libertinage au Men of Worth Newspaper: "Garçons, soyez trop d'hommes en s'engager à être assez hommes pour impressionner les femmes (pour le 19 novembre, la Journée Internationale des Hommes)", http://avezdoshomens2.over-blog.com/2016/11/garcons-soyez-trop-d-hommes.html.
Ce texte en français avec films de libertinage au Periódico de Los Hombres de Valía: "Garçons, soyez trop d'hommes en s'engager à être assez hommes pour impressionner les femmes (pour le 19 novembre, la Journée Internationale des Hommes)", http://avezdoshomens2.blogspot.com/2016/11/garcons-soyez-trop-dhommes-en-sengager.html.
Eso texto en español sin películas de putaría en Men of Worth Newspaper: "Muchachos, sean demasiados hombres comprometidos en ser lo suficientemente hombres para impresionar a las mujeres (para el 19 de noviembre, el Día Internacional de los Hombres)", http://avezdoshomens2.over-blog.com/2016/11/muchachos-sean-demasiados-hombres.html.
Eso texto en español con películas de putaría en Periódico de Los Hombres de Valía: "Muchachos, sean demasiados hombres comprometidos en ser lo suficientemente hombres para impresionar a las mujeres (para el 19 de noviembre, el Día Internacional de los Hombres)", http://avezdoshomens2.blogspot.com/2016/11/muchachos-sean-demasiados-hombres.html.
This text in English without licentiousness movies at Men of Worth Newspaper: "Boys, be too much men engaging in being men enough to impress women (for November 19, International Men's Day)", http://avezdoshomens2.over-blog.com/2016/11/boys-be-too-much-men.html.
This text in English with licentiousness movies at Periódico de Los Hombres de Valía: "Boys, be too much men engaging in being men enough to impress women (for November 19, International Men's Day)", http://avezdoshomens2.blogspot.com/2016/11/boys-be-too-much-men-engaging-in-being.html.
Texto original em português sem filmes de putaria no A Vez das Mulheres de Verdade: "Meninos, sejam homens demais engajando-se em ser homens o suficiente para impressionar as mulheres (para 19 de novembro, Dia Internacional do Homem)", http://avezdasmulheres.over-blog.com/2016/11/meninos-sejam-homens-demais.html.
Texto original em português com filmes de putaria no A Vez dos Homens que Prestam: "Meninos, sejam homens demais engajando-se em ser homens o suficiente para impressionar as mulheres (para 19 de novembro, Dia Internacional do Homem)", http://avezdoshomens.blogspot.com/2016/11/meninos-sejam-homens-demais-engajando.html.
Seção de sexo, safadeza, putaria, mulher pelada, pornografia
Section of sex, lust, licentiousness, naked woman, pornography
Section de sexe, luxure, débauche, femmes nues, pornographie
Sezione de sesso, libertinaggio, lussuria, donna nuda, pornografia
Sección de sexo, perrez, putaría, mujer desnuda, pornografía

Cutie Vanessa Cage gets bent over the pool table

Vanessa Cage was born November 19, 1991 (http://www.pornhub.com/pornstar/vanessa-cage).

Fofa Vanessa Cage se inclina sobre a mesa de bilhar

Vanessa Cage nasceu 19 de novembro de 1991 (http://www.pornhub.com/pornstar/vanessa-cage).

Mignonne Vanessa Cage se penche sur la table de billard

Vanessa Cage est né le 19 novembre 1991 (http://www.pornhub.com/pornstar/vanessa-cage).

Linda Vanessa Cage se agacha sobre la mesa de billar

Vanessa Cage nació el 19 de noviembre de 1991 (http://www.pornhub.com/pornstar/vanessa-cage).

Carina Vanessa Cage si piega sopra il tavolo da biliardo

Vanessa Cage nasceva 19 novembre 1991 (http://www.pornhub.com/pornstar/vanessa-cage).


Colette teen (Orgy is the New Black) - feat. Piper Perri

I think the title says it all! Piper is a small package but she packs a punch! This tiny 4'11" blondie with braces (don’t worry she is 19 years old) knows what she wants and 5 big strong, African American hotties is only the beginning.

Colette teen (orgia é o novo preto) - com Piper Perri

Eu acho que o título diz tudo! Piper é um pequeno pacote, mas ela embala um soco! Esta pequena lourinha de 1 metro e 50 com aparelho (não se preocupe se ela tem 19 anos) sabe o que ela quer e 5 afro-americanos gostosos grandes fortes é apenas o começo.

Colette teen (orgie est le nouveau noir) - avec Piper Perri

Je pense que le titre dit tout! Piper est un petit paquet mais elle emballe un coup de poing! Cette petite blonde de 1,50 m avec appareil dentaire (ne vous inquiétez pas que elle a 19 ans) sait ce qu'elle veut et 5 afro-américains chauds grands forts n'est que le début.

Colette teen (orgía es el nuevo negro) - con Piper Perri

¡Creo que el título lo dice todo! ¡Piper es un pequeño paquete, pero ella pone un puñetazo! Esta pequeña rubia de 1,50 m con aparatos (no te preocupes si ella tiene 19 años) sabe lo que quiere y 5 afroamericanos gostosos grandes fuertes es sólo el comienzo.

Colette teen (orgia è il nuovo nero) - con Piper Perri

Penso che il titolo dica tutto! Piper è un piccolo pacchetto, ma lei imballa un punzone! Questa piccola bionda di 1,50 m con apparecchio (non preoccupatevi si lei è 19 anni) sa quello che vuole e 5 afro-americani caldi grandi forti è solo l'inizio.


Colette teen (Orgy is the New Black)
Karlee Grey, Keisha Grey and Abella Danger on Blacked. The friend who sent me this photo is also a fan of Piper Perri.
Karlee Grey, Keisha Grey e Abella Danger no Blacked. O amigo que me mandou esta foto também é fã da Piper Perri.
Karlee Grey, Keisha Grey et Abella Danger à Blacked. L'ami qui m'a envoyé cette image est aussi un fan de Piper Perri.
Karlee Grey, Keisha Grey y Abella Danger en Blacked. El amigo que me envió esta imagen es también un fan de Piper Perri.
Karlee Grey, Keisha Grey e Abella Danger in Blacked. L'amico che mi ha mandato questa immagine è anche un fan di Piper Perri.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Página no Facebook