sexta-feira, 3 de agosto de 2012

O machismo foi criado pelas mulheres - parte 8: o homem rico, poderoso, com status ou apenas o homem provedor comum

Eso texto en español (sin fotos e peliculas de putaría, en lo Concrete Paradise): El machismo fue creado por las mujeres - parte 8: el hombre acaudalado, poderoso, con estatus o simplemente el varón cabeza de familia común, http://avezdoshomens2.wordpress.com/2012/08/03/el-machismo-fue-creado-por-las-mujeres-parte-8/
Eso texto en español (con fotos e peliculas de putaría, en lo Paraíso Tangible): El machismo fue creado por las mujeres - parte 8: el hombre acaudalado, poderoso, con estatus o simplemente el varón cabeza de familia común, http://avezdoshomens2.blogspot.com/2012/08/el-machismo-fue-creado-por-las-mujeres.html
This text in English (without sex pics and movies, at Concrete Paradise): Machismo was created by women – part 8: men of wealth, power, status or simply the common breadwinner male, http://avezdoshomens2.wordpress.com/2012/08/03/machismo-was-created-by-women-part-8/
This text in English (with sex pics and movies, at Paraíso Tangible): Machismo was created by women – part 8: men of wealth, power, status or simply the common breadwinner male, http://avezdoshomens2.blogspot.com/2012/08/machismo-was-created-by-women-part-8.html
Texto original em português (sem fotos e vídeos de putaria, no A Vez das Mulheres de Verdade): O machismo foi criado pelas mulheres - parte 8: o homem rico, poderoso, com status ou apenas o homem provedor comum, http://avezdasmulheres2.wordpress.com/2012/08/26/o-machismo-foi-criado-pelas-mulheres-parte-8/
Texto original em português (com fotos e vídeos de putaria, no A Vez dos Homens que Prestam): O machismo foi criado pelas mulheres - parte 8: o homem rico, poderoso, com status ou apenas o homem provedor comum, http://avezdoshomens.blogspot.com/2012/08/o-machismo-foi-criado-pelas-mulheres.html

Abigail Pereira Aranha

História de vida de Antônio Luciano Pereira Filho (trechos)

Após concluir o curso de 2º grau, fez provas para a Faculdade de Medicina da UFMG e passou direto no vestibular. Formou-se médico, mas exerceu a profissão apenas por filantropia e amor aos mais humildes.

A filha Ana Luciana comenta que seu pai geria quase todos os seus negócios. Admite que era centralizador, mas quando necessário sabia delegar poderes e em quem podia confiar. Tornou-se um dos empresários mais bem sucedidos do Brasil.

Segundo relato do Sr. Joaquim Batista Neves, Dr. Luciano foi um homem de rara inteligência, grande visão de negócios, empreendedor e muito caridoso.

Aos sábados, era comum de se ver uma enorme fila de pessoas que iam a sua "Casa de Campo", próxima de Lagoa da Prata, para receber ajuda financeira.

E como era generoso nas doações!

No entanto, era observador.

Se em meio aos necessitados, percebia alguém de maiores posses, dizia com franqueza, mas sem humilhar:

"Deixe a fila, porque você não precisa de ajuda. Vá tomar um cafezinho lá dentro".

Dr. Luciano sempre foi admirado por ser um cidadão de hábitos simples, dinâmico e empreendedor.

Cultivava o hábito de se alimentar moderadamente, embora tivesse mesa farta na casa de campo, onde quem chegava se deliciava com a enorme variedade de frutas e outras iguarias.

O certo é que Dr. Luciano tinha muito apego à família.

Sua riqueza gerou riquezas para muita gente. Empregou milhares de trabalhadores e criou oportunidades de negócios para um grande número de pessoas.

Foi empresário vitorioso, mas não egoísta.

Com o tempo foi se aperfeiçoando no mundo dos negócios e se tornou o homem mais rico do Brasil, das décadas de 80 e 90.

A empresária Anna Luciana, que hoje reside em Londres, seu pai, Dr. Antônio Luciano "não exerceu a medicina comercialmente, mas humanitariamente, sim, em lugares onde não havia atendimento médico, como Urucuia e Brasilândia. Antes de pousar com sua nave, Dr. Luciano dava voltas nos arredores da cidade e o povo anunciava:

- O Doutor chegou!

Aos examinar os pacientes, se encontrava algum caso grave transportava o doente em seu avião para a Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte, onde tinha conta corrente para lançamento de despesas hospitalares e médicas."

Anna Luciana informou-nos que seu pai foi homenageado em Belo Horizonte, post mortem com o título de

CIDADÃO DO SÉCULO

Curioso é que nunca soube que tenha recebido título de Cidadão Honorário de Lagoa da Prata. O certo é que ninguém mais que ele fez por merecer tal honraria. Não fosse Dr. Luciano, a cidade não seria o que é hoje, em termos de prosperidade e ganhos, pelo repasse do ICMS, geração de empregos e oportunidades de negócios.

É verdade que era centralizador, mas muito eficiente e querido pela maioria dos funcionários. Muitas vezes fazia visitas surpresas aos trabalhadores, até mesmo nos canaviais. Era sempre recebido com alegria e entusiasmo.

Fonte: Ao Vencedor as Batatas - http://autobiografiadeumidiota.blogspot.com.br/2011/03/nasce-uma-estrela-em-lagoa-da-prata.html

Antônio Luciano Pereira Filho - multidão de filhos briga por sua herança de bilionário

17/11/2008 - 02h35min

Ao morrer em 1990, aos 76 anos de idade, Antônio Luciano Pereira Filho deixou mulher, três filhos, uma fortuna de 3 bilhões de dólares e uma tremenda confusão sucessória. Mais de uma década depois de sua morte, seu inventário, que já soma 50 mil páginas e 38 herdeiros conhecidos, foi reaberto para a inclusão de novos pretendentes a sua herança. É que em vida Luciano se notabilizou tanto na arte de fazer fortuna, quanto no deleite de multiplicar a espécie.

Luciano, que nasceu em Bom Despacho, no interior mineiro, e viveu a maior parte de sua vida em Belo Horizonte, foi médico, usineiro, fazendeiro, empresário e deputado federal, pelo PSD, o partido de Juscelino Kubistcheck, extinto pelo regime militar. Conta-se que criava cavalos, tinha a maior rede de cinemas da capital mineira, era dono de 40 mil imóveis na cidade e de 600 fazendas. Dizia-se que era dono de "metade de Belo Horizonte".

Luciano foi também um namorador inveterado. Ao morrer, havia reconhecido 31 filhos de 26 mães diferentes. Mas ninguém que conhece sua história e suas façanhas amorosas acredita que esses números estejam minimamente próximos do que ele era capaz em matéria de acasalamento. Conta-se que ele dormiu com pelo menos 2 mil mulheres diferentes, a grande maioria virgem, que ele contabilizava meticulosamente em uma caderneta. Escolhia moças pobres para cujas famílias pagava pelo privilégio de ser o primeiro homem em suas camas.

Não só reconheceu os filhos que o procuraram com indícios consistentes de filiação como preocupou-se em deixar em segurança material genético para os testes de paternidade de quem reclamasse depois de sua morte.

Quando morreu a herança foi dividida pelos três filhos legítimos do médico e mais 28 que se habilitaram para a partida, depois de uma longa batalha judicial. Cada um dos três filhos de papel passado recebeu então 500 milhões de dólares, enquanto aos outros 28 foram destinadas cotas de 20 milhões cada. Prevendo que a encrenca estava longe de terminar, o inventariante deixou ainda oito cotas de 20 milhões para serem distribuídas para futuros pretendentes. Destas só restam três. Como não para de surgir herdeiros, a solução foi anular a primeira partilha e reabrir o inventário.

Inventário reaberto

Em junho, o juiz da 1ª Vara de Sucessões de Belo Horizonte, Júlio César Lorens, acolheu recurso de uma das supostas mães de filhos de Luciano. O juiz reconheceu a união estável do casal e determinou que a herança fosse devolvida e novo levantamento fosse feito. Ou seja, começou tudo de novo.

De acordo com informações da assessoria de imprensa do TJ mineiro, a ex-companheira solicitou metade dos bens do falecido conquistados enquanto estavam juntos. A decisão do juiz atende também os interesses de mais 20 pessoas, em processo de comprovação de filiação.

O juiz entendeu que todo descendente deve receber o mesmo que os outros. "Enquanto o processo estiver em andamento, quem se apresentar e estiver munido de documentos e provas devem ser contemplados", registrou.

A sentença de primeira instância, proferida há quase 6 meses, só veio à tona no começo desse mês de novembro por causa de uma decisão do Tribunal de Justiça de Minas Gerais que rejeitou um dos sete recursos já apresentados contra a ordem do juiz, que mandou devolver a herança para ser dividida novamente.

Fonte: Revista Consultor Jurídico, citado por Cabeça de Cuia

http://www.cabecadecuia.com/noticias/34078/antonio-luciano-pereira-filho-multidao-de-filhos-briga-por-sua-heranca-de-bilionario.html

Olacir de Moraes, mulheres e lagostas...

Com mais de 80 anos, Olacir de Moraes, o rei da soja, (maior produtor individual do mundo) que gosta de sair e ser fotografado com lindas e jovens mulheres, foi entrevistado por um repórter:

Repórter: - Dr. Olacir, o Sr. acha mesmo que essas garotas gostam do senhor?

Olacir: - Meu amigo, eu gosto muito de lagosta, vou a um restaurante e peço um prato desta iguaria. Eu não pergunto se a lagosta gosta de mim ... Eu simplesmente a como ...... !!!

Fonte: Blog do VT (está em vários outros endereços)

http://blogdovt.com/index.php?option=com_content&view=article&id=753:olacir-de-moraes-mulheres-e-lagostas-&catid=34:politica

Mais uma de magnata sobre mulheres

Se as mulheres não existissem, todo o dinheiro do mundo não teria sentido. (Aristóteles Onassis)

Por que o poder de um homem poderoso serve menos a ele do que às mulheres

A atitude de um homem rico e poderoso diante das mulheres é muito diferente da relação com o resto do que ele possui. Ele usa o dinheiro, os empregados, os escravos, os imóveis, os domínios, as empresas sempre em benefício dele mesmo, do seu próprio ego, dos amigos ou no mínimo de alguém a quem deve alguma coisa ou que pode beneficiá-lo mais tarde. Até que o fator mulher entre no meio, quando ele vai se parecer com um súdito ou um viciado em drogas sustentando o vício (bem dizem os guerreiros da real que quando o sexo vira vício, mulher vira traficante), mas não com um dominador. Vamos voltar aos três ricaços que citamos lá atrás e vamos pensar no que um homem faz quando tem muito dinheiro.

  1. Quer ter ainda mais dinheiro e poder ou manter o que já tem, mesmo que não tenha tempo pra almoçar ou tranquilidade para um passeio de fim de semana.
  2. Pega uma vadia atrás da outra. Ou procura uma esposa. Ou as duas coisas.
  3. Desfila com mulheres com idade pra ser filhas ou netas dele, mesmo que caia no ridículo.
  4. Dá pra qualquer vadia que esteja comendo a oportunidade do sucesso que ela nunca teria por talento próprio.
  5. Ele tem que ter filhos, para deixar o que conquistou a vida inteira para ser torrado por uma viúva religiosa de mente e libido pequenas, filhos que nunca pegaram um ônibus nem acordaram antes de 7 da manhã na vida e vadias que podem faturar por meia dúzia de trepadas o que um profissional não vai ganhar a vida inteira.
  6. Deixa de mão beijada parte do próprio status e riqueza para uma legião de incompetentes, imaturos, comedores de piranhas e mulherzinhas fúteis chamada família Sortuda da Silva.
  7. Para dar apenas um exemplo, o Taj Mahal foi feito a mando de um imperador da Índia, por 20 mil operários, com ouro e pedras semipreciosas só pra homenagear a esposa preferida dele que morreu no parto, em cima do túmulo dela.

Como as mulheres se beneficiam do homem comum provedor

  1. Já ouviu uma história de uma mulher que decidiu criar um filho sozinha depois de abandonada pelo pai da criança, ou que ele queria que ela abortasse? Pode até ser amor, mas acima de tudo é plano B. Amor de mãe é puro, verdadeiro só o amor de mãe? Qual a diferença entre dizer que os pais são cachaceiros, inúteis e mulherengos e dizer que todos os negros são bandidos e imorais?
  2. A mãe não investe na educação do filho à toa. Não é que o amor não exista, mas o grande projeto dela é melhorar de vida nas costas do filho se ele for bem sucedido.
  3. O homem tem o dever de sustentar a família. Se ele está desempregado e a esposa sustenta a casa, em geral o casamento é um tormento.
  4. A morte de um homem solteiro é melhor que a de um homem casado. O pior da morte do homem casado é a família que perde o sustento ou cai de padrão de vida. Em caso de violência, o marido não pode viver se a esposa corre risco de morte.
  5. Lugar de mulher não é mais na cozinha, mas o do homem continua sendo debaixo da pia consertando o cano, em cima do telhado consertando as goteiras, no carro consertando as peças, etc. Um homem nem pode esperar da esposa que ela dê sexo ou uma roupa lavada, porque agora ela trabalha fora e não é mais um objeto sexual (geralmente um objeto sexual mal fabricado), mas ele será um inútil se não arrumar o telhado.
  6. É obrigação de um homem ser "útil" para esposa, mãe, irmãs e outras mulheres em coisas como perder duas horas do próprio tempo pra pegar um documento que a donzela esqueceu em casa ou algum outro lugar.
  7. Um homem exemplar é o que trabalhou duro e passou privações para ajuntar um patrimônio suficiente para que o neto nunca tenha que pegar um ônibus às 6 da manhã ou ser preso por dirigir bêbado e atropelar um trabalhador.
  8. É absurdamente normal a esposa contar com o dinheiro do marido, a mãe com o dinheiro do filho homem ou a sogra com o dinheiro do genro para completar o próprio orçamento.
  9. Qual é o projeto de vida de um homem quando tiver uma boa renda? Uma boa casa para a mãe, sustentar os pais velhos e doentes e dar uma boa vida para a esposa. Que belo dominador que não tem tempo, dinheiro e energia para gastar consigo mesmo depois de um dia inteiro de trabalho!
  10. Os homens enfrentavam ursos, leões, cobras, ondas em alto mar, salteadores, tudo para sustentar a esposa que fazia trabalhos mais leves e o seu grupo social. Fora o trabalho escravo (da parte de outros homens) onde eles podiam morrer antes dos 40 anos. Quando o trabalho e a vida ficaram menos duros, surgiu o feminismo e tchau, machistas malvados e tarados.
  11. Uma gravidez que podia ter sido evitada, de um pai inconsequente e numa época em que a moça não teria dinheiro, tempo e juízo para ter um filho (ou mais um filho) pode trazer um homem decente que vai ser o prêmio para a mãe pelos próprios erros.

Leia também "O Blues do provedor", no Canal do Búfalo.

Quando qualquer mulher medíocre tem um mínimo de habilidades e consegue o próprio sustento

  1. Vira lésbica (eu não preciso de homem).
  2. Pode ser boca-virgem, antissocial, frustrada, lésbica enrustida, feminista, misândrica sem que ninguém, a não ser alguém como eu, jogue isto na cara dela ou pense em fazer um ataque pessoal. Podendo ainda ser vista como "poderosa" pelas bichas sem bolas e gorilas gordas que ganham salário mínimo.
  3. Adia a maternidade até chegar aonde quer na vida, enquanto qualquer homem subempregado tem a pressão de ter um filho.
  4. Merece um homem que tenha pelo menos tanto sucesso ou dinheiro quanto ela, mesmo que ela seja uma mulher de inteligência limitada que subiu na vida engravidando de um jogador de futebol.
  5. Ela pode ser tão admirada quanto um homem é por ser rico, trabalhador, inteligente ou ter trazido algo útil para a humanidade só porque ela é "linda e..." qualquer coisa.
  6. Se o mundo tiver sorte, vai fazer caridade no tempo livre ou com dinheiro dos outros.
  7. Qualquer mulher que ganhe sua vida de forma honesta e seja bonita e/ou boa de corpo é valorizada como alguém que poderia ser casada por interesse, poderia ter trapaceado para crescer mais rápido na carreira, etc. Ou seja, o caráter que é obrigação para um homem mediano é opção para uma mulher "boazuda".

Fechando

O homem nunca foi poderoso só porque era o único que trabalhava fora na casa. Ele era o serviçal que foi usado enquanto a vida era dura. Na disputa pelo poder com outros homens, o ganho dele se tudo desse certo seria se divertir com o fruto do crime rodeado de vagabundas, estar deprimido ou estressado rodeado de luxo no dia em que milhares de idiotas que ele nem sabe que existem falam do que ele tem pensando que gostariam de trocar suas vidas miseráveis pela dele, ou talvez tirar da obscuridade uma legião de imbecis sem talento como o primo da funcionária que ele está comendo na própria sala depois do expediente. Quando a vida "amoleceu", pudemos ver as mulheres quererem igualdade no conforto e o quanto a mulher sempre foi protegida, provida e paparicada só por ser mulher.

A série “O machismo foi criado pelas mulheres” no A Vez das Mulheres de Verdade (sem putaria)

A série “O machismo foi criado pelas mulheres” no A Vez dos Homens que Prestam (com putaria)

Seção de sexo, safadeza, putaria, mulher pelada, pornografia

Sex, lust, bitchness, naked woman, pornography seccion

Sección de sexo, perrez, putaría, mujer desnuda, pornografía

Rich MILF Fucks Chauffeur Interracial

(Coroa gostosa rica fode com motorista interracial / Madura sexy folla con chofer interracial)

Antes que uma lesbico-feminista fale dos filminhos com empregadas mais em baixo, a gente já antecipa uma mulher rica abusando sexualmente de um homem, e um homem negro ainda, hehehehe. A madame na limosine chama o chofer pra trás e começa ganhando aquela linguada na perereca.

Antes de una lesbiana-feminista hablar de las películas con criadas más abajo, nosotras anticipamos una mujer rica abusando sexualmente de un hombre, y, además, un hombre negro, jejejeje. La dama en la limusina llama lo chofer para trás y empieza ganando una buena lamida en el coño.

Before a lesbian-feminist to speak about the movies with maids below, we now anticipate a rich woman abusing sexually of a man, and furthermore a black man, hehehehe. The lady in the limo calls driver to back and starts earning a good licking on the pussy.

The rich mans idea of a gangbang

(A idéia de um homem rico de um gangbang / La ideia de un hombre rico de un gangbang)

Três homens com duas mulheres, com chupadinha na buceta, anal e DP.

Tres hombres con dos mujeres, com lamida en el coño, anal y DP.

Three men and two women, with pussylicking, anal and DP.

Rich sandwich bitch

(Sanduíche de galinha de rico / sandwich de perra de rico)

Naughty Businesswoman...F70

(Mulher de negócios fogosa... F70 / Empresaria traviesa... F70)

E olha só, o filme é brasileiro. Uma mulher vai comprar uma casa, um homem gostoso e atlético vai mostrando. Um olha pra bunda do outro escondido, eles vão tomar um café, ela deixa cair café na camiseta, ele se oferece pra lavar, ela tira a camiseta (está sem sutiã) e logo puxa a camiseta do gatinho e dá-lhe um beijo. Depois ela chupa ele, ele chupa ela na mesa,...

Y mira, la película es brasileña. Una mujer va a comprar una casa, un hombre agradable y deportivo va mostrandola. Ellos miran el culo uno de lo otro ocultamente, ellos van a beber el café, ella deja caer el café en la camisa, él se ofrece a lavarla, ella se desviste de la camisa (ella esta sin sósten) y luego jala la camisa del muchacho lindo y dale un beso. Después ella lo chupa, él lame ella sobre la mesa,...

And look, the film is Brazilian. A woman goes to buy a house, a man nice and athletic goes showing it. They look at the butt one another hiddenly, they have coffee, she drops coffee on the shirt, he offers to wash it, she undress her shirt (she is no bra) and then she pulls the shirt of the cute boy and kisses him. Then she sucks him, he licks her on the table,...

Rich man has to fuck sexy maid first

(Homem rico tem que fuder a empregada sexy primeiro / Hombre rico tiene que coger la criada caliente primero)

Na escada da mansão. E a empregada é magrela com peito pequeno. Só o rapaz que é gatinho.

En las escaleras de la mansión. Y la criada es flaquita con senos pequeños. Sólo el hombre que es lindo.

On the stairs of the mansion. And the maid is skinny with small breasts. Only the guy who is cute.

Two young cocks doing granny cleaner

(Dois pintos jovens fazendo uma faxineira coroa / Dos vergas jóvenes haciendo una limpiadora madura)

Susanne The Cleaner Takes A Big Messy Facial

(Susanne a Faxineira leva uma bela esporrada no rosto / Susanne la Limpiadora lleva una buena corrida facial)

Você já teve fantasia de transar com a faxineira mais ou menos apresentável que você conhece?

¿Alguna vez has tenido la fantasía de tener sexo con la limpiadora más o menos agradable que conoces?

Have you ever had the fantasy of sex with the cleaner more or less personable you know?

Palavras relacionadas: pai de família, arrimo de família, macho provedor, esposa decente, procurando uma boa esposa, feminazismo, feminismo, mulher trabalhar fora, mulher decidida, mulher bem sucedida, mulher bem resolvida, eu me basto, mulheres lindas e inteligentes, mulheres lindas e famosas, mulheres lindas e cultas, pensão alimentícia, revolução industrial, carreira profissional, jóias, quem gosta de homem é viado mulher gosta de dinheiro, velhos ricos, velhotes que pegam garotas adolescentes, Viagra, meninas interesseiras, maria-chuteira, maria-gasolina

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Página no Facebook