quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

Mulher pelada vai ser sempre castigada?

Abigail Pereira Aranha

Introdução

Os cristãos dizem que a pornografia é sinal da depravação da nossa sociedade. Mas fazendo isso, eles, em primeiro lugar, demonstram mais o próprio horror ao sexo por uma mentalidade contraditória, irracional e degradante do que uma suposta abundância de luxúria, como se a sexualidade em si, e não o exercício desajuizado dela, fosse problemática. Em segundo lugar, eles tentam provar uma coisa usando uma prova do contrário. Afinal, se na pornografia as mulheres são desinibidas e o sexo parece bom, e isso soa artificial, isso nos prova, como se já não soubéssemos, que homens e mulheres se encontrarem em situações normais e terem uma transa que é boa para eles não é uma coisa do cotidiano.

Alguns cristãos têm dúvidas como se é possível uma amizade pura (leia-se "sem sexo") entre homem e mulher1 ou se é pecado ir ao motel com o cônjuge2. Enquanto qualquer naturalidade do cristão em relação ao sexo é hipocrisia, perante os não-reacionários ou perante si mesmo, a vilificação que o cristão faz do sexo é sincera, descontada a falta de coerência dele consigo mesmo (vamos observar que ainda hoje se usa o termo "pureza" como antônimo de sexualidade).

Mas também é engraçado que nós nunca vemos ninguém daquela turma que defende a liberdade sexual da mulher dando a entender que fazer um material pornográfico é sinal de liberdade da mulher. Eles ainda acusam qualquer comercial com mulher de biquíni de ser objetificação machista do corpo da mulher. E os cristãos moralistas dizem que isso é banalização do corpo da mulher e do sexo.

Ah, e por que revista de mulher pelada tem que ser proibida para menores de 18 anos? Eu já levei revista de mulher pelada pros colegas do colégio e eles nunca disseram nada de mau. Tá certo que eu prefiro homem pelado, mas quem disse que outra mulher não pode ver nem a capa de revista de mulher pelada pela frente? Os rapazes vão gostar de um corpo de mulher bem trabalhado, mas para as moças não tão jovens ou tão bonitas, simpatia e parecer que gosta de pica também quebra o galho.

Vou mostrar alguns casos de mulheres que pagaram pelo crime da nudez.

Priscila Cabral, comissária de bordo. Brasil, 2001

TAM demite aeromoça que tirou foto pelada para pagar escola

FABIANA FUTEMA

da Folha Online

Um ano após ser demitida pela TAM, a comissária de bordo Priscila Cabral juntou forças para contar sua história ao público. A comissária foi demitida depois que seus colegas de trabalho descobriram que antes de entrar na TAM ela havia tirado fotos sem roupa e sido capa de uma revista erótica.

"Enfrentei um período de depressão e só agora resolvi contar minha história. Aceitei calada esse período mas resolvi limpar meu nome."

Priscila disse que só aceitou tirar as fotos porque estava com as mensalidades do curso preparatório para comissários em atraso e dessa forma não poderia prestar o exame de admissão do DAC (Departamento de Aviação Civil).

"Não fiz as fotos para me promover. Era uma questão de necessidade. Precisava pagar o curso ou desistir do sonho de ser comissária."

Com o cachê de R$ 650 recebido em 1999, Priscila pagou as mensalidades atrasadas, passou nos exames e pouco tempo depois foi contratada pela TAM. Segundo ela, seu trabalho começou a se destacar logo que entrou na companhia aérea.

"Recebi vários elogios e comecei a fazer uma série de trabalhos relacionados à prevenção de acidentes em aeronaves."

Para Priscila, sua demissão foi motivada justamente pelo sucesso de sua carreira. "Seu eu não estivesse sendo tão reconhecida, o caso teria passado despercebido."

A assessoria da TAM informou que Priscila foi demitida porque houve uma solicitação do grupo de trabalho do qual ela fazia parte. Segundo a assessoria, o grupo se sentiu "moralmente ofendido" pelas fotos que saíram na revista.

Mas Priscila nega que isso tenha ocorrido. "Minhas colegas têm medo de serem demitidas. Mas me disseram que foi a chefia que pediu a minha cabeça."

Priscila não foi a primeira comissária da TAM a tirar a roupa para uma revista erótica. Outra funcionária da empresa já posou para a Playboy. A diferença é que nesse caso a comissária já era funcionária da TAM. Mesmo assim, não houve punição para a funcionária.

A TAM informou que existem regras de conduta a serem seguidas pelo pessoal de atendimento direto ao público. As regras regulam desde o decote das blusas e cumprimento das saias até o penteado e cor das unhas e maquiagem das comissárias.

A presidente do Sindicato Nacional dos Aeronautas, Graziella Baggio, disse que não sabia nem o que dizer sobre o caso de Priscila. "É a primeira vez que escuto uma história dessa. Não posso opinar se é certo ou errado."

Priscila disse que depois da demissão, encontrou barreiras para encontrar emprego em outras companhias aéreas. "Quando descobriam o motivo da minha demissão, ninguém queria me empregar. Ainda existe muito preconceito."

Apesar de todo o constrangimento, Priscila não pretende processar a companhia aérea.

"Ainda quero voltar para a aviação e uma ação dessas não facilitaria minha vida. Tudo que quero mostrar é que, em nenhum momento, fugi das normas de conduta da companhia aérea."

Desde novembro, Priscila trabalha como professora numa escola preparatória para comissários.

Folha Online, 18 de fevereiro de 2002, http://www1.folha.uol.com.br/folha/dinheiro/ult91u41885.shtml.

Fabíola Rodrigues, funcionária pública. Brasília, 2004

Strip-tease causa embaraço em ministério

Um strip-tease provocou embaraço no Ministério da Agricultura. Uma funcionária da pasta tirou fotos em poses eróticas como num ensaio sensual.

De acordo com o jornal O Globo, o ensaio acabou distribuído por e-mail. As fotos de Fabíola Rodrigues Santos da Silva, de 18 anos, foram tiradas em um dos gabinetes do Ministério da Agricultura.

O ministro Roberto Rodrigues mandou abrir uma sindicância para investigar de quem é a responsabilidade pelo ensaio. A sala 940-A, em que foram feitas as fotos, fica no 9º andar, em cima do gabinete do ministro.

No local, trabalham dois assessores diretos do segundo homem-forte do ministério, o secretário-executivo José Amauri Dimarzio. Fabíola até a semana passada trabalhava na seção de protocolo, contratada por uma empresa que presta serviços administrativos ao ministério.

Na quinta-feira, ela foi afastada e, ontem, decidiu pedir demissão. Ainda não há previsão de quando a investigação será concluída. Funcionários que trabalham no andar deverão ser chamados para prestar depoimento.

Fabíola entrou no ministério em novembro de 2003 como estagiária. Ela trabalhou na seção de controle de pragas até meados de 2003, quando foi transferida para o protocolo. Em janeiro, foi contratada como auxiliar pela empreiteira Federal Service, mas não mudou de função. Recebia R$ 480.

Portal Terra, 22 de junho de 2004, http://noticias.terra.com.br/brasil/interna/0,,OI329600-EI1194,00.html.

F. F., estudante universitária. Marília (SP), 2006

Foto de sexo causa tumulto em faculdade

PM teve de escoltar aluna cujas imagens saíram no Orkut

Chico Siqueira

ESPECIAL PARA O ESTADO

ARAÇATUBA

A universitária F.F., de 24 anos, estudante de Direito na Fundação de Ensino Eurípedes Soares da Rocha, em Marília, interior de São Paulo, teve de ser retirada com a proteção da polícia de dentro da sala de aula depois que fotos íntimas dela foram colocadas na internet.

Nas imagens, que foram enviadas por e-mail e ficaram disponíveis no site de relacionamentos Orkut e em blogs, F., filha de um conhecido advogado da região, aparece fazendo sexo com dois homens. As fotos, afixadas até na cantina da escola, foram colocadas na rede com endereços eletrônicos e telefones da moça e do namorado.

Em menos de 24 horas, mais de 10 mil mensagens contra os dois foram registradas no Orkut. Depois da divulgação, a universitária, familiares, amigos e seu namorado (que não aparece nas fotos) passaram a ser alvo de ofensas por telefone, e-mail e até pessoalmente.

Na noite de quarta-feira, ao entrar na escola, F. passou a ser ameaçada por colegas de vários cursos, que formaram grupos do lado de fora da sala de aula. Com ofensas e gritaria, criaram tumulto no pátio da escola.

Um dos professores trancou a estudante na sala para evitar que ela fosse agredida e chamou a Polícia Militar. Os policiais chegaram em cinco carros e foram obrigados a usar gás pimenta para desfazer o tumulto, que chegou a suspender as aulas da faculdade. A garota teve de ser retirada e conduzida pelos PMs até um veículo para que pudesse deixar o local.

SILÊNCIO

Ontem, ninguém quis falar sobre o assunto na faculdade, mas uma funcionária do setor de marketing, que se identificou como Ana, disse que a fundação não deverá tomar nenhuma atitude "porque se trata de um caso particular". Até o início da noite, o Estado não tinha recebido nenhuma nota oficial, o que havia sido prometido pela instituição de ensino.

A família da moça conseguiu retirar as fotos da web no sábado e tem pistas de quem as divulgou. Um amigo da jovem disse que o pai dela vai processar os responsáveis pela divulgação das imagens por calúnia, difamação, violação de privacidade, constrangimento ilegal e ameaça.

O Estado de S. Paulo, 18 de abril de 2006, http://txt.estado.com.br/editorias/2006/04/18/cid94535.xml.

Foto de sexo na Web é montagem, diz universitária

A estudante universitária F.F., 24 anos, afirmou ontem, em depoimento à Polícia Civil de Pompéia, no interior paulista, que as fotos divulgadas na Internet, nas quais aparece fazendo sexo com dois rapazes, são montagem.

A divulgação das imagens na universidade onde a jovem estuda, em Marília (SP), causou cenas de constrangimento e humilhação para a estudante entre colegas, e ela teve de deixar o local escoltada por policiais, na semana passada.

O delegado Válter Bettio, que tomou o depoimento, disse que já há um suspeito de ter divulgado as fotos. Segundo ele, a jovem afirmou que conhecia os rapazes que aparecem nas imagens, mas negou que tivesse mantido relações sexuais com eles. Ele declarou também que ela pretende voltar às aulas na universidade.

Portal Terra, 21 de abril de 2006, http://noticias.terra.com.br/brasil/interna/0,,OI972295-EI306,00.html.

Tericka Dye, professora. Paducah (Kentucky, EUA), 2006

Professora é suspensa de escola por participar de filme pornô

Tericka Dye, uma professora de Ciências e treinadora da equipe de voleibol da Reidland High School, no município de Paducah, nos Estados Unidos, foi suspensa da escola por ter participado de um filme pornográfico há cerca de 10 anos.

Os administradores do colégio, que descobriram o filme na última semana, afirmaram que a professora, que lecionava no local há dois anos, não precisa mais retornar para dar aulas.

Estudantes e pais participaram de uma reunião com a presença de Tericka Dye onde foram informados do caso. Alguns alunos deram apoio à professora.

Associated Press, via Portal Terra, 4 de maio de 2006, http://noticias.terra.com.br/mundo/interna/0,,OI990636-EI294,00.html.

Chen Dan, apresentadora de TV. China, 2006

Pelada, não

Chen Dan, festejada apresentadora do "Canal da Mulher", programa feminino exibido pela TV de Changsha, capital de Hunan, foi demitida do posto por ter posado nua (sem nada aparecendo, diga-se de passagem) num anúncio sobre saúde da mulher para um hospital local. "Garotas inteligentes se amam acima de tudo" era o mote do anúncio exibido não apenas na TV mas nas ruas da cidade em out-doors e cartazes. Nele Chen aparece cobrindo os seios com a mão em versão sozinha ou acompanhada de modelos.

Acontece que os produtores do programa não gostaram do papo-cabeça e demitiram a garota dizendo que a mulher pelada prejudicava a imagem da emissora.

Chen (ao lado) ainda tentou se desculpar dizendo, em uma carta aberta, que suas intenções eram as melhores e que a nudez era para chamar a atenção do público para um tema importante como a saúde da mulher. Não convenceu.

Mas o episódio causou enorme furor no surpreendente território da internet chinesa, com ruidosos bate-bocas sobre a nudez ser apropriada ou não para chamar a atenção para grandes causas ou se é um recurso rasteiro e gratuito. Ano passado, o país teve a mesma discussão quando atrizes usaram fotos nuas tampando os seios para uma campanha sobre câncer de mama.

Num país onde as pessoas vão de pijama ao supermercado fazer compra e onde tirar meleca e escarrar ruidosamente em público não são vistos como ultrapassagem de limites, não deixa de ser curioso tode esse auê em torno da nudez.

Imagino o poder revolucionário de uma transmissão dos desfiles das escolas de samba cariocas aqui na China...

Gilberto Scofield Jr., No Oriente, 28 de junho de 2006, http://oglobo.globo.com/blogs/gilberto/post.asp?cod_Post=11663&a=25.

Michelle Manhart, oficial da Força Aérea Americana. Estados Unidos, 2007

Militar americana é rebaixada por posar nua

Uma oficial da Força Aérea Americana foi rebaixada de posição por posar nua para revista Playboy na edição de fevereiro. Michelle Manhart passou de sargento a soldado sênior da Guarda Nacional Aérea, posição que ocupava anteriormente.

"Eu estou desapontada com a corporação. Eles foram muito longe", disse ela. Manhart informou que entregou um pedido de afastamento à Guarda Nacional, segundo a Sky News.

A militar de 30 anos, mãe de duas crianças, aparece em seis páginas da Playboy. Ela foi fotografada usando uniforme militar e segurando armas, com o título "amor durão". Nas páginas seguintes, ela aparece parcialmente vestida usando placas de identificação militar enquanto trabalha. Em seguida, ela está completamente nua.

Quando as fotos ficaram conhecidas, em janeiro, ela foi afastada de suas atividades até o final de investigação. Manhart entrou para a Força Aérea em 1994 e serviu no Kwait em 2002.

Portal Terra, 15 de fevereiro de 2007, http://noticias.terra.com.br/mundo/interna/0,,OI1413319-EI8141,00.html.

Thaísa Viana, estudante secundarista. Ipatinga (MG), 2007

Fotos da Cicarelli de Ipatinga (Thaísa Viana), flagrada na micareta

A ação inconseqüente de uma estudante de Ipatinga, no Vale do Aço, Minas Gerais, gerou polêmica na internet esta semana. Desde a última terça-feira, uma comunidade criada no site de relacionamentos Orkut, com fotos dela mantendo relações sexuais com um garoto, alimenta a fofoca na cidade e na rede mundial de computadores. O fato ocorreu na Micareta realizada na cidade de Ipatinga na noite de sexta-feira para sábado. Na comunidade criada com o nome dela, como se fosse da própria estudante, estão três fotos. Em uma das fotos, os dois aparecem unidos e ela de calça baixa, sendo observada por curiosos.

Segundo informações de moradores, a família teria levado a jovem para Belo Horizonte devido ao constrangimento. A "Cicarelli de Ipatinga" seria aluna de um colégio tradicional da cidade.

(Os Populares, http://ospopulares.com/fotos-da-cicarelli-de-ipatinga-thaisa-viana-flagrada-na-micareta)

"Imagina como ficou a mae da garota ao ver as fotos? Houve até uma amiga que não parava de enviar mensagem no celular da menina só para enxer o saco."

("Cicarelli de Ipatinga (Thaise Viana), flagrada tirando sarro no meio da micareta", Trankera Blog, 31 de agosto de 2007, http://www.trankera.org/blog/2007/08/31/cicarelli-de-ipatinga-thaise-viana-flagrada-tirando-sarro-no-meio-da-micareta)

Outros casos

A bandeirinha Ana Paula Oliveira, segundo o presidente da Comissão Nacional de Arbitragem, Sérgio Corrêa, não sofre discriminação por ter posado para a Playboy (julho de 2007). O próprio presidente da Federação Paulista de Futebol mencionou escalá-la em jogos da segunda divisão para testar a reação do público3. O afastamento dela da primeira divisão ocorreu cerca de um mês antes de ela aceitar a proposta da Playboy4. Mesmo na época, o presidente da Comissão de Arbitragem da CBF, Edson Rezende, disse, em entrevista ao canal SporTV: "Acho que profissionalmente isso não vem a acrescentar nada. Uma pessoa pública deve evitar alguns comportamentos. Mas é um direito que ela tem. É um bom dinheiro"5.

Conclusão

Algum cristão já foi demitido ou humilhado por participar da campanha "Quem ama espera"? Algum cristão já teve medo de sair com aquela camiseta que diz "Castidade: Deus quer, você consegue"? Não é crime comercializar um objeto obsceno (art. 234 do Código Penal), enquanto escarnecer de alguém por sua crença religiosa também é crime (art. 208)? Mas são os cristãos os perseguidos, pelos homens e pelos demônios.

Mas tivemos aquele caso na China que é comunista. Uma censura moralista a uma campanha publicitária que talvez seria tolerada aqui. Proibir seios à mostra em um país cristão ainda tem a desculpa (dos cristãos) da moral e dos bons costumes. E num país comunista, que se diz ateu?

Por que a mulher que faz foto ou vídeo pelada não pode ser outra coisa, como aeromoça, funcionária pública, professora, ou até estudante universitária? Por que a aeromoça, a funcionária pública, a professora, ou a estudante universitária não pode tirar foto pelada ou ter um vídeo caseiro transando com dois de uma vez? Reacionários cristãos e militantes de esquerda, dá pra combinar pra só um atacar a mulher pelada e o outro defender?

Enquanto o mundo da pornografia é fantasia, o mundo da repressão sexual é real, e não está só no passado histórico.

1 "Existe amizade puríssima entre homem e mulher?" http://forum.arcauniversal.com.br/viewtopic.php?t=556.

2 José Adelson de Noronha. "Ir ao motel com o marido é pecado?" Verbo Eterno, 20 de agosto de 2007, http://verboeterno.wordpress.com/2007/08/20/ir-ao-motel-com-o-marido-e-pecado.

3 "Ana Paula não é discriminada, diz Corrêa (Presidente da Arbitragem CBF)". http://anapaulaoliveira.com.br.

4 "Entenda a saga da bandeirinha Ana Paula de Oliveira". Folha Online, 07 de julho de 2007, http://www1.folha.uol.com.br/folha/esporte/ult92u3101 69.shtml.

5 "Chefe da arbitragem da CBF diz reprovar decisão de bandeirinha de posar nua". Folha Online, 27 de junho de 2007, http://www1.folha.uol.com.br/folha/esporte/ult92u307623.shtml.

~ * ~ * ~ * ~ * ~ * ~

1m - http://clubhardball.net/movies/ava-devine-lex/?id=1623&t=1&l=1&mo=1&th=1

2 - http://www.pornvideotv.com/gals/bigtits/21-8/indexaabser.html

002 - http://www.bigtitsgrannies.com/fhg/btg017/btg1.php?PA=1368462

04 - http://bab.thebrazzers.com/galleries/189/?t=9&nats=xnxxbb:PPS:bab

www_iwant18_com_004 - http://glamagic.com/free/mr-chews-asian-beaver/movs/047-asian-babe-getting-a-rod-slamming/xnxx.html

en05 - http://www.grannyhunt.com/movies/95/antique030.html

magic1 - http://www.gonzo-movies.net/mdfn-magic-jessica_smooth/index.htm

gonzo1 - http://www.gonzo-movies.org/htdocs2/to/gonzo-fassinating-lilith-loudmoan/index.htm

thmb_02 - http://www.royalmpegs.com/adultnetwork150/grandeur03.html









Nenhum comentário:

Postar um comentário

Página no Facebook