sábado, 18 de fevereiro de 2017

Diário filosófico da Abigail P. Aranha: o que eu escrevi sobre o Judiciário e os conservadores antes das greves de policiais do Espírito Santo e outros estados (ou: salário baixo, eu acho é pouco)

Abigail Pereira Aranha

(As notas estão fora de ordem cronológica para facilitar a compreensão do conjunto)

Nota 01: 24 de agosto de 2016

Um exemplo da "espiritualização" que os conservadores fazem do mundo é dizer que os governos de esquerda estimulam o banditismo e glorificar a polícia do mesmo governo esquerdista, que devia reprimir os bandidos e proteger as pessoas honestas e faz o contrário. Uma coisa que as pessoas comuns perdem de vista é que ser bom e honesto não é um não-fazer. Uma coisa que os cristãos perdem de vista é que os acontecimentos no contexto humano se fazem de pessoas agindo no mundo real. Até alguns milagres bíblicos foram assim. (...)

O que mais faz a polícia ser digna de desprezo é que o cidadão honesto é praticamente o único que precisa temer a polícia. A polícia quer confiscar a arma do cidadão honesto e prendê-lo por porte ilegal de arma enquanto as taxas de homicídios só aumentam, os criminosos de verdade nem dão bola para a Campanha do Desarmamento e a própria polícia já começou a usar pistolas de choque. A polícia está autorizada pelo Supremo Tribunal de Justiça a aceitar como prova de estupro a mera palavra da vítima, dando à mulher o direito de calúnia e tirando do homem o direito de levar uma vida honesta em paz. Também é menos provável um homem ir para a cadeia por cometer um homicídio do que por dever pensão alimentícia. Mas é claro que os policiais se mobilizam. Para reclamar do salário.

(...) Por isso, caso não tenham notado, toda a oposição ao desastre político nacional brasileiro, inclusive na área de segurança pública, vem de pessoas comuns que se mobilizam, e toda a parte que cabe ao Poder Judiciário é crédito de indivíduos. Nas manifestações populares contra o governo Dilma Rousseff, mesmo com repúdio às instâncias superiores do Judiciário, vários participantes deram manifestações de apoio ao juiz Sérgio Moro; mesmo com repúdio à imprensa, vários participantes deram manifestações de admiração ao jornalista Olavo de Carvalho; até a classe política teve um político aparecendo e sendo aplaudido, o deputado federal Jair Bolsonaro; mas nem os defensores da intervenção militar citaram um nome de militar digno de nota.

("Todo desprezo à polícia", http://avezdasmulheres.over-blog.com/2016/08/todo-desprezo-a-policia.html e http://avezdoshomens.blogspot.com/2016/08/todo-desprezo-policia.html)

Nota 02: 15 de novembro de 2014

1) "Policial que fez filme pornô é reconduzido ao cargo. Vida pregressa não atinge sua função." (Notícias da Caserna, fevereiro de 2014, http://www.blognoticiasdacaserna.com/2014/02/policial-que-fez-filme-porno-e.html). (...) O policial fez um filme pornô antes de entrar na polícia, então não poderia ter sido reprovado em avaliação de desempenho por isso. Se é que ter um empregado que teve orgasmo desqualifica uma instituição. O rapaz voltou, era o mínimo que ele merecia. E o mínimo que a vaca fofoqueira que trouxe o caso merecia.

2) "Aposentado é preso pela PM com armas e munições em Piracicaba" (G1, 19/06/2014, http://g1.globo.com/sp/piracicaba-regiao/noticia/2014/06/aposentado-e-preso-pela-pm-com-armas-e-municoes-em-piracicaba.html). Ele disse que era colecionador. Foi entregue por denúncia anônima.

3) "Aposentado é preso por porte ilegal de armas em Volta Redonda" (Diário do Vale, 19/09/2012, http://www.diariodovale.com.br/noticias/0,63182,Aposentado-e-preso-por-porte-ilegal-de-armas-em-Volta-Redonda.html). Eu achei este caso procurando o anterior. "O aposentado teria dito aos agentes que a garrucha serviria para se defender de ataques de adolescentes". E ele tinha 73 anos.

4) O Ministério Público Federal abre inquérito para investigar o vereador de São Paulo Andrea Matarazzo (PSDB) no caso da Alstom (de suposta corrupção no metrô de São Paulo)... porque em outro inquérito não foram achadas provas contra ele (Reinaldo Azevedo, "Andrea Josef K. Matarazzo. Ou: Kafka nos Trópicos", 19/02/2014, http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/andrea-josef-k-matarazzo-ou-kafka-nos-tropicos).

(...) 6) Falando em Marcha das Vadias, elas já tinham cometido o crime de desrespeito a religião invadindo uma igreja de topless (ou seja, também atentado ao pudor), mas foram aceitas como parte legítima para denunciar na 15ª Vara Criminal de Belo Horizonte o aplicativo Tubby, que seria a revanche do Lulu, onde mulheres avaliavam o desempenho sexual de homens. Para proibir o aplicativo de ser lançado, valeu até usar comentários agressivos de terceiros que já tinham sido apagados em página do Facebook. Mas o Tubby era zoeira, nem existia. Comentei o caso na época ("Revide ao aplicativo Lulu foi proibido pela Justiça: o doutor Rinaldo também acredita em falsa simetria? (E era boato? Pior ainda!)", 06/12/2013, http://avezdasmulheres.blog.com/2013/12/06/revide-ao-lulu-proibido-falsa-simetria).

(...) 8) Uma vadiazinha não gostou que o padrasto proibisse o namorado de dormir na casa, inventou que foi estuprada por ele. O homem foi preso supostamente em flagrante e ficou preso por cinco meses até que a mocinha confessasse a mentira. Portanto, ninguém investigou nada e um inocente ficou preso sem provas por um crime que não existiu. Mas, em vez de assumir a gravidade do próprio erro, o Judiciário resolveu culpar as denunciantes (só elas). (Revista Consultor Jurídico, 24/04/2013, http://www.conjur.com.br/2013-abr-24/homem-fica-preso-cinco-meses-falsa-acusacao-feita-enteada)

9) Black blocs disparam um rojão para a polícia e acertam o cinegrafista Santiago Andrade. Grandes veículos, entre eles a Globo e a própria Bandeirantes, onde ele trabalhava, dizem que o rojão foi uma bomba de gás lacrimogêneo disparada pela polícia. Aparentemente, a polícia engoliu e só não foi culpada até hoje porque apareceram as imagens do artefato. (Reinaldo Azevedo, "Não tenho respeito por uma imprensa que puxa o saco dos seus algozes. Covardes! O óbvio é reconhecido: cinegrafista não foi atingido pela Polícia do RJ. Eu 'descobri' isso vendo uma foto!", 07/02/2014, http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/nao-tenho-respeito-por-uma-imprensa-que-puxa-o-saco-dos-seus-algozes-covardes-o-obvio-e-reconhecido-cinegrafista-nao-foi-atingido-pela-policia-do-rj-eu-descobri-isso-vendo-uma-fo)

10) "Homem é preso depois de criticar abordagem da PM no Facebook" (G1, 22/08/2014, http://g1.globo.com/pr/norte-noroeste/noticia/2014/08/homem-e-preso-depois-de-criticar-abordagem-da-pm-no-facebook.html). "Rapaz reclamou de blitz em Sarandi e, um dia depois, foi preso no trabalho. Comissão de Direitos Humanos condenou a ação: 'Abusiva e humilhante'."

("Da colaboração na calúnia contra o antifeminismo ao cretino que pensa que é Deus, o Poder Judiciário se afundando na desonra", https://avezdoshomens.blogspot.com.br/2014/11/da-colaboracao-na-calunia-contra-o.html)

Nota 03: 07 de dezembro de 2016

Vocês viram que a professora Alexandria Vera foi condenada a 30 anos de prisão nos Estados Unidos por sexo com um aluno de 13 anos e a Elize Matsunaga foi condenada no Brasil a quase 20 por ter matado, esquartejado e escondido o corpo do marido, com poucos dias de diferença? Ah, se fosse o Marcos Kitano que tivesse matado a Elize da mesma forma, ele teria uma pena maior por feminicídio. E o movimento feminista não está se manifestando, portanto está tudo bem para as lésbicas que uma mulher vá para a cadeia por sexo com um homem que não seja marido. E alguns conservadores cristãos comemoram. O antifeminismo conservador não passa de uma rixa caipira. Os rapazes confundem o Feminismo com os foras que eles levam das garotas que eles gostariam de comer, não estão interessadas em dar pra eles e são mais cultas que as avós deles. As moças confundem o Feminismo com o perigo que elas pensam que existe de aquelas garotas darem àqueles rapazes o sexo que eles gostariam de ter, e que se for verdade, é uma ameaça para o plano de oferecer um hímen em troca de um bom casamento. Como esses rapazes e essas moças só pensam em espalhar o provincianismo cultural deles e a própria infelicidade sexual, nenhum conservador se deu conta da porcaria que significa aquelas duas notícias acontecendo ao mesmo tempo.

(https://plus.google.com/+AbigailPereiraAranha/posts/62voATCbBa9)

Nota 04: 28 de janeiro de 2017

Resposta do Ministério Público à denúncia que eu fiz do caso que o amigo +Astaroth Realista comentou no blogue dele (http://astarothrealista.over-blog.com/2017/01/o-extremo-do-misandrismo-feminista-revelado-em-uma-confissao.html):

MPF Sistema Cidadao <manifestacao-noreply@pgr.mpf.gov.br>

24 de jan (Há 4 dias)

para mim

Ilmo(a) Sr.(a) Abigail Pereira Aranha,

Resposta à manifestação nº 20170002136 (13/01/2017).

Agradecemos o contato com este canal de comunicação e informamos que, após análise jurídica e conforme o despacho em anexo do Procurador-Distribuidor, sua manifestação foi arquivada sumariamente por não apresentar ilícito.

Anexos:

Desp. manif. 20170002136.pdf

Na busca da melhoria dos serviços prestados, pedimos a gentileza de responder o formulário de avaliação do atendimento, acessando o link:

Formulário de Avaliação

Descrição:

Crime de ódio: http://www.euconfesso.com/confissao-155102.html [texto "Eu odeio homens, mas a misandria tá acabando comigo", com um trecho dizendo "Já pensei em comprar uma arma e acabar com isso, em ir em algum lugar onde tenha o maior número de homens, independente da idade e dizima - los, estou pensando seriamente nisso"]

Solicitação:

Enquadramento em crime de ódio, discriminação de gênero.

É missão do Ministério Público Federal promover a realização da justiça, a bem da sociedade e em defesa do Estado Democrático de Direito.

Atenciosamente,

Sala de Atendimento ao Cidadão - Sistema Cidadão

Ministério Público Federal


(https://plus.google.com/+AbigailPereiraAranha/posts/5meDkBrbwk9)

Nota 05: 11 de dezembro de 2016

"AOS INTERVENCIONISTAS O SONHO ACABOU: Exército diz que 'malucos' apoiam intervenção", Noticias Brasil Online, 11 de dezembro de 2016, http://www.noticiasbrasilonline.com.br/aos-intervencionistas-o-sonho-acabou-exercito-diz-que-malucos-apoiam-intervencao

"Exército [Gen. Villas Boas] diz que 'malucos' apoiam intervenção". Comento se houver intervencionista vivo amanhã.

Ah, e depois da entrevista do Gen. Vidas Boas chamando os intervencionistas de malucos, nós VAMOS encontrar intervencionistas vivos.

(https://plus.google.com/+AbigailPereiraAranha/posts/8VZHfQ3xeBb)

Nota 06: 10 de dezembro de 2016

Os militares simbolizam, para alguns que se dizem direitistas, tanto as dinastias decadentes do interior que têm apanhado da esquerda quanto a revanche retrô dos rapazes contra as moças liberais da cidade que dão fora neles e das moças contra essas mesmas moças liberais que elas pensam que estão disponíveis para aqueles rapazes. Não fosse isso, nenhum antiesquerdista se lembraria da existência das polícias e das Forças Armadas, a não ser como covardes terceirizados da extrema-esquerda.

(https://plus.google.com/+AbigailPereiraAranha/posts/5fJu8vrY9xA e http://www.twitlonger.com/show/n_1spe74o)

Nota 07: 17 de fevereiro de 2017

Os direitistas defendendo as greves de policiais lembram muito os esquerdistas defendendo as greves de professores da escola pública.

(https://plus.google.com/+AbigailPereiraAranha/posts/gcVtSi5i9DU e https://twitter.com/AbigailPAranha/status/832753044865429505)

Nota 08: 14 de fevereiro de 2017

Sobre a greve da polícia do Espírito Santo:

1) Como sempre, eles "se mexeram" quando a coisa ficou feia para ELES E AS FAMÍLIAS.

2) Chega de defender a polícia e as Forças Armadas. Ou ELES MESMOS assumem posição do nosso lado ou são terceirizados do PSOL.

(https://plus.google.com/+AbigailPereiraAranha/posts/NKYjuH1ve5v e https://twitter.com/AbigailPAranha/status/831256307386744832 e 831258332975464449)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Página no Facebook