segunda-feira, 15 de julho de 2013

E qual a agenda dos homens que prestam?

Abigail Pereira Aranha

Hoje, 15 de julho, é o Dia do Homem no Brasil. Vamos aproveitar e vamos juntar duas coisas que eu já ia escrever. A primeira é uma correção ao tio Olavo de Carvalho na parte em que ele disse que "o ser humano não nasceu para corrigir o mundo":

True Outspeak de 22/11/2010, transcrito por Felipe Moura Brasil:

(...) O ser humano não nasceu para corrigir o mundo. A esfera de ação própria do ser humano é muito pequena. E hoje em dia todo mundo tem a ambição de criar um mundo melhor. Qualquer garoto de 12 anos está criando um mundo melhor. Então é essa ambição de criar um mundo melhor que faz os camaradas entrarem numa luta pelo poder — porque, se você quer mudar o mundo, você precisa ter o poder para modificá-lo —, então modificar o mundo, melhorar o mundo passa a ser o capítulo 2; o capítulo 1 é conquistar o poder. Esse pessoal cria uma obsessão de poder, e todos eles se corrompem até o fundo da alma, e se transformam eles mesmos em maiores propagadores do mal ainda. Então isso não é porque o sujeito fosse um idealista.

(...) True Outspeak de 13/09/2010, transcrito por Felipe Moura Brasil:

Agora, se você vem com uma concepção integral de sociedade, você já está pensando igual à mentalidade revolucionária. Prestem atenção: até o advento da modernidade, ninguém jamais pensou em sociedade melhor. Ninguém pensou. Porque todo mundo sabia, por instinto, que a sociedade resulta de milhões de iniciativas que ninguém controla. Então, as pessoas tratavam de enfrentar os males que estavam ao seu alcance, sem ter nenhuma concepção global duma sociedade melhor. Agora, depois que veio o movimento revolucionário, até os inimigos dele querem ter uma concepção duma sociedade melhor. (...)

Projeto de futuro baseado na concentração de poder, o que é que é? É a revolução de novo, e de novo, e de novo, e de novo... E ninguém sai dessa porcaria! Então, ninguém tem que ter programa positivo para a sociedade. Nós temos apenas que combater os inimigos. Retirar o mal. Estudem Hegel. Hegel falava do “trabalho do negativo”. Se você insistentemente destrói determinada corrente, você está fomentando automaticamente as correntes que têm propostas diferentes. É a coisa mais óbvia. Correntes cujo florescimento você não pode prever e não pode controlar.

O bem é por sua própria natureza expansivo e criativo. Entendam isso, pelo amor de Deus! O bem não precisa ser planejado, meu Deus do Céu! Não precisa ter a “gerência geral do bem”. O bem está em todo coração humano. Ter amor a Deus, ter amor à família, ter amor ao próximo. As pessoas vivem tendo ideias maravilhosas.

("O problema do Brasil é a confusão mental", Mídia Sem Máscara, 07 de julho de 2013)

Poxa, ele como católico já se esqueceu da Igreja. A vinda de Jesus, segundo a Bíblia, precisou ser preparada por milênios. Ele quase foi executado pelo próprio povo e foi crucificado pelo Império Romano, este manobrado pela elite judaica. E a igreja mal começou e já teve problemas de doutrina e de conduta, já denunciados especialmente por Paulo. Ou seja, o bem não é tão espontâneo assim. Nem tão fácil de ser apresentado.

E falar de Jesus nos leva ao ponto principal: a cultura do bem precisa ser não só publicada como planejada, fortalecida e promovida. É fato que muita gente deseja o bem, ou pelo menos fala do bem. Então por que o mundo vai tão mal? Porque só os maus tem projeto. Foi o que alguém disse: "o mundo estaria salvo se as pessoas de bem tivessem a ousadia dos canalhas". Mas tem muita gente, como é o caso do professor Olavo de Carvalho, que tem medo de pensar em enfrentar a revolução esquerdista e se parecer com os esquerdistas. Mas é isso que dá vantagem pra eles, meu Deus do Céu! E também esse negócio de não querer mudar o mundo. Ele está certo em dizer que a ação do ser humano é limitada, mas erra em tirar a ação global de cogitação. Ele mesmo disse em outro texto ("Odioso preconceito", Mídia Sem Máscara, 30 de abril de 2013):

a reação militar ao avanço comunista ocorreu de início sob a forma de iniciativas nacionais independentes, só tardiamente se articulando em escala maior, ao passo que as guerrilhas surgiram desde o início como um empreendimento transnacional organizado.

Sabe aquele slogan "pense globalmente, aja localmente"? Pois é, temos que adotar, e não é praquela paneleiragem ecofascista.

E aí vamos pra segunda coisa que eu já ia escrever, há mais tempo. Eu e o pessoal da Real vivemos falando mal de mulher. Eu sou pior ainda porque pegar mulher não me interessa, hehehehe. Eu e o pessoal da Real vivemos falando mal de mulher, denunciando o lesbofeminismo, o gaysquerdismo, a sociedade mangina, mas e aí? Principalmente eu aqui, e aí, o que fazer com tanto conhecimento da pobreza de espírito feminina? Antes, eu tenho que explicar umas coisinhas.

Não existe plano grande sem plano pequeno

Nós não temos que escolher entre mudar o mundo e mudar a nossa vizinhança, ou a nossa própria vida. O projeto grande pode ser deixado de lado pelo projeto pequeno, mas o projeto pequeno é parte do grande. Os anticomunistas deviam ter em mente que os maus esquerdistas sabem disso, e por isso estão vencendo. Uma ação em um nível mais básico pode ficar por aí, e é aí que a turma da direita fica. Mas pode ser parte de uma coisa maior.

Nós podemos ter um plano para um mundo bom daqui a 200 anos e melhorar as nossas vidas daqui a um ano. Estados sérios podem ter planos grandes para os próximos 20 anos com metas para os próximos 2. Você sabe a diferença entre objetivo e meta? A meta é uma coisa mensurável para ser alcançada em prazo definido, em busca do objetivo do projeto. E projeto é uma série de ações organizadas, com meios para serem feitas, para concretizar a coisa projetada.

Isso é pra explicar que a gente não tem que escolher entre melhor qualidade de vida e um mundo decente em 200 anos. O pequeno pode se colocar dentro do grande.

O Socialismo deu certo, os bons comunistas é que se deram mal

Nem todos os esquerdistas são canalhas. Alguns são militantes de bom coração. O problema é que praticamente só os maus têm um projeto organizado. Não só a elite russa ou a elite chinesa, qualquer vadia de bairro pobre sabe manipular pessoas para prejudicar alguém. Os bons de coração até querem lutar contra o mal, mas estão despreparados. Aí, eles podem entrar em uma estrutura para combater "o sistema" feita pelo próprio sistema, porque "eles" se anteciparam, "eles" já estão no poder ou têm condições para chegar lá. Então, gente bem intencionada pode ser usada como coadjuvante de uma disputa pelo poder ou um teatro justamente para evitar que os que estão no poder sejam perturbados.

O Comunismo do discurso tem uma parte boa, é a anarquia. Mas a anarquia é uma sociedade feita de pessoas sensatas com controle sobre a própria vida, e não o contrário, como quase todos pensam. Uma legião de pessoas que não entendem de qualidade de vida, só de pobreza, e que ainda não se livraram das mentiras e da incoerência não pode fazer uma revolução, no máximo pode ser canalizada para derrubar um regime. Foi isso que fez o socialismo ser uma experiência ruim.

O que o homem que presta pode fazer para melhorar o mundo e a própria vida

Agora sim. O que você, homem que presta, pode fazer. Algumas coisas você já descobriu e até já faz:

  1. Não deixe o seu caráter ser usado contra você. Falarei disso em outro texto.
  2. Dê-se o valor que você tenta ter. Qualquer loja de 20 metros quadrados comandada por uma porca velha frustrada te exige o melhor para pagar um salário miserável com atraso e má vontade. Qualquer macaca lésbica fracassada te exige o melhor para te dar sexo três vezes por semana de má vontade recheado com amolações e cuidado de filhos de dois pais diferentes. Não tenha medo de se dar valor. Nem de querer ser valorizado.
  3. Trate as mulheres na medida de respeito e valor que elas te dão. Sim, isso também vale para homens em relação aos outros homens, mulheres em relação aos outros homens, mulheres em relação às mulheres. Mas no caso de homens em relação às mulheres é um pouco complicado, porque quando o homem não tem atração físico-sexual, tem medo. Homens fazem coisas acrobáticas por mulheres das quais não recebem mais do que estar ao lado conversando amenidades no café ou no pátio da faculdade. Eu já li casos, inclusive nos comentários do blogue, de homens que enquanto trataram algumas mulheres bem eram tratados como lixo, depois que eles começaram a tratá-las com desprezo elas começaram a dar valor. Não é esse o objetivo.
  4. Lute pela paz que te faz bem, mas lembre-se que a paz que prejudica você é uma guerra a ser vencida.
  5. More sozinho. Ou com outros homens.
  6. Não se case e não tenha filhos.
  7. Não se "divirta" em baladas e bares. Vamos parar de alimentar as casas noturnas que cobram ingressos mais baratos (ou nada) das mulheres e ainda nos pouparmos de um ambiente com música ruim alta, bêbados e bêbadas, valentões e babacas.
  8. Seja amigo do seu sobrinho homem. Os meninos precisam mais do que nunca de referências decentes de homem. E nós temos que preparar a próxima geração de antifeministas, que vai destruir o feminismo, hua, hua, hua, hua, hua.
  9. Estude de verdade, mas saiba alguma coisa em que você pode trabalhar sem patrão.
  10. Não só mantenha a saúde, evite tudo que faz mal enquanto você tem saúde. A maior fonte de stress do homem é o trabalho ou o "lar". É inclusive nisso que entra a renda extra.
  11. Tenha vida, identidade e realização fora do trabalho. E também faça projetos de vida que não envolvam um futuro emprego.
  12. Se afaste da família, a não ser que ela seja muito acima da mediocridade. A sua mãe é uma desequilibrada, o seu pai é um cretino, a sua avó tem que ter alguém toda quinzena no hospital no meio da tarde, a sua irmã é uma vadia mãe solteira que não perde uma balada em outra cidade? Deixe os mortos sepultarem seus mortos.
  13. Não tenha medo de dizer verdades inconvenientes e não tente fazer acordo com os néscios e o erro. No máximo, pense como dizer a verdade sem ser prejudicado. Mas nunca ceda ao erro, nunca deixe a tolice sem resposta. Um passo para trás nunca vem sozinho.
  14. Não tente salvar aqueles à sua volta, tente estar à volta dos salvos. Seja conhecido como aquele que está acima da estupidez e da covardia. Os filhos da luz virão até você. E aproveite para desenvolver relacionamentos, reais e virtuais, fora do eixo trabalho - vizinhança - estudos.
  15. Não tenha medo da verdade nem dos próprios erros. Pense sempre sobre suas crenças, seus hábitos, seu estilo de vida e os das outras pessoas. Pense sobre o que lê, ouve ou cresceu aprendendo. Esteja pronto para corrigir os seus próprios erros. Esteja pronto para se desfazer da contradição e da hipocrisia.
  16. Se você já é casado, pense na hipótese do divórcio e na sua vida sem o seu casamento. Não necessariamente preparar o divórcio. Mas se lembre de que a sua esposa pode estar pensando em te passar a perna.
  17. Viva a putaria! Se não der na zona, que seja na pornografia mesmo. Deixe o seu colega pagador de pensão falar à vontade.

Seção de sexo, safadeza, putaria, mulher pelada, pornografia

Sex, lust, debauchery, naked woman, pornography section

Sección de sexo, perrez, putaría, mujer desnuda, pornografía

Sezione de sesso, libertinaggio, lussuria, donna nuda, pornografia

ruiva-preliminar-150713 e de-quatro-no-sofa-150713 (Jayden Jaymes): veja mais / vea más / see more / vedi più

big-tits-in-bra-150713 e chopada-pe-grande-150713 (Eva Karera): veja mais / vea más / see more / vedi più

chupadinha-mulher-de-peito-grande-150713: veja mais (vídeo para celular / telemóvel) / vea más (vídeo para teléfono móvil) / see more (video for mobile phone) / vedi più (video per il telefono mobile)

Veja mais (vídeo para celular / telemóvel). O título é "Big Tits Blonded Teen Have A Black Cock On Her Pinkish Pussy" (loira adolescente com peitões tem uma rola negra em sua buceta rosada), mas a garota não é loira, não tem seios grandes e faz com três caras.

See more (video for mobile phone). Title is "big tits blonded teen have a black cock on her pinkish pussy", but the girl is not blonde, has not big tits and performs with three guys.

Vea más (vídeo para teléfono móvil). Título es "Big Tits Blonded Teen Have A Black Cock On Her Pinkish Pussy" (rubia adolescente de tetas grandes tienen un gallo negro en su coño rosado), pero la chica no es rubia, no tiene grandes tetas y realiza con tres chicos.

Vedi più (video per il telefono mobile). Titolo è "Big Tits Blonded Teen Have A Black Cock On Her Pinkish Pussy" (grandi tette bionda teenager hanno un gallo nero su figa rosa), ma la ragazza non è bionda, non ha grandi tette e si esibisce con tre ragazzi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Página no Facebook