sexta-feira, 6 de maio de 2016

VALENTINA NAPPI - Hoje, o Fascismo é chamado Anticapitalismo

vnappi Se você é um compositor da música de vanguarda e escreve peças para piano tocadas com a bunda, você tem que se preocupar com a política. Na época do nazismo teriam acusado você de fazer arte degenerada. Hoje você é "apenas" objeto de sarcasmo de jornalistas de direita e, em alguns governos, susceptível de ver seus fundos cortados. Um discurso um pouco semelhante, embora um pouco diferente, é válido se você é um professor que promove "idéias estranhas" que parecem minar a certas categorias tradicionais (por exemplo, se você tentar ensinar que o casal homossexual é nem mais nem menos "natural" do que o heterossexual). E se você é uma estrela pornô em vez disso? Se você é uma estrela pornô que incorpora a lógica dicotômica santa / vagabunda, talvez você também se ajustaria aos nazistas (mas talvez não, porque sua conduta ainda recairia em "comportamentos antissociais"). Se em vez disso você é uma estrela pornô que promove a ideia de que "todas as mulheres devem ser vagabundas" e que "todas as meninas devem ser meninas ultra-fáceis", na Alemanha nazista, mas também na Itália fascista, você teria certamente feito um mau fim. E você teria sérios problemas também hoje, na Europa, no caso de certos movimentos nacionalistas, xenófobos e anti-modernos tomarem o poder. Então, a política tem que preocupar você, inevitavelmente. E é por isso que decidi dedicar este post para o problema do fascismo, é claro que dou como certo que aqueles que estão do meu lado deve ser antifascistas da forma mais radical possível. Ao contrário do que muitas pessoas estúpidas pensam, não se trata de ser "antifascista na ausência do fascismo", mas de serem radicalmente antifascistas na presença do risco concreto de tendências fascistas.

É bastante óbvia a ligação entre o fascismo e a pequena e média burguesia. Além disso, não é difícil compreender que, na ausência de pequena e média burguesia não pode estar lá, e não poderia estar, qualquer tendência fascista (mas, no máximo, uma revolução comunista). São conclusões absolutamente evidentes, conclusões inteiramente triviais. O fascismo histórico foi uma expressão da mobilização da pequena e média burguesia empobrecidas contra as duas classes então hegemônicas, a grande burguesia industrial e financeira e o proletariado. Daí o caráter dual, revolucionário e reacionário, do movimento e do regime: reacionário contra as exigências igualitárias do proletariado, mas revolucionário em comparação com uma ordem existente (mesmo internacional) baseada em proteger os interesses do grande capital. Nenhuma coincidência que Mussolini, na declaração de guerra de 1940, chamou os inimigos de "democracias plutocráticas". É óbvia a analogia com diferentes movimentos contemporâneos para nós, analogia reforçada pelo fato de que, mesmo na Itália pós-guerra, a maior parte da pequena e média burguesia não se sente representada por uma classe política liberal-democrática que mostrou a cada dia mais incapacidade e decadência moral.

O fascismo é, portanto, uma luta "para além de direita e esquerda" (quer dizer: não igualitária) contra o grande capital e contra a política de "marionetes" liberais que são a expressão do grande capital. A retórica fascista da luta entre o "trabalho" (o do comerciante, do pequeno empresário) e o grande capital financeiro, retórica que se traduz em slogans dos pequenos empresários que "se levantam todas as manhãs" e "estão a trabalhar mais do que seus empregados" e "eles carregam sobre os ombros o país", obscurece a luta de classes real que é acima de tudo aquela entre o pequeno comerciante com Porsche Cayenne e o secretário negro mal pago, entre o pequeno empresário e o trabalhador chantageado que não aproveita a proteção do artigo 18 porque os funcionários são menos de quinze... [artigo 18 do Estatuto dos Trabalhadores, que determina a readmissão no emprego e multa para o empregador em caso de demissão por causa da discriminação, questões de maternidade ou paternidade ou motivação ilegal, mas os parágrafos que determinam as sanções só se aplicam a empresas com mais de 15 empregados ou empresas agrícolas com mais de 5. O Estatuto dos Trabalhadores pode ser visto em http://www.altalex.com/documents/codici-altalex/2014/10/30/statuto-dei-lavoratori - nota da tradutora] Naturalmente, o grande capital financeiro global não é o bem absoluto, mas representa um problema que não é progressivo confrontar na presente fase histórica, uma vez que mesmo aqueles que são comunistas devem compreender que no Ocidente nunca haverá uma mudança para a socialização dos meios de produção (também financeiros) enquanto sobreviverem interesses difusos do tipo pequena e média burguesia (e eventual prevalecer, aqui e agora, destes interesses sobre os dos grande capital, veja a possibilidade de uma deflagração da zona do euro, seriam apenas desvantagens para a classe trabalhadora, veja o poder de compra dos salários). Na presente fase histórica, os gritos contra o grande capital financeiro global são gritos em defesa da pequena e média burguesia. São gritos reacionários. O processo da centralização do capital é realmente uma condição necessária para um verdadeiro progresso histórico, e a alternativa é permanecer atolado na dialética burguesa entre o liberalismo "crítico" e fascismo. Mesmo o comunista, especialmente o comunista, deve esperar que a evolução pós-burguesa do capitalismo contemporâneo vá em frente. É um processo que vai exigir atos de balanceamento finos para que seja evitada a tomada do poder pelos movimentos fascistas (um dos principais perigos reside na aliança entre a burguesia e os desempregados, e o grande capital tem de se convencer da necessidade de trazer os desempregados para seu próprio lado).

Não é difícil compreender que a mentalidade e os valores fascistas correspondem à mentalidade e aos valores de uma pequena e média burguesia em dificuldade: a visão tradicionalista da sexualidade está ligada a uma concepção da filha mulher como um fator de reprodução do pequeno negócio da família (o mesmo vale para a mentalidade homofóbica e a concepção do papel do filho homem), a intolerância ao formalismo jurídico está ligada a um modo paternalista e "comunitário" de gerenciar os problemas com funcionários, o anti-cientificismo está ligado ao medo de ser oprimido pelo grande capital, o anti-racionalismo está ligado ao medo da superioridade da organização em grande escala de produção, o medo das vanguardas está ligado à percepção de um mundo em mudança de uma forma desfavorável à sua própria classe, et cetera.

O fascismo fala a língua da antitecnocracia, explícita ou disfarçada como antiplutocracia, e apresenta-se como uma forma não-igualitária de antiplutocracia quando existe a possibilidade real de um avanço igualitário, e como anticapitalismo quando um avanço igualitário não é plausível (por exemplo, porque alguns desenvolvimentos históricos adicionais são necessários, por exemplo o fim da pequena e média burguesia). Hoje, o fascismo é chamado de anticapitalismo.

Valentina Nappi

(20 de outubro de 2014)

Micromega, http://blog-micromega.blogautore.espresso.repubblica.it/2014/10/20/valentina-nappi-oggi-il-fascismo-si-chiama-anticapitalismo

Comentários de A Vez das Mulheres de Verdade / A Vez dos Homens que Prestam

Aqui, a autora erra descrevendo o Fascismo como uma coisa burguesa, quando, na melhor das hipóteses, o Fascismo e o Nazismo foram apoiados pela pequena e média burguesia em oposição a uma alternativa ainda pior, o socialismo de Stalin. Mas o Fascismo era Socialismo, porque era Estatismo. No que diz respeito à moral fascista como de alguma forma puritana, ela está certa, mas, para dar um exemplo, Nina Hartley fez uma breve exposição sobre as semelhanças entre o Feminismo anti-sexo e a moral cristã conservadora em seu artigo "Feminists for porn", em 2005. Eu traduzi na minha postagem "Enquanto o antifeminismo não pensar contra o Ginocentrismo, o Feminismo terá todos os pensamentos", e repito para o texto da Valentina os comentários que fiz lá. Ops! Eu disse que o movimento socialista estava se opondo à sociedade tradicional, agora estou dando a entender que o Nazifascismo, embora fosse uma iniciativa socialista, estava junto com os cristãos conservadores? De alguma forma, eu expliquei isso em novembro de 2015 em "Socialismo, Capitalismo e Cristianismo juntos, por que não?", parte 1 e parte 2. Vamos destacar que a época do Fascismo e do Nazismo, anos 1930 e 1940, foi um tempo em que, nas mentes da maioria dos conservadores cristãos hoje em dia, o Feminismo não existia.

Eu não pude evitar achar curioso que uma iniciativa de baixa e média classe média conseguiu ser vitoriosa, mesmo se por cerca de duas décadas, contra a maioria do capital de um lado e a maioria da população, os trabalhadores, no outro lado. Sem mencionar a persistência em milhões de mentes espalhadas no Ocidente de um sistema político derrotado mais de 60 anos antes.

Mas eu entendo porque Valentina cometeu tais erros: ela tem sido rotulada, como eu, como "machista" por feministas e como "vagabunda" por conservadores, mas ela não percebe, ao que parece, que o Socialismo é o controle político de toda a vida social como um fim por si só, não uma luta por justiça social que tem a "propriedade coletiva" dos meios de produção como um aspecto. Assim, como uma atriz pornô bissexual que defende a liberdade sexual, ela se opõe à burguesia e à "moral burguesa" quando ela vê o puritanismo burguês, mas ela não só atribui a moral tradicional à burguesia e ao Capitalismo, ela atribui, também, o oposto a uma parte do esquerdismo. Talvez eu tenha sorte de viver no Brasil quando eu posso ver uma direita cristã enfraquecida que não pode lutar contra a prostituição e a pornografia, por vezes com o pior do movimento feminista-socialista, portanto posso observar tudo isso melhor. Aliás, a China socialista não apenas tem salários e condições de trabalho muito ruins, também tem a censura à internet em geral e contra a pornografia especificamente, chegando ao ponto de recompensa em dinheiro para denúncias de números de celular para conteúdos sexuais e pessoas presas por ver pornografia em suas próprias casas.

É ilustrativo que aqui no Brasil, enquanto eu estava traduzindo este texto, último dia 3, um casal de membros do MBL (Movimento Brasil Livre) foi agredido por um assessor de um membro do PT (Partido dos Trabalhadores). Este partido é o da presidente Dilma Rousseff e o MBL é um movimento popular que organiza protestos por seu impeachment por causa de corrupção, crimes administrativos e abuso de poder. Naquele momento, eles estavam em um acampamento em Curitiba, em frente a um prédio da Justiça Federal, em apoio ao trabalho de alguns funcionários públicos que estão investigando esquemas de corrupção do PT. Esse assessor foi lá com uma "chave de roda" e, enquanto ele estava batendo no casal em suas cabeças, ele gritava "não vai ter golpe" e... "fascistas". Temos aqui, e eu poderia trazer muitos casos, algumas coisas curiosas. Em primeiro lugar, os fascistas brasileiros de hoje em dia sofrem ataques de socialistas, negros e LGBT's em vez de fazer ataques contra eles. Em segundo lugar, o Fascismo brasileiro, em vez de ser um estilo de governo, está fora do governo há 13 anos e tem tido oposição pelo governo. Realmente, hoje, o Fascismo chama a si próprio de Anti-Capitalismo.

Abaixo o Socialismo! Viva a Anarquia, o ateísmo e a prostituição!

Atualização 06/05 20:45: Quando eu fui ao perfil da Valentina Nappi no Facebook, eu vi o aviso de que ela tinha sido bloqueada ontem, enquanto eu estava escrevendo os meus comentários. Isso me lembra o que eu vejo todo mês, alguns dos meus amigos são suspensos ou perdem seus perfis por compartilhar imagens sensuais ou pornografia, isso acontece com alguns amigos meus conservadores por postar algo antiesquerdista, isso aconteceu a mim mesma por ambas as coisas. O Facebook tem sua sede nos Estados Unidos, onde os homossexuais podem se casar e professoras são presas porque tinham relações sexuais com estudantes. OK, o Estado não vai obrigar você, homem, a ser gay, mas na mesma cidade (se não lá, pelo menos no Brasil), você pode ser acusado de crime sexual se você tocar em uma mulher em um veículo de transporte público lotado ou pode ser multado se você não gosta quando você vê um casal do mesmo sexo se beijando nas ruas. O pior do "tradicionalismo", o pior do Capitalismo e o pior do Socialismo podem estar juntos.

Abigail Pereira Aranha

Questo testo in italiano senza filmati di dissolutezza in Men of Worth Newspaper: "VALENTINA NAPPI - Oggi il fascismo si chiama anticapitalismo", http://avezdoshomens2.over-blog.com/2016/05/valentina-nappi-oggi-il-fascismo-si-chiama-anticapitalismo.html.
Questo testo in italiano con filmati di dissolutezza in Periódico de Los Hombres de Valía: "VALENTINA NAPPI - Oggi il fascismo si chiama anticapitalismo", http://avezdoshomens2.blogspot.com/2016/05/valentina-nappi-oggi-il-fascismo-si.html.
Ce texte en français sans films de libertinage au Men of Worth Newspaper: "VALENTINA NAPPI - Aujourd'hui, le Fascisme est nommé Anti-capitalisme", http://avezdoshomens2.over-blog.com/2016/05/valentina-nappi-aujourd-hui-le-fascisme-est-nomme-anti-capitalisme.html.
Ce texte en français avec films de libertinage au Periódico de Los Hombres de Valía: "VALENTINA NAPPI - Aujourd'hui, le Fascisme est nommé Anti-capitalisme", http://avezdoshomens2.blogspot.com/2016/05/valentina-nappi-aujourdhui-le-fascisme.html.
Eso texto en español sin películas de putaría en Men of Worth Newspaper: "VALENTINA NAPPI - Hoy en día el Fascismo se llama Anticapitalismo", http://avezdoshomens2.over-blog.com/2016/05/valentina-nappi-hoy-en-dia-el-fascismo-se-llama-anticapitalismo.html.
Eso texto en español con películas de putaría en Periódico de Los Hombres de Valía: "VALENTINA NAPPI - Hoy en día el Fascismo se llama Anticapitalismo", http://avezdoshomens2.blogspot.com/2016/05/valentina-nappi-hoy-en-dia-el-fascismo.html.
This text in English without licentiousness movies at Men of Worth Newspaper: "VALENTINA NAPPI - Today, Fascism is named Anti-capitalism", http://avezdoshomens2.over-blog.com/2016/05/valentina-nappi-today-fascism-is-named-anti-capitalism.html.
This text in English with licentiousness movies at Periódico de Los Hombres de Valía: "VALENTINA NAPPI - Today, Fascism is named Anti-capitalism", http://avezdoshomens2.blogspot.com/2016/05/valentina-nappi-today-fascism-is-named.html.
Texto original em português sem filmes de putaria no A Vez das Mulheres de Verdade: "VALENTINA NAPPI - Hoje, o Fascismo é chamado Anticapitalismo", http://avezdasmulheres.over-blog.com/2016/05/valentina-nappi-hoje-o-fascismo-e-chamado-anticapitalismo.html.
Texto original em português com filmes de putaria no A Vez dos Homens que Prestam: "VALENTINA NAPPI - Hoje, o Fascismo é chamado Anticapitalismo", http://avezdoshomens.blogspot.com/2016/05/valentina-nappi-hoje-o-fascismo-e.html.
Seção de sexo, safadeza, putaria, mulher pelada, pornografia
Section of sex, lust, licentiousness, naked woman, pornography
Section de sexe, luxure, débauche, femmes nues, pornographie
Sezione de sesso, libertinaggio, lussuria, donna nuda, pornografia
Sección de sexo, perrez, putaría, mujer desnuda, pornografía

Double penetration with Valentina Nappi

by DogfartNetwork

"Moe's got a large crew today -- 10 hung brothers -- and they're all anxious to see if Valentina has what it takes. I think after you witness this epoch gang bang, with anal and ATM, you'll agree with Moe -- Valentina will feature on opening night!"

Dupla penetração com Valentina Nappi

por DogfartNetwork

"Moe tem uma grande equipe hoje - 10 irmãos ansiosos - e eles estão todos ansiosos para ver se Valentina tem o que é preciso. Eu acho que depois de testemunhar este gangbang épico, com anal e ATM, você vai concordar com Moe - Valentina estará na noite de abertura!"

Double pénétration avec Valentina Nappi

par DogfartNetwork

"Moe a une grande équipe aujourd'hui - 10 accrochés frères - et ils sont tous impatients de voir si Valentina a ce qu'il faut. Je pense après avoir été témoin de cette gang bang épique, avec anal et ATM, vous serez d'accord avec Moe - Valentina mettra en vedette la soirée d'ouverture!"

Doble penetración con Valentina Nappi

por DogfartNetwork

"Moe tiene un gran equipo hoy - 10 hermanos colgados - y todos están ansiosos por ver si Valentina tiene lo que se necesita. Creo que después es testigo de este gang bang épico, con anal y ATM, tu estarás de acuerdo con Moe - Valentina estará presente en la noche de apertura!"

Doppia penetrazione con Valentina Nappi

da DogfartNetwork

"Moe ha un grande equipaggio oggi - 10 appesi fratelli - e loro tutti sono ansiosi di vedere se Valentina ha quello che serve. Penso che dopo tu testimoni questo gang bang epico, con anale e ATM, sarai d'accordo con Moe - Valentina sarà caratterizzata alla serata di apertura!"

Violenza sulle donne (Valentina Nappi)

"Va detta una cosa importantissima sulla violenza sulle donne: su 100 morti sul lavoro 97 sono maschi e solo 3 sono femmine. Da femmina sono incazzata per questo, se pensate che questo non abbia a che fare sulla violenza sulle donne vi sbagliate. È un problema di ruoli. Finche ci saranno i ruoli e le differenze ci sarà violenza di genere. La violanza di genere nasce dall'idea che la donna sia preziosa. Alle bambine si insegna che sono preziose e da li discende la logica delle fighe di legno. A tutte queste femministe fighe di legno che si riempiono la bocca di violenza sulle donne e sciocchezze del genere, dico: DATELA"

(Grazie a Violacentrica per la trascrizione - http://www.violacentrica.com/valentina-nappi-pornostar-illuminata-contro-le-femministe-datela)

Violência contra a mulher (Valentina Nappi)

"Que seja dita uma coisa muito importante sobre a violência contra a mulher: para cada 100 mortes no local de trabalho, 97 são de homens e apenas 3 são de mulheres. Como mulher eu estou indignada com isso, se você acha que isso não tem nada a ver com a violência contra mulheres, você está errado. É um problema de papéis. Enquanto houver os papéis e as diferenças, haverá violência baseada no gênero. A violência de gênero vem da idéia de que a mulher é preciosa. As meninas são ensinadas que elas são preciosas e daí decorre a lógica das bucetas de madeira. Para todas essas feministas bucetas de madeira que enchem a boca com a violência contra as mulheres e estupidez de gênero, eu digo: mostrem-na"

(Obrigada a Violacentrica pela transcrição - http://www.violacentrica.com/valentina-nappi-pornostar-illuminata-contro-le-femministe-datela)

Violence against women (Valentina Nappi)

"Let it be said a very important thing on violence against women: for each 100 workplace fatalities, 97 are males and only 3 are females. As a woman I am angry at this, if you think this has nothing to do with violence against women, you are wrong. It is a problem of roles. As long as there be the roles and the differences, there will be gender-based violence. The gender violence comes from the idea that the woman is precious. The girls are taught that they are precious and from there stems the logic of the pussies of wood. To all these pussies of wood feminists that fill their mouth with violence against women and gender stupidity, I say: you, show it"

(Thanks to Violacentrica for the transcription - http://www.violacentrica.com/valentina-nappi-pornostar-illuminata-contro-le-femministe-datela)

La violence contre les femmes (Valentina Nappi)

"Soit dit une chose très importante sur la violence contre les femmes: pour chaque 100 décès en milieu de travail, 97 sont des hommes et seulement 3 sont des femmes. En tant que femme, je suis en colère contre cela, si vous pensez que cela n'a rien à voir avec la violence contre les femmes, vous avez tort. Il y a un problème de rôles. Tant qu'il y aura les rôles et les différences, il y aura la violence fondée sur le sexe. La violence de genre vient de l'idée que la femme est précieuse. Les filles sont enseignées qu'ils sont précieux et à partir de là découle la logique des chattes de bois. Pour toutes ces chattes de bois des féministes qui remplissent la bouche avec la violence contre les femmes et la stupidité de genre, je dis: vous, montrez"

(Merci à Violacentrica pour la transcription - http://www.violacentrica.com/valentina-nappi-pornostar-illuminata-contro-le-femministe-datela)

La violencia contra las mujeres (Valentina Nappi)

"Que se diga una cosa muy importante sobre la violencia contra las mujeres: para cada 100 accidentes laborales, 97 son hombres y sólo 3 son mujeres. Como mujer estoy enojada con esto, si usted piensa que esto no tiene nada que ver con la violencia contra las mujeres, te equivocas. Es un problema de papeles. Siempre y cuando haya los papeles y las diferencias, habrá violencia de género. La violencia de género nace de la idea de que la mujer es preciosa. Las niñas se les enseña que son preciosas y de ahí se deriva la lógica de los coños de madera. Para todos estas feministas coños de madera que llenan la boca con la violencia contra las mujeres y la estupidez de género, les digo: demuestrenla"

(Gracias a Violacentrica para la transcripción - http://www.violacentrica.com/valentina-nappi-pornostar-illuminata-contro-le-femministe-datela)

Violenza sulle donne from ValentinaNappi on Vimeo.

Deflowering Italian Nun!

With Elena Grimaldi and Mick Blue

"LITTLE SUMMARY FOR THOSE WHO CAN'T UNDERSTAND ITALIAN: the guy asks where is he, the nun answers that they're in a convent and that he have to rest and shut the fuck up. then the scary voice tells the nun that the only way to save the guy's life is fuckin the shit out of him. the nun is like OMG WTF but at the end she decides to do it when the guy wakes up during the bj he says that he's feeling better (oh yeah, i will also feel better with a pornstar suckin my cock). he asks the nun why she's blowing him and she tells him to trust her and to shut the fuck up (again) and then the party begins."

Deflorando uma freira italiana!

Com Elena Grimaldi e Mick Blue

"PEQUENO SUMÁRIO PARA AQUELES QUE NÃO ENTENDEM ITALIANO: O cara pergunta onde ele está, a freira responde que eles estão em um convento e que ele tem que descansar e calar a boca. Em seguida, a voz assustadora diz à freira que a única maneira de salvar a vida do cara é foder com ele. A freira fica como OMG WTF [Oh, meu Deus! Que porra é essa?!], mas no final ela decide fazê-lo. Quando o cara acorda durante o boquete, ele diz que está se sentindo melhor (oh yeah, eu também vou me sentir melhor com uma pornstar chupando meu pau). Ele pergunta à freira porque ela está lhe chupando e ela diz para ele confiar nela e calar a boca (novamente) e, em seguida, a festa começa."

Déflorer une religieuse italienne!

Avec Elena Grimaldi et Mick Blue

"PETIT RESUME POUR CEUX QUI NE PEUVENT COMPRENDRE ITALIENNE: Le gars demande où est-il, la nonne répond qu'ils sont dans un couvent et qu'il faut se reposer et la fermer. Puis la voix effrayante raconte la religieuse que le seul moyen de sauver la vie de l'homme est baiser avec lui. La religieuse est comme OMG WTF [Oh, mon Dieu! Qu'est-ce que la baise est-ce?!], mais à la fin elle décide de le faire. Quand le gars se réveille pendant la pipe, il dit qu'il se sent mieux (oh oui, je aussi me sentirai mieux avec une pornstar sucer ma bite). Il demande la religieuse pourquoi elle lui souffle et elle dit lui de la confiance et de la fermer (encore une fois), puis la partie commence."

¡Desflorando una monja italiana!

Con Elena Grimaldi y Mick Blue

"RESUMEN PEQUEÑO PARA AQUELLOS QUE NO PUEDEN ENTENDER EL ITALIANO: El chico pregunta dónde está él, la monja responde de que están en un convento y que él tiene que descansar y cierrar la boca. Luego, la voz aterrorizante dice a la monja que la única manera de salvar la vida del hombre es follar con él. La monja está como OMG WTF [¡Oh, Dios mío! ¡¿Qué diablos es eso?!], pero al final ella decide de hacerlo. Cuando el tipo se despierta durante la mamada, dice que se siente mejor (oh sí, yo también me sentiré mejor con una pornostar chupando mi pene). Él pregunta a la monja por qué ella le está soplando y ella dice que confiara en ella y que cierre la boca (de nuevo) y luego comienza la fiesta."

Deflorando una suora italiana!

Con Elena Grimaldi e Mick Blue

"PICCOLA SINTESI PER CHI NON RIESCE A CAPIRE ITALIANO: Il ragazzo chiede dove è lui, la suora risponde che loro sono in un convento e che deve riposare e chiudere quella cazzo di bocca. Poi la voce spaventosa dice la suora che l'unico modo per salvare la vita del ragazzo è scopare con lui. La suora è come OMG WTF [Oh, mio Dio! Che cazzo è?!], ma alla fine si decide di farlo. Quando il ragazzo si sveglia durante il pompino, lui dice che si sente meglio (oh yeah, io anche mi sentirò meglio con una pornostar succhiando il mio cazzo). Lui chiede la suora perché lei lo soffia e lei dice lui a fidarsi di lei e di chiudere quella cazzo di bocca (di nuovo) e poi inizia la festa."


Pornochanchada "Bacanal de Adolescente"

Companhia produtora: Boca Filmes. 1989, São Paulo, Brasil. Sinopse: "Boy de escritório inicia sua vida sexual com a filha do patrão e as secretárias." (http://cinemateca.gov.br/cgi-bin/wxis.exe/iah/?IsisScript=iah/iah.xis&base=FILMOGRAFIA&lang=P&nextAction=search&exprSearch=ID=024443&format=detailed.pft)

Pornochanchada "Teen Bacchanalia"

Producer company: Boca Filmes. 1989, Sao Paulo, Brazil. Synopsis: "Office boy starts his sex life with the boss's daughter and the secretaries." (http://cinemateca.gov.br/cgi-bin/wxis.exe/iah/?IsisScript=iah/iah.xis&base=FILMOGRAFIA&lang=P&nextAction=search&exprSearch=ID=024443&format=detailed.pft)

Pornochanchada "Bacchanales de Adolescent"

Société producteur: Boca Filmes. 1989, São Paulo, Brésil. Synopsis: "Garçon de bureau commence sa vie sexuelle avec la fille du patron et les secrétaires." (http://cinemateca.gov.br/cgi-bin/wxis.exe/iah/?IsisScript=iah/iah.xis&base=FILMOGRAFIA&lang=P&nextAction=search&exprSearch=ID=024443&format=detailed.pft)

Pornochanchada "Bacanal de Adolescente"

Compañía productora: Boca Filmes. 1989, Sao Paulo, Brasil. Sinopsis: "Chico de oficina comienza su vida sexual con la hija del jefe y las secretarias." (http://cinemateca.gov.br/cgi-bin/wxis.exe/iah/?IsisScript=iah/iah.xis&base=FILMOGRAFIA&lang=P&nextAction=search&exprSearch=ID=024443&format=detailed.pft)

Pornochanchada "Bacchanalia di Adolescente"

Azienda produttrice: Boca Filmes. 1989, San Paolo, Brasile. Sinossi: "Ragazzo di ufficio inizia la sua vita sessuale con la figlia del capo e le segretarie." (http://cinemateca.gov.br/cgi-bin/wxis.exe/iah/?IsisScript=iah/iah.xis&base=FILMOGRAFIA&lang=P&nextAction=search&exprSearch=ID=024443&format=detailed.pft)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Página no Facebook