terça-feira, 22 de setembro de 2015

Direita cristã, acabou! - parte 4: mais dois casos de despreparo intelectual

Introdução

Eu publiquei "Direita cristã, acabou! - parte 1" no dia 02 explicando como a direita, principalmente a direita cristã, estava preparada para ser derrotada pela esquerda apenas no campo das ideias. Eu expliquei genericamente, mas estava preparando a parte 2, que eu publiquei no dia 04, como um exemplo. Ainda naquela semana, flagrei um outro exemplo na página do Olavo de Carvalho, que eu mostrei na parte 3.

Agora, trago mais dois exemplos. Eu sempre acreditei, e já disse isto várias vezes, que o puritanismo cristão e o Ultraliberalismo (chamado erradamente de anarcocapitalismo) nunca tiveram sustentabilidade por si mesmos nem seriam páreo para o movimento socialista. Todo o palavrório em louvor à família tradicional, ao casamento tradicional, às igrejas históricas e à iniciativa privada está sendo pisado pelo movimento esquerdista como uma barata em um corredor, principalmente por ações práticas para destruí-los por dentro. A exaltação da castidade como grandeza de princípio moral, ou mesmo como razoável em si mesma, nunca foi intelectualmente digna e nunca foi ou seria viável sem um ambiente sociocultural sufocante. A direita cristã só pode enxergar cada mulher jovem apresentável como uma prostituta em potencial, enxergar pornografia em cada novela ou perseguir a prostituição e a pornografia porque o próprio Lesbofeminismo tem ambições de extinguir desde a prostituição e a pornografia até a maioria da população masculina. Os cristãos tradicionais só não fazem muito louvor ao casamento convencional porque além da via crucis que ele é por si mesmo, o Feminismo o deixou mais difícil de acontecer, mais difícil de se sustentar, mais fácil de acabar em divórcio e mais destruidor para um homem tanto enquanto dura quanto em um eventual divórcio; e um dos motivos pelos quais a direita cristã não tem ainda menos visibilidade é que muitos "marriage strikers", que podem mostrar como o Lesbonazismo faz as moças atuais impensáveis para esposas, professam o Cristianismo. O movimento esquerdista captava quase todas as pessoas intelectualmente decentes até a década de 90 porque elas não queriam ser associadas ao Cristianismo, e só temos visto, recentemente, pessoas intelectualmente decentes defendendo ideias de direita ou cristãs porque o Socialismo e a militância de esquerda provaram pela prática que conseguem ser ainda piores. Mais: estas pessoas intelectualmente decentes defendendo o Liberalismo e o Cristianismo tradicional são menos conhecidas por esta defesa do que por atacar o esquerdismo, várias delas com um conhecimento especial por elas mesmas já terem sido esquerdistas.

Mas, como vou mostrar aqui, a direita cristã ainda não existe como alternativa cultural contra o esquerdismo. O raciocínio íntegro ainda tem muito que se espalhar na direita cristã. Os dois exemplos são de confusão de palavras transformando tagarelice de clichês em estratégia de combate e, pior, transformando resultados reais de aliados desmascarando ou humilhando adversários em supostos erros levando "fogo amigo" em fóruns da turma. Os dois casos são um de uma postagem de um membro do movimento da Real e outro da página do professor, filósofo e jornalista Olavo de Carvalho. Justamente aqueles dois sem os quais a direita cristã brasileira seria, com sorte, uma comunidade de carolas burgueses de segunda geração com grupos na internet que ninguém mais visitaria duas vezes.

Beijos.

Abigail Pereira Aranha

Lésbica fala em cortar pica e toma naquele lugar quando encontra um homem com bolas, mas um "aliado" acredita que um sucesso prático vale menos que uma confusão vocabular com pose de superioridade

(tópico do grupo "Moça, não sou obrigado a ser feminista", https://www.facebook.com/groups/443227682546989/permalink/455345034668587)

Alberto Panegassi

13 de setembro às 20:08

Oprimir é melhor do que remediar.


Catarina Vieira

e pra quem acha que eu tô precisando de pinto, corte fora o do seu macho e me mande pelo correio. ou então me passa o endereço dele que eu vou cortar pessoalmente. daí eu vou ter um PINTO. meus cachorros adoram rola frita.

Alberto Panegassi

Vem aqui em casa buscar, desgraça. Eu não sou do Estado Islâmico, mas eu gosto de decapitar feministas vagabundas.

É só chegar.

Rômulo Barbosa Já falei por aqui. Vamos evitar fazer alusão a agressão ou morte de feministas.

Elas printam esse tipo de coisa e passam adiante como discurso de ódio.

Como o movimento delas se alimenta de ódio, esse tipo de coisa só as fortalece.

15 de setembro às 10:50

Abigail Pereira Aranha Ei, rapaz, você leu os dois comentários do print screen? Um é ação e outro é reação. Larga de ser frouxo! Para sua informação:

1) a vaca passou tanta vergonha que ela mesma apagou os comentários dela na postagem original

2) eu já copiei esta imagem e não só ela, também uma conversinha fiada de outra lésbica no Lógica Feminina em um tópico sobre esse mesmo caso: http://avezdoshomens.blogspot.com/2015/09/lesbica-fala-em-cortar-pinto-e-homem.html

15 de setembro às 23:19

Rômulo Barbosa Abigail Pereira Aranha.

Você não entendeu que para o revolucionário não existe o certo ou o errado, mas apenas o que ajuda e o que atrapalha a revolução.

Se você sabe que se fizer qualquer alusão a agressões a feministas irá na verdade ajudar o movimento delas, então por que você vai fazer isso?

Só sendo muito imbecil mesmo.

16 de setembro às 00:26

Abigail Pereira Aranha Frouxidão, ad hominem e confusão verbal com pose de pensamento estratégico. Veja só essa, Alberto Panegassi

16 de setembro às 23:18

Alberto Panegassi Eu já tinha visto isso, Abigail.

Percebo que se ele estiver em um campo de batalha, ele será facilmente derrubado pelo inimigo.

Pois além de ele não ter nenhuma tática de guerra, o sujeito não é treinado para enfrentar seus inimigos.

Na guerra é assim:

Ou mata, ou morre.

17 de setembro às 07:59

Abigail Pereira Aranha E acrescento ao que o amigo disse: guerra em que só um lado atira não é guerra, é chacina.

17 de setembro às 09:37

Rômulo Barbosa Alberto Panegassi

Abigail Pereira Aranha

Só passando para informar que estou ocupado com tópicos importantes dentro deste grupo, assim, vós ignorarei.

Não irei responder aos seus comentários por considerá-los perda de tempo mesmo, assim, faço a gentiliza de avisar para que vocês não fiquem pagando mico aqui.

Estou inclusive, cancelando as notificações referentes a este tópico.

17 de setembro às 10:33

Alberto Panegassi Obrigado por informar-nos da sua incompetência diante de uma realidade da qual você é totalmente incapaz de lidar, Rômulo.

Fique a vontade com a sua ignorância e imbecilidade.

E para finalizar, a sua participação nos comentários da minha publicação é desnecessária.

17 de setembro às 10:57

Mais confusão vocabular: idolatria a um papa esquerdista na página de Olavo de Carvalho

(tópico da página "Olavo de Carvalho", https://www.facebook.com/carvalho.olavo/posts/545718215580257)

Olavo de Carvalho

15 de setembro às 21:25

Vale a pena eleger um Papa para que ele se dedique acima de tudo a repetir como um papagaio os mais vulgares chavões de propaganda inventados por inimigos da Igreja?

O Papa deixa a doutrina intacta, mas mente em quase tudo o mais.

[Compartilhamento da notícia em http://www.mrctv.org/blog/pope-blames-refugee-crisis-god-money-socio-economic-system-bad-unjust. Visualização:

Pope Blames Refugee Crisis on 'God of Money,' 'Socio-Economic System That Is Bad, Unjust'

Pope Francis declared that the current refugee crisis in Europe is being caused by a "bad, unjust" socio-economic system that worships "the god of money" -...]

Abigail Pereira Aranha Eu mesma já dizia há cerca de 40 dias atrás que a idolatria é, em primeiro lugar, valorizar e exaltar o símbolo visível quando perdeu a semelhança com aquilo que representaria, isso se já a teve. O professor entendeu bem o caso do Francisco I, mas principalmente porque esse papa entrega mais que disque-pizza em fim de semana. Alguns comentaristas aqui nem com isso enxergam. Alguns aqui idolatram um HOMEM que nem católico é só porque leva um nome de Sua Santidade (eu sou ateia e fornicária e sou mais católica que esse papa). E o engraçado é que eu tenho alguns meses que estou dizendo especificamente sobre como a direita cristã, como está, só tem um futuro: preparar o próprio enterro.

P. S.: E ninguém venha me dizer que a Igreja Católica durou vinte séculos. O próprio sucesso do Marxismo DENTRO das igrejas cristãs prova que ela não sobreviveu cercada de inimigos de verdade.

17 de setembro às 13:50

João Lazarotto A igreja não é uma república em que qualquer fiel pode se achar digno de dar o seu voto. Jesus não reuniu os 12 para questiona-los a respeito da conduta de Pedro para o papado, ainda que este o tenha negado 3 vezes.

A soberba transforma a inteligência em cegueira e obstinação.

Muito correta a luta contra o comunismo e outros males que se infiltram a nossa sociedade, agora é presunção demais querer ditar ou corrigir as atitudes do Papa, ainda que este estivesse errado. É rebaixar a Igreja num plano meramente humano, sendo que ela é divina também. É negar a ação do Espírito Santo através dos séculos.

Sejamos menos juízes da Igreja e mais críticos com nossas próprias fraquezas.

16 de setembro às 09:28

Luiz Corain Engraçado... Católico metendo o pau no Papa... De certo são os bastiões da moral católica. Alguns aqui, aposto, sequer tem capacidade de entender o tendencioso texto. A Igreja já passou por muitas provações, e nossa vã permanência aqui na terra não é capaz de compreender os desígnios de Deus. Mas em nossa soberba, bradamos e babamos aos quatro ventos nosso "descontentamento".

16 de setembro às 08:45

Alex Costa Cavalcante Simples, católico que não aceita Francisco como Papa,torne - se protestante ou ateu, chega de divisões na Igreja.


Lucas 11:23

Versos Paralelos

Biblia King James Atualizada

Toda pessoa que não está comigo, contra mim está, e aquele que comigo não ajunta, espalha. A maneira de agir de Satanás.

17 de setembro às 13:14

Luiz Corain Se esse é o nível dos católicos, se insurgindo contra o representante de Cristo na Terra, o demônio não precisa do pecado... Pode dar reset em tudo...

16 de setembro às 21:29

Nenhum comentário:

Postar um comentário